Use o Google Hangouts diretamente do seu Ubuntu

Nada melhor do que conversar com os amigos que você tanto presa e para isso uma das melhores alternativas é sem dúvida alguma os Hangouts do Google que permitem comunicação por áudio e vídeo e também pelo tradicional chat via texto de uma maneira muito simples e eficaz.

Google Hangouts no Ubuntu

Fale o quanto quiser de maneira acessível com os Hangouts


Graças as recentes atualizações que o Google Chrome recebeu agora é possível usar uma extensão do Google Hangouts e integrá-la à área de notificações do sistema do Ubuntu.

Hangouts integrados à área de notificação do Ubuntu

Com a versão mais recente do Google Chrome instalada, você pode baixar a versão mais nova diretamente do site oficial, adicione esta extensão ao seu navegador.

Simplesmente adicionando a extensão ao seu navegador ela vai parar na área de notificação do sistema, isso serve também para outras distribuições  Linux.

Pratico e fácil de usar


A aplicação se assemelha muito ao aplicativo para Android, quem está acostumado a utilizar um vai se sentir totalmente à vontade com o outro, quando desejar falar com um contato basta clicar no ícone do Hangout que fica na área de notificações e clicar em "Hangouts", assim a sua lista de amigos aparece, para falar com um deles por texto basta dar dois cliques no contato, uma nova janela vai se abrir possibilitando a conversa.

Chat do Hangout no Ubuntu

Caso você queira fazer uma vídeo conferência basta clicar no ícone da câmera dentro do chat de texto, se você ainda não tem instalado no seu PC, vai ser necessário instalar um plugin mas o próprio Hangout vai se encarregar de lhe dar as instruções.

As possibilidades do Hangout são muito grandes, se você procura um substituto ao Skype vai encontrar nele sem dúvida uma ótima alternativa.

Até a próxima!
segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Primeiro Beta do Ubuntu Utopic decepciona

Recentemente foi anunciado o novo Beta do Ubuntu 14.10 Utopic Unicorn que deverá sair em Outubro, apesar do próximo lançamento estar muito próximo você pode se decepcionar.

Novo Ubuntu 14.10 Utopic Unicorn


O mesmo Ubuntu... bom como sempre


Claro que uma versão Beta sempre contém muitos bugs e esses estão presentes na Beta 1 do Ubuntu 14.10, mas quando me refiro ao Ubuntu "ser bom como sempre" quero me referir a inovações, simplesmente não vejo nada que mereça amplo destaque, é uma simples atualização do Ubuntu 14.04 LTS com repositórios atualizados e programas mais recentes.

Mal acostumados? Talvez...


Nos últimos anos o Ubuntu é a distro que talvez mais venha inovando, sempre trazendo novidades e recursos novos versão após versão, na última versão isso não foi tão acentuado com a desculpa de que a versão era uma LTS com foco em estabilidade e por isso poucas mudanças foram implementadas mas mesmo assim houveram... já nesse...

Talvez seja costume mas realmente não está em meus planos trocar a segurança do Ubuntu 14.04 em primeira instância, ainda mais sem um bom motivo, apenas atualizações como eu falei, acho que eu espera um pouco mais dessa nova versão... sei que os desenvolvedores estão trabalhando muito no Mir e na tão sonhada convergência entre sistemas Desktop e Mobile mas poderia ter colocado algo realmente novo além dos wallpapers.

Quer ver com seus próprios olhos?


O novo Ubuntu 14.10 Beta 1 está disponível para todos os interessados a testar e a reportar bugs, o sistema ainda não está em sua versão final então é saudável usá-lo apenas para fim de testes sem comprometer a sua máquina de produção com ele.




Novo Kazam permite livestreams no YouTube

Mais uma vez a comunidade do software livre se supera, novo Kazam Screemcaster traz ferramenta para fazer lives no YouTube diretamente do seu Linux e também suporte a Webcam.

Novo Kazam Screemcaster

Kazam: Muitas ferramentas em um único programa


Se você está procurando um programa completo para ScreenCast vai encontrar no Kazam uma das melhores alternativas para isso, a futura versão do software vem com melhorias e algumas ótimas implementações. 

Essa versão do Kazam ainda está em desenvolvimento, mesmo assim você aprenderá a instá-la ao final deste artigo.

Novidades que acompanham o programa


Quem já trabalhava com ele vai achar uma grata surpresa os novos recursos, para quem gosta de fazer gameplays com facecam, que é aquela prática de filmar-se a si mesmo enquanto joga, vai encontrar este recurso nativo no novo Kazam.
Outro recurso novo é a possibilidade de fazer broadcast diretamente para o YouTube, ou seja, fazer eventos ao vivo, bastando entrar com a sua conta nas configurações no Programa.

Novo ícone do Kazam
Novo ícone do Kazam segue o estilo dos Smartphones


O ícone também recebeu um redesenho e está mais semelhante aos ícones de aplicativos de Smartphone, e uma observação pessoal, na versão atual o Kazam (ao menos para mim) sofria com um bug estranho, quando usamos a opção de gravar uma região específica da tela ele fecha de uma hora para outra tornando inviável o seu uso, nesta nova versão o mesmo bug não se apresenta.

Os melhores recursos para quem quer fazer captura de tela


Kazam é um ótimo programa para fazer captura de tela

Para quem ainda não conhece agora vamos elucidar os recursos do programa, além das novidades já comentadas anteriormente o Kazam ainda pode:

- Capturar tela completa;
- Capturar apenas uma janela especifica;
- Capturar uma área específica que o usuário define desenhando na tela;
- Capturar multimonitores
- Capturar ou não o cursor do mouse;
- Capturar ou não o som dos auto falantes (caixas de som ou fones de ouvido);
- Capturar ou não o som do seu Microfone;
- Capturar as teclas e os cliques do mouse;
- Capturar a sua Webcam;
- Fazer printscreens da sua tela com os mesmos recursos da captura de vídeo;
- Fazer transmissões ao vico no YouTube;
- Pode exibir um contador de segundos antes de iniciar a gravaçao;

Menu de opções do Kazam

Você ainda pode:

- Definir qual é a saída e entrada de áudio que deseja usar;
- Habilitar ou desabilitar o contador de segundos que aparece na tela antes da gravação começar;
- Definir o número de quadros por segundos da captura;
- Escolher entre os codecs H264 (MP4), VP8 (WEBM), RAW (AVI), HUFFYUV (AVI), LossLess JPG (AVI) para encodar o vídeo;
- Pode selecionar onde salvar a captura de tela automaticamente;
- O mesmo vale para as capturas de imagem e você ainda pode selecionar o som do obturador da câmera entre Nikon D80 e  Canon 7D.

É um software realmente completo e que vale a pena testar, vamos aprender a instalar no Ubuntu?

Instalando o novo Kazam Screencaster no Ubuntu e derivados


Se você apenas quer testar o Kazam recomendados que instale a versão que está na Central de Programas, você terá uma noção básica de como ele funciona, para isso clique no botão abaixo:

Clique para instalar


Vale alertar que a versão que está na Central de Programas não possui todos os recursos dessa versão em desenvolvimento que comentamos neste artigo, para instalar essa versão você precisará adicionar o repositório dos desenvolvedores do software e para isso vamos utilizar um simples PPA, se você não curte muito digitar comandos por favor verifique este artigo onde ensinamos a adicionar um PPA pela interface gráfica, se está pronto para continuar vamos lá, no terminal apenas cole este comando:

sudo add-apt-repository ppa:kazam-team/unstable-series && sudo apt-get update && sudo apt-get install kazam python3-cairo python3-xlib

Lembre-se, esta é uma versão em desenvolvimento ainda, bugs podem acontecer e seria muito interesse se você os reportasse caso ocorra, assim o pessoal que desenvolve o Kazam pode melhorar ele ainda mais.

Até a próxima! 
domingo, 31 de agosto de 2014

Instale a última versão do excelente editor de vídeo grátis Kdenlive

Se você gosta de trabalhar com edição de vídeo e ainda está procurando um programa gratuito ideal para os seus trabalhos as sua busca acaba agora!

Kdenlive - Não basta ser grátis, tem que ser o melhor!


Infelizmente lemos muito pouco sobre o Kdenlive na internet, é realmente uma pena, ainda mais pela qualidade que o software tem, o projeto Kdenlive derivou do projeto KDE e apesar de ter ótimas qualidades acabou sofrendo com a falta de mantenedores.

instale-ultima-versao-kdenlive-ppa

Depois de quase um ano de projeto parado felizmente em Maio de 2014 o projeto voltou à ativa e agora está dando frutos, novos recursos, melhorias e correções de bugs estão na nova versão do Kdenlive.

As mudanças no software


Quem gosta de trabalhar com efeitos de vídeo como ChromaKey vai adorar a surpresa, as ferramentas para manipulação de alpha e consequentemente ChromaKey ganharam um refinamento e estão mais detalhadas permitindo um efeito muito melhor, para se ter uma ideia no final do vídeo "Euro Truck Simulator 2 para Linux - Simulador de Pedro e Bino" você pode me ver brincando com este efeito e lançando um míssil na tela, tudo bem que ficou um pouco tosco mas eu melhor, prometo!

Versão mais recente do Kdenlive


Outra coisa bacana que encontrei na nova versão está relacionada a possibilidade de editar áudio dentro dele que recursos muito interessantes como redução de ruído de som, mesma função presente no Audacity, e compressão de áudio que pode ser útil para aumentar o som de algum áudio sem distorce-lo.

Como instalar a versão mais recente do Kdenlive no Ubuntu e derivados


Agora vamos a parte mais interessante, instalar no nosso computador para poder aproveitar as maravilhas do programa, antes de mais nada é bom avisar que o Kdenlive está disponível para qualquer distribuição Linux e também para Mac OSX, para Windows não... aí vai meu sorriso de canto de boca, entretanto, este tutorial vai servir para instalar apenas no Ubuntu e seus derivados, como o Linux Mint, para demais distros e Mac consulte a página oficial.

Para instalarmos este programa vamos precisar do PPA de desenvolvimento, uma versão mais antiga do Kdenlive com recursos a menos está disponível na Central de Programas do Ubuntu, se você quiser apenas ver o programa para ver como as coisas funcionam você pode baixar por lá, para os que ainda não se sentem à vontade usando os comandos do Linux também é interessante instalar aquela versão da Central de Programas mesmo.

Mesmo assim ainda quero sugerir dois artigos para os que não gostam de usar comandos no terminal, isso vai contornar os seus problemas com toda a certeza:



Então agora vamos instalar o Kdenlive na versão 0.9.8, abra o terminal e cole os seguintes comandos:

sudo add-apt-repository ppa:sunab/kdenlive-release
sudo apt-get update
sudo apt-get install kdenlive

Pronto! Kdenlive habilitado para você se tornar o novo Spielberg, vale lembrar que mantendo este PPA no seu sistema sempre que houver alguma atualização você receberá juntamente com as atualizações do sistema.

Até a próxima!
sábado, 30 de agosto de 2014

1 Tera Byte - Dropbox exagera na oferta de seu novo plano!

Quando essa onda de armazenamento em nuvem começou eu fui um dos primeiros entre os meus amigos a aderir, hoje em dia não consigo trabalhar sem uma ou duas ferramentas de sincronização, dentre elas o nosso querido Dropbox, eu sempre acreditei e conforme o tempo fosse passando e esse tipo de serviço fosse se popularizando o custo para se poder armazenar grandes quantidades de dados online também diminuiria, prova disso é o novo plano do Dropbox; e fica a pergunta, qual a quantidade de dados que você precisa armazenar?

Dropbox oferece novo serviço de 1TB por $ 9.99



Que tal começarmos com 1TB por $ 9,99 por mês?

Tenho certeza que essa quantia impressiona até mesmo os mais viciados em serviços online, aquele pessoal que cria conta em tudo que é serviço de armazenamento virtual, 1 Tera Byte deve ser o mais que suficiente para que você e para qualquer outra pessoa, de qualquer forma, a nova proposta do Dropbox e excepcionalmente viável.

Um preço acessível para muito espaço


O anúncio da nova modalidade foi feito através do blog do Dropbox e oferece o serviço de armazenamento de 1024 Giga Bytes por apenas 9.99 dólares, que na nossa moeda da mais ou menos R$ 23,00 por mês.

Pode parecer muito para um usuário comum, tanto no preço quanto na capacidade de armazenamento, e realmente é, mas para uma empresa que utilize o serviço chega a ser muito em conta.

Comparativo com o Mega


Para termos uma noção mais claro do que essa iniciativa do Dropbox significa resolvemos colocá-la lado a lado com outra empresa gigante do setor, o Mega de Kim Dotcom.

Mega vs Dropbox


O Mega oferece "apenas" 500 GB de espaço pelo mesmo valor mensal que o Dropbox oferece por 1 TB, entretanto fazendo a assinatura anual e comprando  2TB no Mega você economiza uns 40 dólares e tem o dobro do espaço.

Vale a pena?


Apesar de eu usar muito estes serviços de armazenamento online para mim 1TB não é necessário, ainda mais com serviços como o MEO Cloud oferecendo 16 GB gratuitamente, entretanto, essa pode ser uma boa alternativa para empresas que simplesmente vão ter o trabalho de escolher com qual empresa querem trabalhar, felizmente os preços estão bons e competitivos.

E você, compraria uma conta de 1TB no Dropbox?

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Veja como fazer para instalar programas de 32 bits no Ubuntu 14.04 LTS de 64 bits

A Canonical mudou um pouco a forma como gerenciamos as múltiplas arquiteturas de processadores e pacotes na última versão do Ubuntu, antigamente tínhamos apenas que instalar um pacote adicionando as ia32libs e BINGO! estava feito.

32-bits-no-ubuntu-64

Na versão 14.04 LTS do Ubuntu a Canonical retirou este pacote simpático mas as libs responsáveis pela compatibilidade entre multi arquiteturas continuam lá, só não estão empacotadinhas.

Este é um tutorial um pouco avançado e será necessário o uso do terminal.

Como habilitar a arquitetura 32 bits no Ubuntu 64 bits


Primeiramente vamos ter certeza de que você está usando um sistema de 64 bits, abra o terminal e cole o seguinte comando:
dpkg --print-architecture
Este comando serve para verificar qual a arquitetura do seu sistema, caso você esteja utilizando o Ubuntu de 64 bits o resultado será "AMD64" sem aspas, caso contrário você já possui um sistema de 32 bits e está convidado a ler outro artigo aqui do blog. =D

Prosseguindo, agora vamos ser se o seu sistema já tem o suporte para múltiplas arquiteturas usando o seguinte comando:
dpkg --print-architecture
A resposta deste comando verá ser "i386" sem aspas indicando que o sistema já possui a arquitetura adicionada, caso não seja essa a resposta adicione a arquitetura com o comando abaixo:
sudo dpkg --add-architecture i386
E agora uma boa e velha atualizada nos repositórios:
sudo apt-get update 
 Agora é que as coisas mudam um pouco, antes com o pacote de ia32libs você já instalava um conjunto de bibliotecas, agora elas simplesmente estão disponíveis para instalação se você quiser utilizá-las, basta acrescentar o sufixo :i386 no final de cada lib.

Exemplo:

Suponhamos que você queira instalar as libs libidn11 e libglu1-mesa bastaria digitar o comando:
sudo apt-get install libidn11:i386 libglu1-mesa:i386
Atentando para adicionar o :i386 no final, uma boa maneira de ver todos os pacotes de 32 bits no repositório é usando o Synaptic, ele é um gerenciador de pacotes muito completo e cheio de recursos, se você ainda não tem ele instalado pode instalar pela Central de Programas do Ubuntu ou usando o comando:
sudo apt-get install synaptic
Uma vez instalado abra pelo menu:


Do lado esquerdo clique em "Arquitetura", ainda na esquerda na parte superior clique em "Arch i386" e do lado direito será exibido todos os pacotes de 32 bits para o seu desfrute, para instalar basta selecionar um pacote e clicar em "Aplicar" no menu superior.

Até a próxima!





quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Certified Hardware, seu computador pode rodar o Ubuntu?

Conheça uma área um pouco explorada no site do Ubuntu


Este artigo é uma sugestão que eu recebi por e-mail, infelizmente não consegui mais encontrá-lo para informar o nome da pessoa, de qualquer forma, obrigado pela sugestão, este é realmente um assunto muito interessante e importante, e talvez poucos usuários conheçam.

Ubuntu Certified Hardware

Existe uma sessão dentro do site do Ubuntu, você pode acessar ela aqui, que relaciona marcas e modelos de computadores, Desktops, notebooks e até mesmo servidores que possuem hardware certificado pela Canonical para rodar o Ubuntu.

Lá você encontrar modelos que são altamente compatíveis com o sistema operacional Ubuntu, é uma boa maneira de acertar em cheio na sua compra e evitar de comprar um hardware que não seja totalmente compatível, a Dell lidera com um número de modelos que somando os dispositivos fica acima de 300.

#Ficaadica

Euro Truck Simulator 2 para Linux

Veja um gameplay de Euro Truck Simulator 2 para Linux


Quem gosta de simuladores não pode deixar de conhecer um dos melhores jogos do gênero, Euro Truck Simulator 2 tem muitos fãs por todo o mundo e você pode jogá-los no Linux.

Euro Truck Simulator 2 para Linux
Imagem: Softpedia

O game está disponível para compra na plataforma Steam e você pode acessar o conteúdo através deste link, o game custa atualmente R$ 34,99.

Se você ainda não conhecia o game uma boa oportunidade para conhecer é vendo o nosso gameplay logo abaixo.


Se a primeira vez que você vê o nosso canal, inscreva-se! Sempre tem muitas dicas e gameplays de jogos para Linux por lá!

Até a próxima!
terça-feira, 26 de agosto de 2014

Point Blank no Linux

Ajude a trazer o Point Blank para o Linux


O game Point Blank da Ongame é muito popular no gênero FPS e possui uma quantidade enorme de fãs por vários países do mundo.

Point Blank no Linux

É um game gratuito e pode ser baixado através do portal oficial da Ongame dedicado a ele, atualmente ele só está disponível para Windows e o seu porte para o sistema Linux abriria um novo mercado de games para o Pinguim, mercado este que está aquecido por conta da Steam da Valve.

Por isso resolvemos abrir um abaixo assinado para entregar a Ongame um pedido para fazer o Point Blank para Linux, você pode nos ajudar assinando a petição e compartilhando a mesma para o maior número de amigos que você puder.


Mesmo que você não curta jogos ajude, pois o crescimento do Linux no desktop é útil para todos os usuários.

Notas Autoadesivas no Ubuntu, conheça as opções

Os melhores programas para você tomar notas no sistema do Pinguim


Semana passada estava trabalhando com um amigo meu que usa o Windows 7 e assim que ele ligou o notebook dele a tela tapou-se de notas do aplicativo de notas adesivas tradicional do sistema da Microsoft.

Stick Notes do Windows 7

Apesar da aparente desorganização daquilo eu tenho certeza de que aquele tipo de aplicação é de extrema utilidade para ele e então pensei, qual seria a aplicação ideal para substituir os stick notes do Windows no Linux, no Ubuntu mais precisamente?

Então fiz alguns testes com alguns programas para chegar a uma conclusão melhor e agora apresentar boas alternativas.

Quem é das antigas deve lembrar que o Ubuntu vinha com uma aplicação de notas chamada Tomboy, que é uma maneira muito bacana de armazenar as notas e é certamente uma opção, mas ele, assim como o Gnote (aplicações de notas do Gnome) possui uma interface que tem, digamos assim, um passo a mais antes de criar as notas, diminui levemente a produtividade de criar as notas mas elas ficam mais organizadas, de qualquer forma, não é semelhante à aplicação do Windows.

Então encontrei uma aplicação chamada XPad que tem as mesmas características, você pode encher os seus desktop de notinhas e fechar o programa, assim que você abrir ele novamente elas voltam a povoar a sua área de trabalho.

XPad - Notas Adesivas para o Ubuntu

O Xpad ainda tem várias opções de configuração, você pode mudar a fonte dele, mudar a cor da nota também, assim você pode separar coisas urgentes por cor, usando a cor vermelha por exemplo.

 Clique para instalar o Xpad

Qual ferramenta eu utilizo?


Eu como qualquer outro mortal também utilizo notas para lembrar das coisas mas utilizo mesmo no Ubuntu a ferramenta do Google chamada Keep.

O Google Keep é ferramenta de anotações que muitos recursos e que possui sincronia automática com a nuvem do Google, você pode usar ele através do Google Chrome mas eu mostrei como usar ele integrado ao sistema, leia este artigo onde as coisas estão mais explicadas.

Vale lembrar que o Tomboy Notas também tem o recurso de ligar a um serviço em nuvem como o Dropbox e o XPad apesar de ser mais prático armazena as notas localmente.

Gostou da dica? Compartilhe! =)