Conexão Diolinux

Chromium OS - Versão Desktop de 64 bits está disponível

Assim como existe o Google Chrome e o projeto Chromium, nós também temos o Chrome OS e o Chromium OS. A versão custom do Chromium OS agora tem suporte para 64 bits e está disponível para download gratuitamente.

Chromium OS






Os desenvolvedor do Android x86 Arne Exton, desenvolveu uma versão customizada do Chromium OS. O código do sistema é uma variação do Chrome OS da Google, que tem código aberto, a ideia é que ele possa ser instalado em qualquer computador de 64 bits.

Chromium OS


Quem quer ter uma experiência parecida com o Chrome OS sem abrir mão dos apps offline do Linux, pode dar uma olhada no projeto Cub Linux, porém, o Chromium OS é realmente uma compilação à partir do código fonte do Chrome OS, outra alternativa e ele é o NayuOS.

Você encontra os links para download e instruções para instalação aqui. 

Bons testes e até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




quinta-feira, 26 de maio de 2016

Shotwell Photo Manager muda de desenvolvedor e recebe nova atualização

O Shotwell Photo Manager é uma aplicação Gnome que acompanha o Ubuntu há algum tempo, ele também era o aplicativo de visualização de imagens padrão do elementary OS, anteriormente desenvolvido pela empresa Yorba e que agora ele está sob nova direção.

Shotwell




A empresa Yorba deixou de operar e os aplicativos que eles mantiveram durantes os últimos anos tiveram um hiato em seu desenvolvimento, porém, como tudo no mundo open source que desperta o interesse dos desenvolvedores, os projetos da Yorba não morreram.
Leia também: Como usar o Shotwell para criar um Slide de wallpapers na sua área de trabalho

O primeiro a voltar foi o gerenciador de e-mails Geary e agora temos a volta do Shotwell. O novo desenvolvedor do Shotwell é Jens Georg, ele tem um novo repositório PPA para o Shotwell, você pode instalar no seu Ubuntu ou qualquer outra distribuição derivada usando o seguinte repositório: ppa:yg-jensge/shotwell



Quem preferir fazer a instalação por terminal pode usar o seguinte comando:

sudo add-apt-repository ppa:yg-jensge/shotwell -y && sudo apt update && sudo apt install shotwell -y
Confira aqui todas as mudanças feitas na nova versão.

Até a próxima!

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Nexus acaba de receber uma forma ainda mais simples de atualização

Se você é tipo de pessoa que gosta de usar um smartphone Android puro, certamente já ouviu falar do Nexus e suas atualizações sempre constantes com as modificações vindas diretamente da Google. O Nexus é de fato, o modelo que carrega "o Android" mesmo, as demais marcas fazem sempre customizações, e agora você ganhou mais um motivo para querer um para você.

Nexus receberá atualizações mais facilmente




A novidade que a Google revelou sobre os aparelhos Nexus vai agradar quem gosta de sempre ter as últimas versões do Android com todas as atualizações e modificações feitas pela empresa. Essas atualizações já  chegam normalmente para os aparelhos via OTA, mas quem tem mais pressa normalmente vai até o site e baixa as ROMs, desbloqueia o bootloader do smartphone e faz a instalação manualmente.

A novidade é que agora a Google vai permitir que você baixe essas atualizações via OTA também, muito antes do que era normalmente, basta você aceitar os termos de licença, estes consistem em informar que a responsabilidade por essa atualizações fica por conta do usuário, uma vez que elas não são a atualização "oficial" via OTA, e sim um "early access" para as imagens.

Os arquivos estão disponíveis para os modelos Pixel C, Nexus 6P, Nexus 5X, Nexus 5, Nexus 6, Nexus 7, Nexus 9 e Nexus Player. Todos com a versão do Android Marshmallow 6.0.1. E futuramente estarão disponíveis outras versões.

A grande vantagem disso é que não será mais necessário desbloquear o bootloader obrigatoriamente para fazer essas atualizações.

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




quarta-feira, 25 de maio de 2016

Apple estaria pensando em baixar os preços dos iPhones

Tim Cook, CEO da Apple, afirmou que está estudando a possibilidade de baixar o preço dos iPhones ao redor do mundo para torná-los mais acessíveis. Confira.

Apple pretende baixar preços dos iPhones




Muita gente acha que eu não gosto da Apple só porque eu uso Linux como sistema operacional no dia a dia, mas isso não é verdade, eu gosto é de tecnologia e tenho a Apple como uma das referências neste segmento, porém, toda a vez que alguém me pergunta o que eu acho do iPhone a resposta é quase sempre a mesma:

"- Não vale o que custa."

Ele é uma aparelho muito bom sem dúvida, mas realmente ele tem um preço muito acima da média, especialmente para o bolso do brasileiro, ele está muito longe de ser um artigo convencional, passando a ser um artigo de luxo. A Apple sabe que o Brasil tem o iPhone mais caro do mundo e está pensando em mudar algumas políticas.

Na verdade, não é só o mercado brasileiro que tem reclamado do preços dos produtos da Apple em geral, não só dos iPhones, outro mercado que desperta o interesse da Apple que tem potencial para crescer é o Indiano, e lá também os preços não são nada amistosos, ainda que sejam mais baratos que no Brasil.

Segundo o Business Insider, as vendas da Apple diminuíram 16% no último trimestre, parece que quem abocanhou mais um pouco do mercado foi o Android. Tim Cook não deixou claro, mas é perfeitamente concebível supor que um dos motivos para que isso aconteça é o preço, hoje em dia as pessoas estão gastando menos com aparelhos, pois existem muitos modelos com preços intermediarias e configurações boas o suficiente para atender a demanda da maioria.

"Eu reconheço que os preços são elevados. Queremos fazer os preços menores ao longo do tempo na medida do possível". Disse, Tim Cook.

A Apple sempre buscou a elite, o público alvo sempre foi este e os preços praticados eram uma das barreiras que dividiam este público, porém, com o mercado de Smartphones estabilizando, parece que a Apple está sentindo a concorrência tomar a dianteira com soluções mais simples, que atendem o que o consumidor médio quer, sem precisar gastar muito.

Não foi declarado quando haverão mudanças e muito menos o quanto o preço poderia baixar, nem mesmo onde, mas parece que "a água começou a bater na bunda", como se diz por aí.

Já tivemos o lançamentos de versões alternativas do iPhone, algo impensável na administração de Jobs, o que será que vem por aí?
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




terça-feira, 24 de maio de 2016

Senado abre enquete sobre limitação de internet, vote agora!

A briga dos usuários de internet contra as empresas de telefonia está ainda longe de acabar, mas ao menos agora o Senado brasileiro está tentando colher informações sobre a opinião das pessoas sobre este assunto.

Votação do Senado sobre limitação de internet



O estado político brasileiro faz "House of Cards" parecer brincadeira de criança, são tantas coisas acontecendo que é muito fácil deixar informações passar. Por isso, para te manter informado e ajudar a manter o assunto "quente", hoje temos este post.

Um dos assuntos mais polêmicos deste ano é a tentativa de limitar a internet brasileira, vários veículos de comunicação já falaram sobre o assunto e nós também temos um vídeo abordando-o, caso você ainda não tenha visto, ele está logo abaixo:





Inscreva-se gratuitamente para receber mais vídeos como este no YouTube

O Senado brasileiro quer saber a sua opinião sobre assuntos relacionados a internet brasileira, entre eles a sua opinião sobre a limitação através de franquias. É a sua chance de dizer um grande NÃO a esse verdadeiro retrocesso na tecnologia que o país corre o risco de sofrer.

Existem outras questões referentes ao Marco Civil da Internet e como essas mudanças vão afetar o mercado, você pode deixar a sua opinião sobre tudo isso, clique no botão abaixo para votar.


Aproveite e compartilhe a informação com os seus amigos para que eles possam votar também, até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Kernel Linux 4.6 chega com melhorias para evitar aquecimento em notebooks

Linus Torvalds liberou uma nova versão do Kernel Linux com várias melhorias interessantes, especialmente para quem tem alguns modelos específicos de notebooks, saiba maiores detalhes:

Kernel Linux 4.6



O Kernel Linux 4.6 chegou com várias modificações, segundo Linus Torvalds, este lançamento foi um dos que tiveram uma maior quantidade de contribuições e modificações. O que trouxe várias coisas interessantes para o software.

Usuários finais deverão perceber um melhor controle de temperaturas em notebooks, corrigindo um bug sério que acontecia em alguns modelos da Lenovo. Esta versão do Linux também melhora o suporte para Notebooks da Dell e inclui suporte completo para a linha gamer da Alienware.
Veja também: Alienware volta ao Brasil com computadores incrivelmente caros
O Kernel 4.6 também melhora o suporte para dispositivos embarcados e com tecnologia ARM, incluindo suporte para arquitetura de 64 bits para a mesma. 
Conheça também: O DuZeru Kernel Install
Há também suporte para a nova linha de processadores Power9, normalmente utilizado em servidores High-End.

Drivers da AMD novos também fora incluídos para melhorar o suporte para os chips gráficos e houve também uma ampliação da compatibilidade com drivers de rede.

Você pode encontrar mais informações sobre o lançamento da versão 4.6 do Kernel Linux no anúncio oficial de Linus Torvalds.
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Conteúdo da Disney chegará em peso na Netflix

Finalmente uma parceria firmada entre a Netflix e a Disney, ainda em 2012, começara a ter efeito prático. Em Setembro a empresa de streaming de vídeo terá uma biblioteca exclusiva de conteúdo para ser distribuído para os clientes.

Disney na Netflix



A Netflix será a única plataforma de streaming que reproduzirá conteúdo da Disney, Pixar, Lucasfilm e Marvel no mesmo período que canais de TV convencional. Isso irá amenizar o "problema" da Netflix de sempre exibir conteúdo atrasado, se comparando com canais pagos de TV.
Leia também: O trunfo da Netflix para não congestionar a internet do mundo
Todos os filmes da Disney que ainda vão ser lançados em 2016 já estarão inclusos no pacote que estreia em Setembro na Netflix, isso significa que os fãs de Star Wars que estão esperando ansiosamente pelo "Rogue One" poderão assistir o mesmo pela Netflix muito antes do que poderia ser esperado.

As informações são do blog da Netflix.
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Daydream é a nova plataforma da Google para realidade virtual

A Google anunciou em sua conferência Google I/O 2016 a plataforma Daydream, ela será uma forma dos desenvolvedores integrarem conteúdos de realidade virtual ao Android N.

Daydream Google no Android N




As empresas de tecnologia estão correndo muito atrás de uma boa experiência com realidade virtual e com a Google não é diferente, a empresa desenvolveu uma nova plataforma que se integrará ao novo Android N e permitirá que os fabricantes de hardware criem suas próprias experiências em VR.

Google Daydream


Apesar da nova versão do Android trazer a possibilidade do uso da Daydream, apenas Smartphones que possuírem certos componentes,  como sensores específicos, poderão utilizar a tecnologia de maneira satisfatória.

Google Daydream


A Google pretende integrar o Android com a realidade virtual em várias de suas aplicações, como o YouTube, Google StreetView, Play Store e outros no futuro. Alguns parceiros da empresa que começarão a produzir conteúdo interativo são a Netflix, HBO e CNN.

Dentre os parceiros fabricantes de hardware confirmados para investir na Daydream estão a Samsung, HTC, LG, Xiaomi, Huawau, ZTE, ASUS e Alcatel.

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Cinnamon com gerenciamento de janelas semelhante ao Windows

Uma das coisas que eu menos curto no Cinnamon é a maneira padrão de organizar as janelas abertas, ele se assemelha muito ao que era aplicado no Windows XP, onde você tem favoritos e cada vez que você abre um programa ele abre uma janela nova em um espaço retangular na barra de tarefas, o que faz com que as aplicações ocupem um espaço tremendo e não seja prático adicionar muitos ícones ali. Bom, vamos dar um jeito nisso!

Cinnamon com ícones sobrepostos



Como eu estou sempre em contato com usuários novos e que normalmente vem do Windows eu costumo usar sistemas e interfaces que são familiares e portas de entrada para eles, venho considerando trocar meu sistema para o Linux Mint 18 quando ele sair, ou talvez a minha interface de trabalho para o Cinnamon, que também é muito amigável para novatos.
Leia também: Veja como instalar o Cinnamon 3.0 no Ubuntu e derivados
Um das características que eu mais gosto no Unity, no Windows, no Mac, no Gnome, e até mesmo no KDE Plasma (mesmo que não seja padrão), é a possibilidade de agrupar os programas abertos sobre seus próprios ícones, isso permite que eu possa adicionar vários programa na minha barra de tarefas e manusear as suas janelas por ali.

Muito mais prático e econômico (no sentido de espaço), não é não? O único problema é que esse não é o padrão do Cinnamon e não é nem sequer uma opção que você possa simplesmente habilitar, é necessário baixar um complemento para isso, felizmente não é nada complicado.

Como instalar o "Window List with App Grouping" no Cinnamon


Clique com o botão direito do mouse sobre a barra  do Cinnamon e vá até em "Adicionar miniaplicativos  ao painel", é possível acessar opção através do painel de controle do Cinnamon também.

Applets

Vá até "Applets disponíveis (on-line)" e procure pela extensão "Windows list with App Grouping", mais descritivo que isso impossível! :D

Marque ele e clique no botão "Instalar ou atualizar os itens selecionados", depois disso ele aparece na sessão de "Applets instalados". Nela você irá adicionar ele à sua barra, para remover a outro modo de agrupamento basta clicar novamente com o botão direito do mouse sobre a barra de tarefas do Cinnamon e marcar a opção de "edição de painel", então vá com o mouse sobre o antigo modo de agrupar janelas, clique com o botão direito novamente e clique em "remover o miniaplicativo", aproveite e mova o novo "Window List with App Grouping" para a posição que desejar e só então desligue o modo de edição do painel.

Esse era o maior defeito do Cinnamon na minha opinião, ainda que este aplicativo não tem uma tradução completa para o português, ele funciona muito bem e tem até miniaturas das janelas quando você possa o mouse sobre os ícones, te dando a possibilidade de até mesmo fechar os programas, de uma forma realmente semelhante ao Windows.

E aí curtiu a dica? :)

Até a próxima!

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Microsoft mudará os requisitos mínimos para rodar o Windows

Pela primeira vez em muitos anos teremos um Windows que exigirá um pouco mais de memória RAM para seu funcionamento básico. A Microsoft anunciou que uma atualização para o dia 29 de Julho que mudará um pouco as coisas.

Windows 10




A atualização de aniversário do Windows 10,  além de trazer alguns novos recursos interessantes para a plataforma, como "Hello Login" e implementações para a assistente Cortana, trará também uma modificação no requerimento mínimo para rodar o sistema.

Desde o Windows 7 em 2009, a versão de 32 bits requeria apenas 1 GB de RAM para rodar e a versão de 64 bits do Windows necessitava de no mínimo 2GB, sendo que ambos os casos você não teria de qualquer forma uma experiência fluida com o sistema, estes eram o requisitos para literalmente, fazer o sistema funcionar com seus recursos.
Leia também: 5 distros Linux que podem salvar o seu computador antigo
A Build 1607 do Windows 10 exigirá de ambas as arquiteturas pelo menos 2 GB de RAM, em complemento a isso será necessário pelo menos um processador de 1 Ghz e armazenamento de pelo menos 16 GB e 20 GB para as versões de 32 e 64 bits, respectivamente.

Hoje em dia a maior partes dos computadores adquiridos pelos consumidores já vem com muito mais recursos de hardware do que isso, mas quem pretendia utilizar o Windows mais recente em uma máquina mais modesta poderá ter que fazer um upgrade.

As informações são do CNET.
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.