Diolinux - Open Source, Ubuntu, Android e tecnologia

Responsive Ad Slot

Mostrando postagens com marcador Noticia. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Noticia. Mostrar todas as postagens

gLinux - Google lança distro Linux para uso interno baseada no Debian Testing

Nenhum comentário

quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

A Google anunciou uma nova distribuição Linux para uso em desenvolvimento interno chamada gLinux, que será baseada no Debian, essa distro vai substituir o Goobuntu, que é usado atualmente e é baseado no Ubuntu, como o nome sugere.

gLinux distro do Google






A Google vem usando o Goobuntu por mais de cinco anos, uma distribuição Linux baseada no Ubuntu 14.04 LTS e modificada pelo empresa para se adaptar melhor às suas necessidades de desenvolvimento, no entanto, isso deverá mudar pois a empresa decidiu substituir o Goobuntu pelo que está sendo chamado de gLinux, uma nova distro baseada no Debian Testing. 

Essa notícia havia sido anunciada no Debconf17, em Agosto do ano passado, no entanto, só agora a mudança realmente chamou a atenção. Inclusive, você pode conferir a apresentação logo abaixo:


A transição de base do Ubuntu 14.04 LTS para o Debian Testing será gerenciada completamente pela Google graças a uma ferramenta criada pela empresa pra que seja possível "transformar um sistema no outro", sem precisar ficar reinstalando todas as estações do zero.

A Google não vai colocar o gLinux para download, mas prometeu contribuir fortemente com o projeto Debian, enviando todas as mudanças e código de melhorias que forem feitas diretamente para o projeto, para que assim ele seja distribuído para todos, evitando assim que as ferramentas proprietárias que serão incluídas na distro para uso interno sejam vazadas ou alguma informação sigilosa seja compartilhada "por engano".

Você pode ver as informações sobre o projeto gLinux direto da conferência do Debian por volta dos 12 minutos no vídeo acima. Margarita Monterola comenta que a escolha pelo Debian se deve ao formato Rolling Release da versão Testing especialmente, apesar do projeto ainda estar sendo testado, a funcionária da Google mencionou que eles só pretendem lançar o sistema para todos os funcionários da empresa quando ele estiver "pronto."

Até a próxima!

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Conheça o Adobe Photoshop via Streaming com suporte para Chrome OS

Nenhum comentário

quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

Há muito tempo eu comentei no blog e no canal sobre o trabalho da Adobe em conjunto com o Google para trazer o Photoshop para o Chrome OS, e em consequência para as distros Linux também, muito provavelmente via Google Chrome. Fiquei curioso para ver o avanço desse projeto, pesquisei um pouco sobre ele e é isso que você vai conferir agora.

Photoshop Project Linux






O "Project Photoshop Streaming" começou há pelo menos 4 anos e até o momento não está disponível para o grande público. As únicas pessoas que tem acesso ao produto atualmente precisam obrigatoriamente morar na América do Norte, ter uma conta ativa no Creative Cloud e ainda ser parte do programa " Adobe Education Exchange", além de outros detalhes.

Como você deve ter percebido, o acesso ainda é muito restrito e infelizmente eu não tenho como mostrar para vocês o funcionamento dele pessoalmente, no entanto, eu encontrei no YouTube uma demo rodando em um Chrome OS:


Curiosamente, não ouvi nem Google e nem Adobe mencionarem novamente sobre este projeto que basicamente rodava o Photoshop via Streaming diretamente pelo navegador.  Mas, por quê?

Bom, minha suspeita é que como com o passar do tempo os Chromebooks passaram a aceitar uma gama de aplicativos Android, incluindo o Photoshop para dispositivos móveis (que em nada se assemelha a versão de desktop e é muito mais limitado), essa pode ter passado a ser a forma de levar o software para o sistema, esse pode ser um caminho interessante para o futuro, talvez a Adobe pense em lançar uma versão mais completa que possa ser usada em "Desktops" com Android e, consequentemente, Chrome OS.

A era do Streaming


Se quando eu era criança e adolescente eu comprava fitas e CDs para ouvir música, agora com o Spotify e afins eu simplesmente ouço elas sem precisar me preocupar com espaço em disco ou com hardware específico para isso. O mesmo acontece com filmes e séries através de Netflix, Amazon Prime, Google Play Movies, entre outros, mas o grande passo na era do streaming ainda não foi dado, ou pelo menos, não completamente.

Apesar de existirem muitos produtos e serviços que rodam em nuvem que são ótimos e práticos, como o Google Docs e o Office online da Microsoft, a execução de tarefas pesadas, como edição de vídeos, edição de imagens em alta resolução e até mesmo games ainda é um sonho para um futuro mais distante. 

Existem problemas de infraestrutura (especialmente para nós brasileiros), que geram problemas com a eficiência destes produtos, imagine o drama para fazer upload de um vídeo em 4K para depois editá-lo em um "Premiere online", seria algo extremamente "fora de mão".

Projetos como o RollApp, que visa rodar aplicativos open source de desktop via streaming, são um exemplo desse ideal sendo posto em prática, graças a ele você pode usar o GIMP no Chrome OS inclusive, mas basta fazer alguns testes para você ver que a coisa simplesmente não funciona tão bem quanto a versão instalada localmente.

O que você acha que nos espera no futuro? Apps via Streaming se tornarão mais comuns?

Até a próxima!

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Barcelona vai passar a usar Linux e softwares Open Source

Nenhum comentário
A cidade de Barcelona vai adotar o Ubuntu e vários softwares livres como padrão em toda a sua infraestrutura governamental. De acordo com a reportagem do El País a migração será feita em partes e com calma para que não ocorram erros.

Barcelona Open Source






Segundo as informações, a mudança completa deverá ocorrer na Primavera de 2019 em Barcelona, até lá, todas as aplicações serão substituídas aos poucos por aplicativos que são compatíveis com Linux, como o LibreOffice em detrimento ao Microsoft Office, até que reste finalmente só o Windows como software proprietário nas estações, tornando uma migração para o Linux muito mais simples, já que todos os funcionários já saberão utilizar as ferramentas.

Os objetivos da cidade com o Linux e os softwares abertos


Segundo a comissária de Tecnologia e Inovação da Câmara Municipal de Barcelona, Francesca Bria, a cidade tem planos de usar 70% do seu orçamento para T.I. com a estrutura de softwares Open Source. Dentre os objetivos com essa migração estão o apoio a talentos locais no setor de T.I, o suporte poderá ser feito por várias empresas pequenas e médias que existem nos arredores da cidade, aliado a isso, a cidade quer incentivar a criação de empregos para novos desenvolvedores, serão 65 cargos para desenvolvedores locais que ajudaram a criar, adaptar e dar suporte a softwares que precisem atender necessidades específicas.

Para conseguir isso, um dos objetivos do projeto de migração inclui uma espécie de plataforma online, através do qual as pequenas empresas vão poder participar de concursos públicos para atender a cidade com Linux, ampliando e diversificado o mercado de trabalho, incentivando o desenvolvimento de softwares abertos.

Como base para o projeto, a distro escolhida por Barcelona é o Ubuntu. No momento já existem mil máquinas em execução como parte de um projeto piloto, a reportagem também revela que o cliente de E-mail Outlook e o Exchange Server serão substituídos por Open-Xchange e Thunderbird; Firefox e LibreOffice serão usados no lugar do Internet Explorer e do Microsoft Office.

"Dinheiro público, software público"


Este é o lema que está sendo colocando junto com a proposta. A linha de raciocínio é simples: já que a estrutura de softwares que controla e move a cidade é custeada através de dinheiro público, nada mais justo do que fazer com que essa tecnologia seja acessível e volte para os próprios catalães. Essa iniciativa faz parte de um projeto que pretende levar esse lema para a maior parte da Europa.

Outro fator considerado, é claro, é o dinheiro. A mudança do Windows para softwares abertos endossa a ideia de que os programas desenvolvidos podem ser utilizados em outros lugares da Espanha, quanto mais cidades adaptarem o Linux e softwares de código aberto, mais barato se torna o desenvolvimento e manutenção de qualquer coisa, além disso, apesar do número não ser revelado, Bria comenta que essa troca ajudará a economizar muito dinheiro em licenças em softwares que pertencem a uma empresa terceira  que não podem ser modificado de acordo com a necessidade da cidade por conta das limitações de Copyright.

No início do ano tivemos a notícia da cidade de Munique, na Alemanha, voltando para o Windows depois de praticamente 10 anos usando Linux. Houve muita crítica quanto a isso, inclusive dos Alemães, que também gostavam mais da ideia do "dinheiro público, software público" e existem muitas controvérsias quanto ao assunto, fique com o vídeo que eu fiz sobre o tema na ocasião:


O que você acha sobre o assunto? Deixe a sua opinião nos comentários e até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Temos um monte de cupons de desconto da GearBest para você!

Nenhum comentário
Nós fechamos recentemente uma ótima parceria com a loja GearBest para trazer excelentes descontos para os leitores do blog Diolinux e assinantes do canal, confira agora os cupons de desconto e produtos disponíveis para você por um preço mais baixo.

cupons de desconto GearBest





São cupons de desconto com valores diversos e para vários produtos diferentes. Logo abaixo você confere os produtos com maiores descontos e com valores especiais.
Para ter os descontos, basta clicar no link para ir para a página do produto e inserir o código que está lisado ao lado de cada produto na tabela abaixo na hora de finalizar a sua compra na GearBest, alguns chegam 36%.

Desconto da semana!



PRODUTOLINKCUPOM
Vernee M5 4G Smartphone - BLACKhttps://goo.gl/ppLqAJHNYear276
Xiaomi Mi 6 4G Smartphonehttps://goo.gl/3vNdqPgpmi6
Xiaomi Mi Mix 2https://goo.gl/WLonNzFLASHSALE
Ulefone Mixhttps://goo.gl/bmBWXbUleMix
Original Xiaomi Mi Band 2 Smart Watch for Android iOShttps://goo.gl/hwrmjyBAND2
Xiaomi Men Minimalist Unique Laptop Backpackhttps://goo.gl/1AjNtrmi2421
Original Xiaomi Mi Robot Vacuum 1st Generation https://goo.gl/trj6HRPTBRXMRB1
Aqui eu vou colocar uma série de cupons que são liberados semanalmente com descontos variados para produtos mais vendidos, volte toda a semana para conferir as novidades:

PRODUTOLINKCUPOM
OnePlus 5T 4G Phablet versão internacionalhttps://goo.gl/6wFSGaT5BJGB
Xiaomi Mijia Luminaria de mesa Smart LED https://goo.gl/H2gugcFlash Sale
Robot Luminária USBhttps://goo.gl/Eazaw5Robot123
Xiaomi Yeelight Luminária Smart LED https://goo.gl/sc6QUpDYeelight
Wireless Walkie Talkiehttps://goo.gl/AccCRhFlash Sale
Gocomma Telescópio Monocular https://goo.gl/2JRTBUGCM1042

JJRC H31 Drone a prova d'agua
https://goo.gl/nw1mVSFlash Sale
M96X MINI TV Boxhttps://goo.gl/MoQwVTGBM96XT
Placa de vídeo Colorful iGame 1050Ti https://goo.gl/tht1BTGBGC4
Placa de vídeo Colorful iGame1080 X - 8GD5X Top AD V3 https://goo.gl/9pxe86GBGC2
AC - 8 38 in 1 Kit de chaves de fenda- COLORMIXhttps://goo.gl/x8ojRrAC3SDJ
Raspberry Pi 3 Modelo Bhttps://goo.gl/Bv7T39RPi3EST
VOYO Q101 4G Phablet - 3GB + 64GB https://goo.gl/6bgU2oVOYONEW
Cube iPlay 8 Tablet PC - 1GB + 16GBhttps://goo.gl/xXDMcwBFTAB11
Cube iPlay 10 Tablet PChttps://goo.gl/JtzomVBFTAB03
Xiaomi Notebook Air 13.3 - 8GB + 256GB + GEFORCE MX150https://goo.gl/k7xbG4MiAir13NEW
YEPO 737A Notebook 6GB RAM - 64GB EMMChttps://goo.gl/KVVKcvYEPO64G
Xiaomi Air 12 Notebookhttps://goo.gl/14A7ZzMI12BOOK
Alfawise S100 Sonic Escova de dentes elétrocahttps://goo.gl/qreoGmHNYear061
Vernee Thor E 4G Smartphonehttps://goo.gl/cnxd81HNYear062
Teclast P10 Octa Core Tablet PChttps://goo.gl/C72GR3HNYear066
LEMFO LEM5 Pro 3G Smartwatch https://goo.gl/hgCe97HNYear069
Jumper EZBOOK 3 PRO Notebookhttps://goo.gl/4dMFHxHNYear071
QCY Q26 Fone de ouvido sem fio - Wireless /Bluetooth https://goo.gl/cmjJ1kHNYear075
Tanix TX3 Mini TV Boxhttps://goo.gl/RBkiBAHNYear077
Original Xiaomi Mi Robo aspirador de póhttps://goo.gl/nS1r4vGBANONOVO7

Eu tenho alguns cupons de descontos para a algumas categorias da loja GearBest, então usando estes cupons em qualquer produto da categoria você ganha uma quantidade "x" de desconto.

Basta clicar na categoria e usar o cupom de desconto na hora de finalizar a compra em qualquer produto que pertence a ela.

CATEGORIACUPOMDESCONTO
SmartphonesGBMBP8%
Tablets e PCsGBTPC13%
Audio e VídeoGBCE13%
Ferramentas ElétricasGBTE10%
Computadores e RedeGBCNA14%
Controle RemotoRC18OFF18%
Eletrônicos para carrosCAR18OFF18%
Casa e JardimHOME8OFF8%
Saúde e BelezaHEA15OFF15%
Estilo de vidaout10off10%
Leds e luzesLED8OFF8%
Luzes InteligentesGBST12%
Carregadores e bateriasGBATTS12%
RelógiosWATCH312%
Cases para iPhoneiphonec15%

Estes são os que eu tenho por enquanto para vocês aproveitarem, vou deixar este artigo fixo no topo do blog para que fique fácil de todos acessarem, se quiserem algum produto específico com desconto que não se enquadra nestas categorias apenas deixem nos comentários que eu vou tentar conseguir para vocês.

Boas compras!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.



Canonical lança o Ubuntu 17.10.1

Nenhum comentário

terça-feira, 16 de janeiro de 2018

Esta é uma das raras vezes que a Canonical lança uma atualização na numeração do Ubuntu em versões intermediárias as LTS. Para evitar problemas com os Notebooks da Lenovo, como mencionamos neste artigo, agora existe o Ubuntu 17.10.1.

Ubuntu 17.10.1 é lançado






Por conta do problema com as BIOS dos Notebooks Lenovo (principalmente), a Canonical acabou tirando do ar o link para download do Ubuntu 17.10 Artful Aardvark. Agora que o problema foi corrigido, ele voltou sob uma nova numeração, 17.10.1.

O problema parecia estar relacionado ao "Intel Serial Peripheral Interface (SPI)"; - pois é, muitos problemas relacionadas a Intel neste início de ano - que foi completamente ajustado, evitando o problema de BIOS corrompidas. No entanto, a correção lançada pela Canonical para Meltdown e Spectre não está incluída na ISO, sendo assim, você ainda terá atualizações a fazer assim que instalar o Ubuntu 17.10.1.

Existem novas imagens para o Ubuntu 17.10.1 para Desktop, Servidores e certamente você encontrará novas ISOs para os derivados do Ubuntu que se baseiam nesta versão, clique aqui para baixar as novas imagens.

Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.



Nova versão do ONLYOFFICE Editors está disponível com correções de acentuação e suporte a plugins

Nenhum comentário
Olá pessoal, como estão? Tenho boas notícias para as pessoas que gostaram da proposta do ONLYOFFICE como alternativa para aplicação de escritório para Linux, Windows ou macOS.

OnlyOffice Atualização






Os desenvolvedores do ONLYOFFICE entraram em contato hoje para nos contar as novidades sobre esta bela aplicação. Caso você nunca tenha ouvido falar, eu recomendo fortemente ler a entrevista que fizemos com Galina Goduhina, representante da suíte, assim você vai entender melhor quais são os ideias do projeto, seus pontos fortes e fracos.

Uma espécie de Google Docs

Acho que a maneira mais fácil de explicar o funcionamento e as características do ONLYOFFICE Desktop Editors é compará-lo ao Google Docs, a suíte da Google incorporada ao Google Drive.

O ONLYOFFICE oferece uma suíte colaborativa e open source para você usar na sua casa ou na sua empresa, com aplicativos para edição de texto, planilhas e apresentações. Na última atualização do software coisas muito interessantes foram adicionadas através de plugins, que agora são a forma oficial de expandir funcionalidades na suíte, temos então já incorporados:
ꔷ Editor de imagem;
ꔷ Yandex Translator  - Para traduzir texto sem deixar o editor;
ꔷ Symbol Table - Para inserir símbolos incomuns;
ꔷ YouTube - Para inserir vídeos de YouTube;
ꔷ Macros.

Editor de imagens contida no editor de textos OnlyOffice

Quero dar um destaque especial para o editor de imagens que agora acompanha a suíte office, ele é muito mais completo do que eu esperava e tem até stickers! 😆

Para nós brasileiros que temos uma língua cheia de acentos e regras, a boa nova é que agora a acentuação está funcionando corretamente, o que era um problema na versão passada, onde letras como o "ç", "á", "ã", etc, não costumavam sair corretamente.

"Nós adicionamos a capacidade de criar macros, mas eles são diferentes de macros da Microsoft. Usamos JavaScript em vez de Visual Basic. No momento estamos trabalhando em documentação e conversor para macros baseadas em VBA (para abri-los em nossos editores). Agora nossos macros podem fazer o mesmo que o nosso Document Builder. Os scripts são os mesmos", comentou Nadezhda Knyazeva, do ONLYOFFICE.

Você pode baixar e experimentar a nova versão do ONLYOFFICE acessando o site oficial, nele você vai encontrar versão para Linux, Windows e macOS, incluindo uma versão exclusiva portátil para Linux, todas disponíveis em 64 bits, exceto a versão de Windows, que também possui versão de 32 bits.

Conta aí! O que você achou da nova versão do software? Já testou? Comente logo abaixo e até a próxima!

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Atualização para correção de Meltdown e Spectre no Ubuntu está causando problemas

Nenhum comentário

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

Nesta semana estamos falando muito sobre as famosas falhas nos processadores, especialmente os da Intel, e a esta altura do campeonato você já deve estar sabendo de todo o ocorrido, se você está por fora da situação, recomendo que leia este artigo.

Ubuntu Spectre e Meltdown






Conforme as correções foram sendo disponibilizadas, as empresas começaram a atualizar os seus sistemas. Apesar da correção para Linux ser sido feita no "day 1", as distros vão adaptando as  suas correções aos poucos, pois existem ajustes que devem ser feitos para evitar problemas.

Curiosamente, a correção para estes dois problemas parece estar afetando algumas máquinas com Ubuntu 16.04 LTS. Eu mesmo identifiquei esse problema em um dos computadores do Diolinux que tem um Core i5 3330. No entanto, computadores e Notebooks tanto com Intel e AMD, com Ubuntu 18.04 Dev Branch, e Linux Mint 18.3 (que compartilha a mesma base do 16.04) não tiveram este problema.

A Canonical liberou as notas de correção para o Ubuntu que afetam versões específicas do Kernel:

ꔷ Ubuntu 17.10 (Artful) — Linux 4.13 HWE
ꔷ Ubuntu 16.04 LTS (Xenial) — Linux 4.4 (and 4.4 HWE)
ꔷ Ubuntu 14.04 LTS (Trusty) — Linux 3.13
ꔷ Ubuntu 12.04 ESM** (Precise) — Linux 3.2

A versão do Kernel que parece estar dando problema é a 4.4 e o problema consiste em uma falha na inicialização do Ubuntu depois de fazer a atualização, inclusive, um dos leitores do blog/inscritos do canal entrou em contato informando o problema.

Bug Ubuntu
Imagem enviada pelo leitor vinkiador HG

Até que a Canonical corrija esse problema, a minha recomendação (tanto para Ubuntu, quanto para derivados do 16.04 LTS) é atualizar o Kernel para a versão 4.13 (para ter o patch) ou para qualquer outra que não possua o patch de correção para o Meltdown e Spectre (o que obviamente, volta a tornar o seu sistema vulnerável), mas deixa o computador plenamente funcional.

Outra alternativa que não envolve mexer diretamente com o Kernel, é simplesmente voltar a usar a versão antiga no seu Ubuntu, a mesma que você utilizava antes da atualizações.

Para isso, basta entrar no modo de recuperação do GRUB e escolher a versão antiga do Kernel, para fins de informação, recomendo que veja este vídeo para entender como essa sessão funciona:


Claro que essa é um solução temporária, até que a Canonical corrija o problema (se você foi afetado por ele, claro), você terá de iniciar o seu sistema dessa forma, no entanto, caso você queira mudar a entrada do GRUB para que ele já inicie com a versão do Kernel que você deseja, aprenda a instalar o GRUB Customizer, com essa ferramenta você consegue ajustar isso facilmente.


Bugs tão profundos nos CPU como estes parecem estar dando muita dor de cabeça para os desenvolvedores, nem a Microsoft conseguiu evitar isso, segundo os nossos amigos de portugueses do PPLWare, a correção para processadores Intel no Windows acabou gerando bugs em alguns usuários de AMD.

Leia também: Este script te ajuda a identificar as falhas Spectre e Meltdown no Linux

Independente do sistema que você use (ou distro) fique ligado nos mantenedores para saber quais as atualizações propostas por eles, as vezes esperar para colocar uma atualização mais estável pode ser viável, dependendo do seu ambiente.

Mais informações sobre esses problemas você encontra na sessão do time de segurança do Ubuntu no site oficial.

Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo