Diolinux - Open Source, Ubuntu, Android e tecnologia

Responsive Ad Slot

Mostrando postagens com marcador XFCE. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador XFCE. Mostrar todas as postagens

Conheça o Linux Mint com interface XFCE

Nenhum comentário

segunda-feira, 15 de maio de 2017

O Linux Mint possui quatro versões com interfaces diferentes oficialmente suportadas, hoje você vai conhecer um pouco melhor a versão com interface XFCE, uma versão leve, que assim como a versão MATE do Mint, pode ser utilizada em computadores com recursos mais limitados.

Linux Mint XFCE




O Linux Mint XFCE possui um conceito visual, e até mesmo de desktop no que tange as aplicações disponíveis pré-instaladas, que rementem às outras versões do Linux Mint, como as principais, com Cinnamon e MATE.



Para os interessados em testar esta versão específica do Mint, basta acessar o site oficial e selecionar a opção com a interface XFCE. Baixe o sistema preferencialmente por torrent.

Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




XFDashboard - Um menu semelhante ao Gnome Shell para o XFCE

Nenhum comentário

quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Se você está querendo dar uma modernizada na interface XFCE do seu Xubuntu, ou qualquer outra distro que use o ambiente, o XFDashboard pode ser uma aplicação interessante para mudar a forma com que você abre as aplicações.

XFCE Dashboard Menu




O XFDashboard é um aplicativo que permite que você tenha uma menu em tela cheia semelhante a organização do Gnome Shell, mostrando os aplicativos favoritos na barra esquerda, de forma que ele podem ser arrastados para a posição desejada. Há também as áreas de trabalho do lado direito e um campo de buscas onde você pode fazer uma pesquisa por algum app que esteja instalado.

Menu XFDashboard

Você também pode navegar pelos menus e categoriais para encontrar as aplicações caso você prefira.

XFDashboard

Se você tiver mais de uma janela aberta ao abrir o XFDashboard você verá a distribuição das janelas de uma forma semelhante ao Gnome Shell.

XFDashboard para XFCE

Como instalar o XFDashboard no Xubuntu


O procedimento de instalação é simples e pode ser feito adicionando um repositório extra do Xubuntu: ppa:xubuntu-dev/extras


Depois de adicionado o PPA, basta instalar o pacote: xfdashboard

Se você preferir instalar via termina, os comandos são os seguintes:
sudo add-apt-repository ppa:xubuntu-dev/extras
sudo apt update 
sudo apt install xfdashboard 
Depois de instalado, você vai encontrar a aplicação no menu do sistema e eu tenho duas sugestões para você utilizar ele.

1 - A primeira forma é você simplesmente arrastar o XFDashboard para a barra de tarefas e clicar nele toda a vez que quiser abrir a aplicação. 

Arrastando para o menu

2 - A segunda forma, talvez a mais eficiente, é criar uma tecla de atalho para ele, assim você pode chamar o XFDashboard rapidamente.

Procure no menu pelo aplicativo de teclado, nele você vai encontrar uma aba de atalhos onde existe a opção de criar um novo atalho

Configurando tecla de atalho

Na janela que se abrir para digitar o comando do atalho digite: xfdashboard, clique em "OK" e depois você verá uma janela onde você deve pressionar a tecla de atalho que você deseja para a função:
Configuração de atalho

No meu caso eu pressionei a tecla "super", também conhecida como "tecla do Windows", assim ao pressionar ela, ela vai se abrir.

Curtiu a dica? Então compartilhe e até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Linux Mint 18 XFCE está disponível para download

Nenhum comentário

segunda-feira, 1 de agosto de 2016

A equipe de desenvolvimento do Linux Mint publicou a ISO da versão 18 do sistema com XFCE, a versão com esta interface demorou um pouco mais para sair, sendo que a versão 18 com os dois ambientes principais, Cinnamon e MATE, já havia sido anunciada no final de Junho.

Linux Mint 18 XFCE




Apesar do anúncio ainda não ter sido feito oficialmente, pelo menos na data deste post, e no site do Linux Mint ainda constarem apenas as versões Beta do Linux Mint 18 XFCE, os servidores da distribuição já possuem as ISOs finais deste sabor, o que permite que você já baixe a mais recente versão para a sua utilização.

As novidades para esta versão não são muitas, de fato, as grandes mudanças são as mesmas que afetam as variações principais do Linux Mint, como versões do Kernel, temas, e até mesmo os XApps, como você pode ver aqui.

O Linux Mint 18 XFCE, assim como as outras edições do Linux Mint, exceto o Linux Mint Debian Edition (LMDE), é baseado no Ubuntu 16.04 LTS Xenial Xerus da Canonical, o que garante a ele um suporte de atualizações por 5 anos também. Atualmente só é possível baixar as ISOs via FTP, assim que a página oficial disponibilizar os links para download, com torrents e tudo mais, nós vamos atualizar este post, mas por hora:

Linux Mint 18 Xfce (32 bits)

A versão com KDE do Linux Mint deverá demorar um pouco mais para sair, mas fique ligado aqui no blog, assim que ele sair você ficará sabendo.

Até a próxima!_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Linux Mint 17.3 KDE e XFCE foram lançados

Nenhum comentário

domingo, 10 de janeiro de 2016

Para os que estavam esperando pelas versões mais recentes do Linux Mint com os ambientes gráficos XFCE e KDE a sua espera acaba hoje.

Linux Mint 17.3 KDE e XFCE

Estão agora disponíveis as duas últimas interfaces suportadas oficialmente pelo Linux Mint, KDE e XFCE chegaram finalmente à versão 17.3. Como o Linux Mint se baseia no Ubuntu 14.04, estas versões também tem suporte estendido até 2019, por conta da base em uma LTS o KDE continuado na versão com esta interface ainda não é a versão 5, mas sim a 4.14, que apesar de visualmente menos elegante que a atual versão do KDE é super estável.

Para a versão com XFCE temos o ambiente na versão 4.12, ambos os sistemas tem o Kernel 3.19, você pode baixar o sistema a partir do site oficial e também ver as notas de lançamento clicando no botão logo abaixo.
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Testamos o Xubuntu Core, a versão ainda mais enxuta do Ubuntu com XFCE

Nenhum comentário

quarta-feira, 23 de setembro de 2015

O Xubuntu Core é na verdade uma meta-pacote do Xubuntu, a versão do Ubuntu que vem com o ambiente gráfico XFCE, apesar de poder ser baixado em formato ISO ele pode ser simplesmente instalado no Ubuntu convencional a partir da versão 15.04, confira a nossa review sobre ele.

Xubuntu Core

O Xubuntu ainda mais enxuto


É uma variação interessante do Xubuntu, consigo imaginar algumas funcionalidades para esta versão específica, mas vamos deixar você com a análise, assim você conhece e tira as suas dúvidas.


Descrição do vídeo

Poucas aplicações, um sistema básico, este é o Xubuntu Core, uma versão simplificada do Xubuntu tradicional apenas com a base do XFCE Desktop.

Xubuntu Core para games: http://goo.gl/XsHhhZ

Faça o download: http://goo.gl/ujHcgR

Acesse a nossa loja: http://www.diostore.com.br

Conheça o nosso Patreon; https://www.patreon.com/Diolinux

Anuncie no Diolinux: http://goo.gl/BWsafD

- Acesse o site: http://www.diolinux.com.br
- Android App: http://goo.gl/DTVt7I
- Assine o nosso Feed:http://goo.gl/w6418F
- Diolinux na Google Play Banca: http://goo.gl/qCJQqr

Contato:blogdiolinux@gmail.com
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Linux Mint 17.3 MATE e XFCE permitirão o uso de 6 compositores de janela diferentes

Nenhum comentário

terça-feira, 15 de setembro de 2015

A equipe de desenvolvimento do Linux Mint está cheia de notícias interessantes hoje, desta vez vamos falar sobre as versões do Mint que são recomendadas normalmente para computadores mais modestos ou simplesmente para quem prefere interfaces mais simplistas.

Linux Mint 17.3 terá vários compositores de janelas nas edições MATE e XFCE

Linux Mint 17.3 terá vários compositores de janelas nas edições MATE e XFCE


Hoje tivemos o anúncio oficial do nome da mais nova versão do Linux Mint que deverá sair somente em Dezembro - clique aqui para ler sobre o assunto - e agora pela parte da tarde o líder do projeto, Clement Lefebvre, comunicou algo muito interessante sobre as versões MATE e XFCE do Linux Mint.

A novidade, como podemos ver na imagem acima, é que os sistema poderão usar vários compositores de janelas diferentes, algo que é bem incomum nas distribuições, o mais interessante é que a troca poderá ser feita "on the fly", ou seja, sem precisar encerrar a sessão ou reiniciar o computador, desta forma você poderá escolher qual o compositor de janelas deseja usar para cada situação.

Um Gerenciador de Janelas, ou compositor de janelas, é um software que controla o posicionamento e aparência de janelas dentro de um sistema de janelas em uma GUI (abreviação de interface gráfica em inglês), são os compositores que permitem efeitos nas janelas, sombreamento, etc, são eles uma parte muito importante do que se apresenta ao seus olhos quando você usa o computador.

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Como instalar o XFCE 4.12 no Ubuntu 14.04 LTS e no 14.10

Nenhum comentário

domingo, 8 de março de 2015

Veja como instalar a versão mais recente do XFCE no seu Ubuntu 14.04 LTS, 14.10 ou algum derivado direto, como o próprio Xubuntu.

XFCE 4.12
Imagem: WebUp8

Veja como instalar a mais recente versão do XFCE no seu Ubuntu


Com o passar do tempo as interfaces gráficas estão a cada dia mais se preocupando com o seu design e procurando trazer uma aparência cada vez mais agradável e com o XFCE não está sendo diferente, a nova versão traz um polimento visual considerável além de trazer uma ambiente que é plenamente customizável.

XFCE 4.12


Esta versão do XFCE deve vir juntamente com o Xubuntu 15.04 que deve sair em Abril deste ano, dentre as principais mudanças podemos destacar a nova tela de arranjo de desktops para quando você conectar um monitor secundário, novas telas de diálogo do Thunar (gerenciador de arquivos), agora também é possível configurar wallpapers diferentes para áreas de trabalho e monitores diferentes, houve também uma melhoria visual na aparência da função "Alt+Tab" para navegar por entre as janelas abertas.

O novo XFCE agora também suporte o uso de um compositor de janelas como o Compiz e o Mutter, permitindo que hajam novos efeitos no desktop como o hotcorner do Gnnome, isso certamente é bem visto por que usa o XFCE mesmo em máquina potente, podendo assim deixar ele mais enfeitado do que nunca, para quem usa máquinas comuns com hardware mais fraco e optou pelo XFCE justamente pela sua leveza cabe alertar que essa função do compositor de janelas que deixa o ambiente mais pesado não é o padrão, logo isso não deve afetar o seu uso.


Instalação do XFCE 4.12 no Ubuntu 14.04 LTS e no Ubuntu 14.10


Para instalar o novo XFCE no seu Ubuntu vamos usar um PPA, porém há um pequeno bug que acontece na atualização fácil de ser corrigido, as aplicações em QT não recebem o novo tema GTK e ficam com o visual "meio bugado" então para corrigir isso instale o qt4-config:

sudo apt-get install qt4-qtconfig

Agora procure pelo programa no menu, vá até a aba aparência, e configure o estilo da interface para "GTK+", então selecione o menu arquivo(file) e salve. 

Agora podemo instalar o XFCE sem problemas, copie todo o conteúdo abaixo e cole em um terminal, pressione a tecla "enter", digite a sua senha e pressione "enter" novamente, aguarde a instalação e reinicie o sistema.

sudo add-apt-repository ppa:xubuntu-dev/xfce-4.12 -y && sudo apt-get update && sudo apt-get dist-upgrade -y

Caso você não tenha curtido muito o novo XFCE ou ele tenha apresentando alguns problemas para você é possível removê-lo utilizando estes comandos:

sudo apt-get install ppa-purge
sudo ppa-purge ppa:xubuntu-dev/xfce-4.12
Até a próxima!

Fonte
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.

Xfdashboard: O menu do Gnome Shell no Xubuntu

Nenhum comentário

segunda-feira, 2 de março de 2015

Quer colocar uma menu estiloso no seu Xubuntu e deixar ele com uma funcionalidade parecida com a que o pessoal do Gnome colocou na sua interface? Então confira o nosso tutorial:

XFdashboard no Xubuntu
Imagem: WebUp8

Adicionando um novo menu ao Xubuntu


Algumas pessoas com quem eu já tive oportunidade de conversar sobre o assunto sabem o quanto eu detesto menus sem o campo de busca, acho isso extremamente improdutivo, por isso não consigo gostar tanto do XFCE sem o Whisker Menu.

Apesar de simples o Whisker Menu é bem funcional, entretanto, se você gosta da organização que o Gnome oferece vai adorar saber que existe uma alternativa interessante ao Whisker, chamada Xfdashboard.

Dashboard no XFCE
Imagem: WebUp8
O Xfdashboard traz até você uma experiência semelhante ao Gnome Shell, com um menu com campo de busca que toda toda a tela e com a possibilidade de manusear as áreas de trabalho do lado direito.


Instalação no  Xubuntu


A instalação é feita através de um PPA dos desenvolvedores do Xubuntu, abra um terminal e copie todo o conteúdo abaixo, depois cole ele no terminal, pressione a tecla "enter" e digite a sua senha, pressione "enter" novamente e aguarde a instalação.

sudo add-apt-repository ppa:xubuntu-dev/extras -y && sudo apt-get update && sudo apt-get install xfdashboard -y
Ele vai estar disponível o menu dos sistema, basta você criar uma atalho arrastando o programa para a barra, se quiser você pode excluir os outros menus.

Fonte.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.

Debian voltará ao Gnome como desktop padrão

Nenhum comentário

terça-feira, 23 de setembro de 2014

Não muito tempo depois de definir o XFCE como desktop padrão do Debian a distribuição voltará as raízes e passará a utilizar o Gnome mais uma vez.

Gnome volta a ser o desktop do Debian
Imagem: thrivenotes

Debian volta ao Gnome por conta do Systemd




A não muito tempo atrás anunciávamos aqui no blog a mudança de ambiente desktop padrão do Debian para o XFCE mas como havia sido noticiado no artigo em questão a mudança parecia não ser definitiva e ainda seria reconsiderada antes do congelamento da nova versão que deve acontecer no final deste ano.

Aparentemente o fator decisivo para a volta ao Gnome foi o sistema de inicialização Systemd que segundo Joey Hess, o mesmo que havia comunicado a mudança para o XFCE, tem melhor compatibilidade e integração com o Gnome, seguido de perto pelo MATE.


Segundo a declaração de Hess os outros ambientes ainda precisam receber vários ajustes para chegar no mesmo nível de compatibilidade que o Gnome tem com o Systemd, outro motivo que foi levado em consideração foi que os usuários de Debian que usam o XFCE são um pequeno número, assim como os usuários do MATE que ainda tem "o agravante" de ser um ambiente relativamente novo, coisa que aparentemente o Debian não curte muito, a preferencial do pessoal por lá são ambientes que possuem vários "anos nas costas" de trabalho e correção de bugs.

Um dos motivos do Debian ter abandonado temporariamente o Gnome seria o tamanho da ISO de instalação, mas aparentemente este problema (não tão grande) foi ignorado em prol de outros benefícios.

E você que usa Debian, qual a sua opinião?

Baixe o Linux Mint 16 KDE e XFCE RC

Nenhum comentário

segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Dois novos "sabores" do Linux Mint estão quase prontos

A equipe de desenvolvedores do Linux Mint liberou para download duas versão da sua distro Linux com os ambientes desktop KDE e XFCE.

Linux Mint logo


As primeiras versões lançadas pelos desenvolvedores do Linux Mint foram as versões com Cinnamon e com MATE, você pode baixar elas através da página oficial.

Atualmente as versões com KDE e XFCE estão em desenvolvimento e as suas versões RC, ou seja, Release Candidate, uma versão de pré-lançamento, normalmente destas versões para a versão final pouquíssimas coisas mudam, normalmente apenas alguns programas são atualizados, de modo que se você baixar essa versão e ir atualizando em pouco tempo você terá a versão final.

Downloads

Linux Mint 16 Petra XFCE RC 

Essa versão do Linux Mint vem com o XFCE 4.10 e com o Whisker Menu 1.2, além de claro, os tradicionais ArtWorks do Mint que são padronizados independentemente do seu ambiente gráfico, assim como as aplicações, Software Manager, Gestor de Drivers, Gestor de login etc.


Linux Mint 16 Petra KDE RC

Já no Linux Mint 16 a principal novidade é o KDE 4.11 e os tradicionais ajustes que acorrem de versão em versão, essencialmente ele não traz nenhuma novidade do Linux Mint 15 a não ser a atualização dos softwares.

Linux Mint 16 - KDE - Download

Particularmente eu ainda não testei nenhuma das duas, baixe e deixe a sua opinião aqui, aproveita para comentar qual você acha que é a melhor versão do Linux Mint.

Até a próxima!

Compartilhe para mostrar aos seus amigos



Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

Qual é o melhor substituto para o Windows XP?

Nenhum comentário

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Máquinas antigas vão ficar órfãs de sistemas operacionais?

A Microsoft vem falando um tempinho já que vai aposentar o Windows mais bem sucedido de todos os tempos, o Windows XP ainda está em muitos lares e principalmente empresas, porém, em abril do ano que vem o XP encerra o seu suporte de vez ( Pelo menos é o que dizem). 

Windows XP logo


A Microsoft alertou hoje também às pessoas do perigo de continuar usando o Windows XP, por conta da falta de atualizações de segurança o computador poderia se tornar um receptáculo de vírus, recomendando que os usuários migrassem, claro, para versões mais recentes do Windows, como o Seven ou o 8.1.

Atualizar é a única solução?

Claro que atualizar o hardwares da máquinas não iria fazer mal algum, o problema é o investimento, comprar hardwares novos, comprar novas licenças do Windows pode gerar muito custo mesmo! 
Nesse âmbito é uma boa oportunidade para as distros Linux reviverem esse PC mais antigo trazendo-lhes mais versatilidade e segurança.

Podemos levar em consideração que investir no treinamento de funcionários para usar um novo sistema é mais barato do que investir em comprar tudo novo.


Vamos usar Linux então mas o Ubuntu não!

Distribuições como o Ubuntu que usa o Unity e outras distros que usam o Gnome Shell, Cinnamon e KDE querendo ou não são mais recomendadas para  computadores mais recentes, com pelo menos 2 GB de memória e a clientela que o XP atende são computadores com CPUs de baixa capacidade e pouca memória, 1GB às vezes menos.

Felizmente no Linux podemos instalar qualquer interface gráfica que queiramos, porém algumas simplesmente são inconvenientes para o uso comum, o que nos traz especificamente a duas interfaces que são semelhantes ao velho XP e tem bom desempenho em hardware antigo, LXDE e XFCE, considero o Razor-QT um pouco imaturo ainda.

Porém, dentre ambas, LXDE e XFCE a que tem o desktop mais completo ainda é o XFCE, agora vamos fazer algumas "contas", ambiente leve e completo=XFCE, agora precisamos de fácil acesso a programas e suporte ( pelo menos da comunidade )= Ubuntu, ou seja XFCE+Ubuntu=Xubuntu.

Seria então o Xubuntu a melhor escolha?

Quase mas não, o Xubuntu é muito bom mas tem um pequeno detalhe, o Menu e a Interface, usuários do Windows XP estão acostumados a navegar por menus para encontrar aplicativos, mas a verdade é que isso cansa e a maioria acaba colocando todos em atalhos na barra de tarefas ou na área de trabalho mesmo, por padrão o menu do Xubuntu também tem este estilo de navegação por categorias mas a situação pode ser melhorada com o Whisker Menu, que é um menu mais inteligente que proporciona uma experiência semelhante ao menu iniciar do Windows 7.

Xubuntu com Whisker Menu


Mesmo assim a organização do XFCE lembra mais a do Mac OS do que a do Windows, claro, nada que um pouco de personalização não dê jeito mas e que tal o Linux Mint XFCE?

Linux Mint 15 com XFCE

O Linux Mint XFCE já vem com o Whisker Menu por padrão além de vir já pronto para o uso com todos os codecs e sistema personalizado que lembro o visual "Windows de ser", portanto a melhor opção para você colocar aquele PC antigo para trabalhar com bom requinte visual e bons recursos.

O que você acha? Qual o melhor sistema para substituir o Windows XP?

Leia também: Por que você ainda usa o Windows XP?

Compartilhe para mostrar aos seus amigos



Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

Instalando o Whisker Menu 1.2.0 no Xubuntu

Nenhum comentário

Nova versão deste moderno menu para o XFCE está disponível

Uma coisa que sinceramente eu não suporto são menus sem campos de busca, afinal de contas nada mais prático do que digitar o que se quer e conseguir abrir os programas com poucos cliques.
Até pouco tempo atrás o XFCE tinha este problema mas com a criação do Whisker Menu isso passou!

Whisker Menu

Para instalar o Whisker Menu no Xubuntu é muito simples, abra o terminal e cole os seguintes comandos:

sudo add-apt-repository ppa:gottcode/gcppa 
sudo apt-get update 
sudo apt-get install xfce4-whiskermenu-plugin
Até a próxima!


Compartilhe para mostrar aos seus amigos



Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

Debian 8 "Jessie" deverá trazer o XFCE como interface gráfica

Nenhum comentário

terça-feira, 5 de novembro de 2013

XFCE agora é o ambiente oficial do novo Debian

Depois de muitas auditorias os desenvolvedores do Debian anunciaram que a próxima versão denominada Jessie ( para saber mais clique aqui ) trará o XFCE  no lugar do Gnome como desktop padrão.

Segundo o desenvolvedor Joey Hess as razões para o Debian deixar o Gnome e migrar para o XFCE são, o XFCE tem uma experiência de desktop mais semelhante ao Gnome 2 e também o espaço disponível em um CD, com o Gnome essa tarefa é mais complicada atualmente.

Debian



A ideia de trazer o XFCE para o Debian não é de agora, na versão passada ( ou atual ) esse boato também correu pela internet, mas pelo jeito agora é verdade.

Segundo Hess, o Gnome ainda não está fora da jogada e eles vão reavaliar isso até a chegar a fase de congelamento, por volta de Agosto do ano que vem, por enquanto pelo menos a ISO oficial do Debian 8 será disponibilizada com o XFCE.

Qual o desktop você prefere no Debian?


Compartilhe para mostrar aos seus amigos



Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

Linux Mint 15 XFCE disponível para download

Um comentário

sexta-feira, 12 de julho de 2013

Lançado o último "sabor" que faltava do Mint Olivia

Ultimamente tenho olhado com mais carinho para o XFCE, o Xubuntu 13.04 está incrivelmente lindo e rápido, mas hoje não vamos falar dele.
No dia de hoje a equipe de desenvolvedores do Linux Mint anunciou a release do Linux Mint 15 Olivia com o ambiente gráfico XFCE.

Linux Mint 15 XFCE

Como podemos ver o Linux Mint procura dar uma aparência uniforme os seus sistemas, então indiferentemente do ambiente gráfico que se use a experiência de uso é semelhante, você pode ver todas as notas de lançamento através deste link.

Whisker Menu Linux Mint XFCE


Dentre todas as modificações, a que eu mais gostei foi o acréscimo do Whisker Menu como default da distro, o Whisker Menu é um plugin para o XFCE que gera um menu com campo de busca e melhor organizado, muito mais produtivo que o Menu convencional do XFCE.

O Linux Mint 15 XFCE foi baseado no Ubuntu ( Xubuntu ) 13.04, usa Kernel 3.8 e XFCE 4.10 e está disponível em duas versões, 32 bits e 64 bits.


Até a próxima e deixe nos comentários o que você achou dessa nova versão!


Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

Whisker Menu: Um menu moderno com campo de busca para o XFCE

Nenhum comentário

quinta-feira, 4 de julho de 2013

Torne-se mais produtivo com o Whisker menu no Xubuntu

Uma das coisas que considero essenciais em um sistema operacional é um menu com busca rápida como o Unity, Gnome Shell e a maioria dos sistemas Linux a até mesmo o Windows 8.
Sempre achei o Ambiente gráfico XFCE muito prático para o uso e bonito mas tinha esse problema, ficar percorrendo menus com abas era uma lástima, algo antigo e improdutivo, mas agora o "Whisker Menu" veio para salvar a pátria.
Ele funciona de maneira semelhante ao Menu do KDE ou ao menu do Windows 7, com ele você pode buscar facilmente as aplicações instaladas no computador com a opção de favoritar as que você mais usa e navegar por categorias.

Um menu Mais ágil para o Xubuntu

O menu é bem leve e customizável, é possível mudar inclusive o logotipo que aparece no Menu.

Instalação no Xubuntu

No Xubuntu a instalação é feita através de um código PPA - Saiba mais.  Abra o terminal e cole os seguintes comando abaixo:
sudo add-apt-repository ppa:gottcode/gcppa 
sudo apt-get update 
sudo apt-get install xfce4-whiskermenu-plugin
Até a próxima dica!

Fonte.

Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

Teste de desempenho do Ubuntu 13.10 Saucy Salamander com 7 ambientes gráficos diferentes

Nenhum comentário

segunda-feira, 24 de junho de 2013

"Vamos ver do que esta lagartixa é capaz"

O Ubuntu Saucy Salamander está em pleno desenvolvimento e já está sendo alvo de testes da Phoronix, desta vez o pessoal do popular site de benchmarks analisou o poder de processamento gráfico da nova versão do Ubuntu com 7 ambientes desktop diferentes.

Ubuntu 13.10 Saucy Salamander Logo


Os testes foram feitos com o novíssimo Core i7 da quarta geração de processadores da Intel, o Kernel Linux utilizado segundo o artigo é o 3.10, ainda em desenvolvimento, com os novos drivers da Nvidia e da AMD.

Hardware com computador no qual foram feitos os testes

  • Intel Core i7 4770K ( 8 cores de 3.5 Ghz)  com Placa Gráfica integrada Intel HD Graphics 460
  • 16 GB de RAM
  • SSD 256 GB
Os ambientes gráficos testados foram:

  • Unity 7.0.0
  • Xfce 4.10,
  • KDE 4.10.4
  • GNOME Shell 3.8.3
  • LXDE 0.5.12
  • Openbox 3.5.0
  • Razor-Qt 0.5.2
Como podemos ver o computador é um pra lá de excelente, para fazer os testes foram rodados alguns games populares no mundo Linux como o Open Arena, Nexuiz entre outros, na imagem abaixo vemos o benchmark do Open Arena.

Benchmark Ubuntu 13.10

Como podemos ver, o Unity, interface padrão do Ubuntu, que vem sendo acusado de estar ficando "mais pesado" nas últimas versões do sistema não ficou muito atrás de ambientes tidos como "leves" como o XFCE.
Para ter mais informações sobre os testes acesse este site.

O Ubuntu 13.10 é motivo de muita expectativa, especialmente pela possibilidade anunciada de se instalar aplicativos do Ubuntu Touch nele.
O que achou você dos testes? O que você espera da próxima versão do Ubuntu?


Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

"Adios GNOME", o Debian manda abraços

3 comentários

quinta-feira, 9 de agosto de 2012


O Debian, uma das distribuições Linux mais tradicionais, decidiu abandonar o GNOME para dar lugar ao Xfce como ambiente gráfico padrão. Oficialmente, o motivo para a alteração foi uma questão de espaço: a opção pelo Xfce garante que um desktop com interface gráfica caiba no primeiro CD da distribuição.
Colocar um sistema operacional inteiro num CD de apenas 700 MB hoje em dia é um desafio e tanto. Alguns projetos já estão gerando imagens que só podem ser gravadas em DVDs ou pendrives. Mas o espaço não é o único motivo para a mudança: o desenvolvedor do Debian, Joey Hess, comentou que “pode haver outras razões para preferir o Xfce como padrão”, mas não deu mais detalhes.
Novo Debian deverá usar o XFCE como Ambiente gráfico
Xfce será instalado por padrão no Debian 7.0 Wheezy
Não é novidade que o GNOME 3 está desagradando muita gente, especialmente os usuários mais conservadores. Linus Torvalds, criador do kernel do Linux, chamou a nova versão do GNOME de “bagunça” e passou a usar o Xfce. “Eu quero de volta minhas interfaces com algum sentido. Eu ainda preciso conhecer alguém que goste dessa nada sagrada bagunça que é o GNOME 3″, disse Torvalds em agosto de 2011.
O Xfce será adotado como padrão na próxima versão do Debian, a 7.0 Wheezy. Como de costume, ainda será possível escolher outro ambiente gráfico utilizando ISOs alternativas. Se você quiser ter todos os pacotes do Wheezy localmente, pode se preparar para baixar73 CDs ou 11 DVDs.


Fique por dentro de tudo o que acontece no Diolinux...

              Twitter Diolinux@blogdiolinux   Facebook  blogdiolinux  Twitter Diolinux@dionatanvs   Google Plus Circule do Google +

Linux Mint 13 XFCE RC lançada

Nenhum comentário

segunda-feira, 2 de julho de 2012

Finalmente uma versão diferente da do Gnome (ou Cinnamon como queiram), é lançada, está versão é a XFCE que já foi testada com o MintBox. Particularmente estou esperando versão com KDE  que deverá substituir o meu Big Linux em uma das partições do meu HD.
Bem, voltando ao lançamento do Mint Maya com XFCE, vamos citar algumas características desta versão:
Linux Mint 13 com XFCE
  • XFCE está na sua versão mais atual  - 4.10
  • o kernel utilizado é o 3.2
  • Plugin xfapplet agora pode executar applets do GNOME e MATE, entre os quais mintMenu
  • conta com o MDM gerenciador de login
  • o sistema pode ser inicializado em sistemas com placas wireless b43
  • compartilha outras características com a versão do GNOME
Requisitos do sistema são:
  • Versões de processador x86 e x86_64
  • 256 MB RAM
  • Espaço livre de 5 GB
  • Placa de vídeo com resolução de 800x600
  • Porta USB ou CD-ROM






Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo