OpenShot 2.3 é lançado com nova ferramenta Picture in Picture e mais recursos Dionatan Simioni domingo, 2 de abril de 2017

Quem está procurando um editor de vídeos relativamente simples para usar no Linux pode encerrar as suas buscas pelo OpenShot. Apesar de simples, ele vem adicionando recursos interessantes para facilitar ainda mais e automatizar a produção de editores de vídeo caseiros, confira as novidades que a versão 2.3 traz para você.

Nova versão do OpenShot video editor




Eu acho o OpenShot perfeito para quem quer fazer edições simples, cortar um vídeo aqui, colocar uma transição ali, colocar uma música de fundo, etc. e apesar isso, ele ainda permite algumas construções mais avançadas, especialmente depois deste último lançamento.
OpenShot 2.3

Jonathan Thomas, o principal desenvolvedor do editor, liberou um vídeo onde ele explica e demonstra um pouco mais das novidades desta versão:


O grande diferencial desta nova versão parece ser mesmo a ferramenta de transformação fácil, que permite que você crie até mesmo animações de movimento de forma simples, com movimentos baseados em keyframes, porém, sem a necessidade de conhecimento avançado nesse tipo de recurso.

Outra coisa que não posso deixar de comentar é a volta da ferramenta de tesoura para cortar os clipes (razor tool), sim, o OpenShot sempre permitiu cortes, mas desde a versão 1.4.3 que o ícone de tesoura deixou de existir, obrigando a usar a tecla de atalho "Ctrl+K" para fazer os cortes, algo que para produção pode ser até eficaz, mas para o público leigo complica um pouco, aliás, o atalho continua funcionando, com a diferença de que agora só o usa quem quiser.

Existem várias outras mudanças interessantes que você pode consultar diretamente do site oficial do editor de vídeos, basta clicar aqui, tem alguns exemplos bem legais.

Instalação do Ubuntu e outros sistemas


O OpenShot possui versões para distros Linux, macOS e Windows, sendo que todos os arquivos que você precisa para instalar ele no seu computador são encontrados na página de download do projeto, incluindo até mesmo o código fonte da aplicação.

Em termos de "Linux", o OpenShot é distribuído oficialmente apenas de duas formas, através do AppImage (para qualquer distro) e através de PPA para o Ubuntu e seus derivados.

Quem já usa o PPA ppa:openshot.developers/ppa só precisa manter o sistema atualizado para ter a última versão do aplicativo. Quem não tem, basta adicionar:
sudo add-apt-repository ppa:openshot.developers/ppa
sudo apt-get update
sudo apt-get install openshot-qt
Lembrando que este PPA é somente compatível com o Ubuntu 14.04 LTS ou superiores e ainda é uma versão Beta, apesar de estar funcionando muito bem. Quem não gosta muito de usar o terminal, pode instalar sem usar o terminal usando o AppImage ou usando ferramentas gráficas.

Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Dionatan Simioni
por Dionatan Simioni

Blogueiro, Youtuber, Escritor e Professor, usuário de Ubuntu e Android, apaixonado por games e tecnologia.

Siga-me @ Twitter | Facebook | Google Plus

comments powered by Disqus