Home » photogimp

PhotoGIMP 2017.1 está disponível para download!

O blog Diolinux orgulhosamente apresenta a versão 2017.1 do projeto PhotoGIMP, o projeto que procura aproximar usuários do Adobe Photoshop ao GIMP, facilitando a transição entre as duas ferramentas.

PhotoGIMP 2017.1 Diolinux




A migração entre softwares é sempre trabalhosa, especialmente quando este programa é um dos pilares do seu trabalho, como é o caso de muitos profissionais com o Adobe Photoshop.

Eu admito que há casos em que o Photoshop será insubstituível para o usuário, mas francamente, isso depende mais do usuário do que do programa e de seus recursos, visto que existem vários profissionais que trabalham somente com o GIMP há muitos anos, você pode escolher as suas desculpas, mas em "90% dos casos" o motivo está simplesmente no dito workflow e na produtividade.

O costume com atalhos, aparência e localização das ferramentas são fatores eventualmente decisivos para quem não quer usar o GIMP.

O PhotoGIMP é um projeto criado especialmente para quem gostaria de utilizar a ferramenta mas é especialmente acostumado com o Adobe Photoshop, ou pessoas que precisam ou querem transitar entre ambos, sem precisar decorar teclas de atalho muito diferentes entre os dois softwares.

PhotoGIMP 2017.1


O PhotoGIMP não é um novo programa, nem sequer é um "concorrente" do GIMP, muito menos do Photoshop, ele é puramente "o GIMP", mas usando toda a liberdade que o software livre nos proporciona, ele foi modificado intencionalmente para ter um workflow mais parecido com o Photoshop, muitas coisas contidas na versão do ano passado se mantiveram, mas o projeto foi ajustado e simplificado.

PhotoGIMP 2017
PhotoGIMP no Linux Mint Cinnamon

No PhotoGIMP 2017.1 você encontra um novo tema GTK que é capaz de ignorar os outros temas, então, independente de qual tema você use, ao ativar o tema do PhotoGIMP ele se manterá o mesmo, isso garante a compatibilidade perfeita com outras distribuições que não sejam o Ubuntu com o tema Ambiance, como acontecia na versão passada. Esta versão do PhotoGIMP é compatível com todas as distros, independente da interface.

Usuários de Linux Mint comentaram que a versão passada simplesmente não se encaixava no tema do sistema e acabava ficando... bom... muito tosco, para dizer o mínimo, acredito que isso tenha se resolvido, como mostra a imagem acima.

PhotoGIMP 2017.1
PhotoGIMP no Windows 10

A versão para Windows também foi atualizada juntamente e agora suporta o mesmo tema, permitindo exatamente a mesma aparência no Linux e no Windows, o que facilita a migração entre plataformas também. Na verdade, agora não existe mais um PhotoGIMP para Linux e outro para Windows, como era antes, é apenas um que funciona nos dois, ou seja, o projeto foi simplificado.

Os ícones das ferramentas estão maiores também, os principais atalhos do Photoshop fazem parte do PhotoGIMP, assim você não precisa decorar tudo de novo, o tema escurecido garante que você não canse os olhos editando imagens o dia todo e a organização espacial das ferramentas também vai te ajudar a encontrar o que você quiser com maior facilidade. Por exemplo, ferramentas comuns organizadas na barra de ferramentas da esquerda como no Photoshop, camadas na direita em baixo, etc.

PhotoGIMP no Deepin 15.4
O projeto também conta com uma série de brushes novos pré-instalados, ideal para quem gosta de fazer desenho digital também.

Outra correção que foi feita é relacionada a adaptação do tema à resoluções diferentes. Este bug acabava fazendo com que o botão de maximizar "sumisse" do GIMP, agora ele deverá funcionar perfeitamente, independente do tamanho da sua tela e da resolução.


Créditos


Para construir o patch PhotoGIMP nós unimos vários projetos abertos em torno do GIMP condensando em um "produto" final, por isso temos que dar créditos a quem realmente merece, que são os desenvolvedores do GIMP (gimp.org), aos desenvolvedores do tema, este tema (ainda que tenha sido modificado por mim), partiu do tema que será liberado com a futura versão do GIMP (O PhotoGIMP é feito em cima do GIMP 2.8.x), agradecimentos também aos desenvolvedores dos brushes. E por último, mas não menos importante, agradeço a todos que me ajudaram testar a nova versão, especial o Ricardo Venturini Bugim que me ajudou a testar várias etapas do projeto passo a passo.

Como instalar o PhotoGIMP no seu sistema


Vamos aos preparativos: Como eu tinha comentado anteriormente, o PhotoGIMP é um patch, logo, ele necessita do GIMP original instalado previamente, por isso instale no seu sistema da maneira que preferir.

Windows: Faça o download do .exe à partir do site e instale normalmente usando o utilitário de instalação, basicamente você pode avançar nele, não há nenhuma propaganda ou "recurso" extra que será instalado indevidamente.

Linux: Dependendo da distribuição haverão formas diferentes de fazer a instalação, porém, o GIMP está nomeadamente no repositório de todas, basta procurar o pacote "gimp" sem aspas no seu gerenciador de softwares ou central de aplicativos.

GIMP na Central de Apps no Linux Mint


Quem prefere fazer pelo terminal pode usar estes comandos:

Ubuntu/Mint/Debian/Deepin/elementaryOS e derivados:
sudo apt install gimp
Fedora e derivados:
sudo dnf install gimp
Arch/Manjaro/Antergos e derivados:
sudo pacman -S gimp
openSUSE e derivados:
sudo zypper install gimp

Uma vez que o GIMP esteja instalado, agora você só precisa baixar o patch e extrair ele para o local indicado. Os arquivos são os mesmos, tanto para Linux, quanto para Windows.


Com o Patch baixado, você verá que tem "em mãos" um arquivo .zip, dentro dele existem instruções para instalação semelhante ao que você encontra aqui em um arquivo de texto, você pode consultar ele.

O que você deve fazer é substituir a pasta de configurações do GIMP pelo nosso patch PhotoGIMP, no Linux e no Windows ela fica dentro da sua pasta de usuários comuns.

Instalação PhotoGIMP no Linux (distros em geral)


Extraia a pasta .gimp-2.8 contida dentro do arquivo ZIP para a pasta do seu usuário, ela deverá manter o ponto antes do nome para ficar oculta. (atenção para o ponto!)

Exemplo de local para extrair:

/home/diolinux(nome do usuário)/EXTRAIA AQUI!

Instalação do PhotoGIMP no Windows 7/8/10


Para o Windows o processo é semelhante ao do Linux, basta extrair a pasta .gimp-2.8 contida dentro do arquivo ZIP para a pasta do seu usuário que fica dentro do disco C.

Por exemplo

C:\Usuários\Diolinux(nome do usuário)\EXTRAIA AQUI!

Depois de extrair, basta abrir o GIMP normalmente.

Caso a modificação não apareça logo de cara, ou ao menos o tema, com o GIMP aberto, verifique se o tema está selecionado e habilitado.

Vá no menu editar>>preferências>>tema e na lista de temas disponíveis procure pelo "PhotoGIMPDiolinux", selecione e clique no botão "OK" e a mudança deverá ser instantânea.

PhotoGIMP Diolinux

Aproveite o PhotoGIMP e divirta-se! Lembre, este projeto não tem qualquer custo, é disponibilizado para você completamente grátis, então compartilhe a matéria como pagamento, indique para amigos que poderão se interessar! :)

Caso você encontre problemas ou tenha sugestões para edições futuras, por favor deixe nos comentários ou nos envie um e-mail contando as suas ideias, quem sabe elas ajudam a forma uma versão futura do projeto.

Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




quarta-feira, 26 de abril de 2017

GimpPs - Um tema Adobe Photoshop para o GIMP

Eu acho louvável essas camadas de abstração de aprendizado que alguns usuários proporcionam para os demais. O GIMP permite várias modificações bacanas e hoje você vai conhecer o GimpPs.

GimpPS Ubuntu




O objetivo do projeto GimpPs é aproximar que está saindo do Photoshop para o GIMP. Feito para o GIMP 2.8, o tema funciona no Windows, no macOS e no Linux (em geral), valendo observar o tema GTK no caso das distros Linux.


O GimpPs muda o visual da aplicação e também as teclas de atalho da ferramenta, ele é perfeitamente comparável ao nosso projeto PhotoGIMP, porém, com um tema diferente, que pode ou não, te agradar mais.

Como instalar o GimpPs?

O projeto está disponível no GitHub, na página você também encontra as instruções para instalar em todos os sistemas.

Observe que é importante ter o Git instalado para que os comandos de instalação funcionem. Isso varia de acordo com o sistema, no Ubuntu, Debian, Mint e seus derivados o que você precisa fazer basicamente é:
sudo apt install git
Para instalar no Linux:
sh -c "$(wget https://raw.githubusercontent.com/doctormo/GimpPs/master/tools/install.sh -O -)"
No macOS:
cd $HOME/Library/Application\ Support/GIMP
mv 2.8 2.8.backup
git clone --depth=1 https://github.com/doctormo/GimpPs.git 2.8
No Windows (CMD):
cd %USERPROFILE% 
ren .gimp-2.8 .gimp-2.8.backup 
git clone --depth=1 https://github.com/doctormo/GimpPs.git .gimp-2.8
No Windows (PowerShell):
cd $Env:UserProfile 
mv .gimp-2.8 .gimp-2.8.backup
git clone --depth=1 https://github.com/doctormo/GimpPs.git .gimp-2.8
Até a próxima!_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

Como instalar o renovado GIMP 2.9 no Ubuntu

O GIMP 2.9 já está disponível para os interessados em baixar e testar, ele vem com muitas mudanças interessantes, incluindo uma nova aparência visual mais profissional, confira:

GIMP 2.9 Ubuntu PPA




O GIMP 2.9 ainda não pode ser considerada uma versão estável do famoso editor, porém, ele já está utilizável, estou usando há algumas horas e até o momento não tive problemas.
PPA da versão estável do GIMP para Ubuntu e derivados
Você pode ver todas as novidades que essa nova versão traz para os usuários diretamente nas notas de lançamento disponíveis no site do GIMP, mas podemos destacar algumas delas.

Novo visual do GIMP 2.9


Novos temas GIMP

Esta é uma das coisas que eu mais gostei, agora o GIMP está trazendo alguns temas, incluído temas escuros.


Além disso, um novo gerenciamento de cores foi adicionados, pincéis nativos do MyPaint também são incluídos e a capacidade de trabalhar  com imagens RAW através de um plugin do Darktable.

Como instalar o GIMP 2.9 no Ubuntu e derivados


Como  eu havia comentado, o GIMP 2.9 é uma versão instável do manipular de imagens, a versão estável atualmente é a 2.8, a versão 2.10 será a versão estável com estas novidades, porém, isso não quer dizer que você não possa utilizá-lo para pelo menos testas, e vamos fazer isso através de um repositório PPA.

O processo será demonstrado utilizando o terminal do Ubuntu, porém, todo o precedimento pode ser feito sem ele também, então seguem aqui duas dicas caso você queira fazer isso:
- Como instalar PPAs graficamente
- Como remover programas instalados por PPA graficamente
Abra o seu terminal e rode os seguintes comandos:
sudo add-apt-repository ppa:otto-kesselgulasch/gimp-edge
sudo apt-get update
sudo apt-get upgrade
Esse processo acima serve para o caso de você já ter o GIMP instalado. Caso não tenha apenas instale:
sudo apt-get install gimp 

Como remover o GIMP 2.9?


Caso você não tenha gostado do GIMP 2.9 ou tenha tido problemas na sua utilização, é possível remover o programa sem problemas:
sudo apt-get install ppa-purge
sudo ppa-purge ppa:otto-kesselgulasch/gimp-edge
Até a próxima!

Extra


O nosso tema PhotoGIMP funciona perfeitamente com esta versão do GIMP, a diferença é que o local onde os arquivos devem ser extraídos.

PhotoGIMP 2.9


Para aplicar o nosso Patch você precisa extrair os arquivos para o diretório:
/home/SEU_USUARIO/.config/GIMP/2.9
Bom proveito! :)
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




terça-feira, 19 de julho de 2016

Adobe vai notificar usuários que usam produtos piratas da empresa

Ainda não é uma caça à pirataria de forma aberta, mas é uma medida para tentar resgatar o cliente que está usando software pirata. A Adobe, uma empresa muito famosa no ramo de produção artística por conta de softwares como Photoshop, After Effects, entre outros, agora vai notificar os usuários que estão usando software pirata.

Adobe irá notificar usuários de software pirata




A proposta da Adobe é simplesmente chamar a atenção do usuário, informando que o software que está rodando não é genuíno, semelhante ao que a Microsoft faz com o Windows, quem sabe limitando algumas funções do mesmo.
“A Adobe faz testes de validação e notifica as pessoas que estão usando softwares não genuínos. Nossos testes verificam a adulteração de softwares e licenças inválidas. Se você recebeu uma notificação, isso significa que o software em seu computador não é um produto genuíno da Adobe. Ele não é coberto por uma garantia, nem por nossos programas de suporte. E por ser possível que ele não tenha o desempenho que queremos, ele pode ser um risco para você e seu trabalho”.
notificação da Adobe
Exemplo de notificação da Adobe

A Adobe já demonstrou interesse em transformar o ser serviço em algo semelhante ao Streaming do Netflix, de fato, já funciona de uma forma parecida para quem usa o Adobe Creative Cloud, porém, a ideia é dar uma passo adiante, como mostra a iniciativa da empresa, juntamente com a Google, para portar o Adobe Photoshop para o Chrome OS.
Leia também: Motivos que fazem do GIMP a melhor alternativa ao Adobe Photoshop
O interessante desta iniciativa é que sistema operacionais baseados no Linux, que atualmente não possuem uma versão nativa do Photoshop, poderão usar o mesmo através do Chrome, aparentemente, usuários dos EUA dentro do programa educacional da Adobe, já estão podendo testar o "Project Photoshop Streaming".
Leia também: Como instalar o Adobe Photoshop no Linux pelo Wine
Com a mudança na forma de distribuição dos programas da Adobe é natural que empresa tente converter a sua base pirata, que não traz lucro para empresa, para uma base assinante do programa.
Leia também: Conheça o projeto PhotoGIMP
Acredito que a Adobe não tome medidas drásticas para inibir a pirataria de maneira ativa muito em breve, afinal, isso seria basicamente "brigar" com um possível futuro cliente.

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




quinta-feira, 2 de junho de 2016

PhotoGIMP - O GIMP para quem vem do Photoshop

O GIMP é um programa muito poderoso, muito mais do que as pessoas imaginam, porém, por se tratar de um programa diferente é natural que a maneira de trabalhar com ele seja diferente do popular Adobe Photoshop e isto afasta alguns usuários que não podem "perder tempo aprendendo" uma nova ferramenta.

ATENÇÃO: EXISTE UMA VERSÃO ATUALIZADA DO PHOTOGIMP, CLIQUE AQUI PARA CONFERIR.

O PhotoGIMP é um projeto do Diolinux que visa deixar o GIMP o mais parecido possível com o Photoshop e torná-lo uma opção viável para iniciantes e para avançados.

PhotoGIMP




O PhotoGIMP é um patch que você pode aplicar no GIMP 2.8, tanto para Linux, quanto para Windows. Este Patch adiciona as seguintes características.

Veja também: Na mão de quem sabe o GIMP é uma ferramenta incrível, veja este vídeo.

- Visual semelhante ao do Photoshop: Tema escuro com disposição espacial das ferramentas e painéis de configuração semelhantes aos do Photoshop. Os atalhos do teclado para as ferramentas também são iguais aos do Photoshop.

PhotoGIMP versão Windows
PhotoGIMP versão Windows

PhotoGIMP versão Ubuntu
PhotoGIMP versão Linux

- Recursos adicionais: Foram adicionados vários novos Brushes ao GIMP e também foram adicionados alguns filtros do Instagram para você utilizar de maneira prática:

PhotoGIMP

Brushes

Para turbinar o seu GIMP mais ainda ainda consulte: 17 dicas para deixar o GIMP mais completo.

Como instalar o PhotoGIMP no seu computador?


Como o PhotoGIMP é um patch, será necessário que você tenha o GIMP instalado previamente para poder aplicá-lo, caso você use Linux ele estará disponível na Central de aplicativos da sua distribuição, no caso do Ubuntu basta procurar pela aplicação na Ubuntu Software como na imagem abaixo:

GIMP Ubuntu

Se você usa Windows é possível fazer o download do GIMP no site oficial, basta baixar e instalar normalmente, o instalador é um arquivo .exe tradicional do Windows.

Agora que você já tem o GIMP instalado, independente do sistema, basta aplicar o Patch. Para fazer isso você deve baixar um dos arquivos abaixo:
Versão Linux 14 MB
Versão Windows 14 MB
Você encontra instruções para instalação em um arquivo "Install.txt" dentro do arquivo que você baixar. Basicamente o que precisa ser feito é:

1 - Baixe o arquivo .zip.

2 - Dê dois clique no arquivo baixado.

3 - Clique uma vez sobre a pasta .gimp-2.8

4 - Extraia esta pasta:
   4.1 - No Linux (Ubuntu) para /home/SEUUSUÁRIO
   4.2 -  No Windows para C:\Users\SEU_USUÁRIO

Basicamente é isso, para ativar o tema escuro no Windows pode ser necessário configurá-lo dentro do GIMP acessando o menu editar>>preferências e na sessão "Tema" selecione PHOTOGIMP-DIOLINUX, fechar o programa e abri-lo novamente.

Gostaria de agradecer ao meu amigo Charly por ter feito a nova arte da tela de Splash no PhotoGIMP.

Aproveite e até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




quarta-feira, 27 de abril de 2016

Tudo o que você precisa saber para trabalhar com Design Gráfico e Produção Audiovisual no Linux

Hoje vamos debater um assunto que gera muita polêmica entre os profissionais, é possível trabalhar com design e produção multimídia usando Linux? Acho que você já sabe a resposta não é? Mas hoje vamos conhecer um pouco do dia a dia do profissional que faz do Linux e os programas que nele rodam a suas ferramentas, conhecer os problemas, as vantagens, as desvantagens, este é o oitavo episódio do DioCast.

Design Gráfico

No mundo Linux existem muitas ferramentas poderosas para fazer artes gráficas, tanto para quem faz montagens, tratamentos de imagens, desenho e pintura, edição de vídeo e por aí vai. Neste oitavo episódio do DioCast, o seu "videocast" no YouTube sobre tecnologia, recebemos alguns convidados especiais para falarmos dos desafios do profissional do Design Gráfico que trabalha com Linux e colhemos algumas valiosas dicas para quem pretende iniciar no ramo.


Descrição

Conheça o dia a dia a experiência dos profissionais do design gráfico que utilizam Linux para os seus projetos. Falamos também sobre as principais alternativas para Linux para programas que são populares no mundo Windows/Mac, como por exemplo o Photoshop, Lightroom, After Effects, Premiere, Vegas, Corel Draw e Illustrator.

O episódio de hoje contou com a participação do Cadunico, Sami, Gabriel da Costa, Kewer e Dionatan, logo abaixo você confere alguns links interessantes e úteis sobre o que foi conversado no videocast.


Site Cadunico: http://cadunico.art.br/




Se você também trabalhar com design usando Linux, ou pretende trabalhar, conte pra gente a sua experiência ou expectativa sobre o ramo e até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

Como instalar o Adobe Photoshop CS6 no Ubuntu

Aprenda a instalar o popular Adobe Photoshop CS6 no Ubuntu e em qualquer distribuição Linux através do Wine/PlayOnLinux.

Adobe Photoshop

Aprenda a instalar o Photoshop no Linux


Apesar de não usar mais diariamente o Photoshop eu reconheço a grandeza e a importância no programa, muitas pessoas gostam muito do programa da Adobe e eventualmente, deixam de usar o Linux pela ausência do programa, porém, o Wine vem se desenvolvendo de maneira extremamente rápida nos últimos meses e agora ele já é capaz de dar suporte ao Photoshop.

Antes do tutorial


O tutorial consiste em fazer uso do PlayOnLinux, um software que manipula o Wine para rodar aplicações Windows no Linux e no Mac OSX, por isso, se você não tem muita intimidade com o programa é recomendado que você assista o nosso vídeo manual sobre o PlayOnLinux antes de prosseguir.

Instalando o AdobePhotoshop no Ubuntu


O canal que realizou o tutorial foi o Linux Warrior e o Ubuntu foi utilizando como distribuição Linux para execução do mesmo, entretanto, o processo deverá funcionar corretamente em qualquer sistema.


Apesar do Photoshop ser muito bom, se você procura uma alternativa nativa a ele para o Linux considere dar uma atenção especial para o GIMP, se você ainda não conhece o programa vou deixar aqui duas sugestões de leitura que vão facilitar a sua migração, incluindo um tema que nós desenvolvemos para deixar o GIMP semelhante ao Photoshop:



Bom proveito, aproveite o seu Photoshop ou o seu GIMP, até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Como instalar a última versão do GIMP no Ubuntu

Hoje você vai aprender a instalar a última versão do editor de imagens GIMP no seu Ubuntu ou Linux Mint e manter o software atualizado através do PPA oficial.

GIMP

Instale a última versão do GIMP no seu sistema


O GIMP dispensa apresentações, ele é o mais bem sucedido editor de imagens de código aberto do mundo, há poucos dias o projeto completou nada mais nada menos do que 20 anos de existência e nós até fizemos uma matéria para contar um pouco da trajetória do projeto.

O que acontece é que dependendo da versão do Ubuntu ou do Mint que você esteja usando a versão do GIMP disponível na central de aplicativos não será a última, para que isso aconteça vamos adicionar o repositório: ppa:otto-kesselgulasch/gimp

Clique no menu do sistema, pesquise pelo aplicativo "Programas e Atualizações", dentro dele clique no botão "Adicionar", na janela que aparecer coloque o PPA acima, como no exemplo abaixo, posteriormente clique em "Adicionar Fonte", clique em "Fechar", agora é necessário fazer a atualização dos repositórios, se quando você fechar aparecer uma janela pedindo a atualização você pode fazer essa atualização apenas confirmando a ação, caso contrário, procure no menu do sistema pelo aplicativo "Atualizador de Programas" e deixe ele fazer uma atualização.

Adicionando repositório do GIMP
Clique na imagem para ampliar

Se você já tem o GIMP instalado, provavelmente através do aplicativo "Atualizador de Programas" você atualizará o mesmo, caso contrário, basta instalar o software pela Central de Programas do Ubuntu clicando no botão abaixo:

A versão mais recente do GIMP vem com alguns recursos a mais, como plugins e filtros e como sempre, correções de bugs.

O nosso patch PhotoGIMP é compatível com está versão, então se você o uso não fique preocupado, funciona perfeitamente.

Fazendo a instalação pelo terminal (opcional)


Se você já fez o procedimento acima você não precisa repetir usando o terminal, isto é apenas para aqueles que preferem fazer a instalação desta forma. Para fazer a instalação da última versão do GIMP basta copiar todo este código abaixo e colocar no seu terminal, depois de colar pressione a tecla "enter", digite a sua senha e pressione "enter" novamente, aguarde a instalação, ele estará disponível no menu do sistema depois que ela terminar.
sudo add-apt-repository ppa:otto-kesselgulasch/gimp -y && sudo apt-get update && sudo apt-get install gimp -y
Com este PPA ativo no sistema você sempre terá a última versão estável do GIMP a sua disposição.

Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




quinta-feira, 26 de novembro de 2015

GIMP faz 20 anos de idade, conheça a história do software

O melhor editor de imagens com código aberto do mundo fez aniversário, completou o seu vigésimo ano de existência.

GIMP 20 ANOS

20 anos de GNU Imagem Manipulation Program


No dia 21 de Novembro (estamos atrasados eu sei, mas não poderia deixar passar) o GIMP completou 20 anos de existência, uma marca e tanto para qualquer projeto. Foi em 1995 que Peter Mattis e Kimball Spencer, ambos estudantes da Universidade da Califórnia, criaram o software que se tornaria o GIMP de hoje em dia.

PhotoGIMP: O GIMP com cara de Photoshop

A ideia era simples, criar um programa que tivesse o código fonte aberto para editar e manipular imagens, o nome do programa sempre foi "GIMP", mas em suas primeiras versões ele se chamava "General Image Manipulation Program", algo que foi mudado depois para apoiar o projeto GNU, ele então passou a se chamar "GNU Image Manipulation Program".

GIMP Birthday

Desde então o GIMP vem evoluindo e arrastou milhões de fãs e comunidades inteiras que estão empanhada em criar e manter plugins para todas as funções que você puder imaginar. Entre 2006 e 2012 houveram grandes mudanças no projeto, graças a colaboração de  Peter Sikking, que ajudou a fazer com que o GIMP fosse moldado para atender ao público profissional também de maneira mais plena.

O GIMP hoje possui versão para todas as distros Linux e para qualquer sistema operacional popular da atualidade incluindo o Windows e o Mac OSX, para o futuro muitas coisas devem melhorar, uma das coisas que poderemos ver já na versão 2.9.X (a atual é a 2.8.X) é a presença de pré-visualização instantânea de efeitos antes deles serem aplicados, por baixo do capô o software deverá ficar mais poderoso também com a atualização para o processador de imagem GEGL, para completar a festa dos 20 anos, o site do GIMP também recebeu uma repaginada, você pode ler mais informações sobre o aniversário deste excelente software no site oficial.

O GIMP tem me feito companhia durante muitos anos e é responsável por praticamente todas as artes compostas que vão parar em todos os posts aqui no blog durante estes quase 5 anos de existência do Diolinux, assim como as imagens usadas no nosso canal no YouTube também. Vida longa ao GIMP! E que venham mais 20 anos!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




terça-feira, 24 de novembro de 2015

17 Dicas para você turbinar o GIMP

Aprenda a instalar complementos no seu GIMP para deixar o programa ainda mais completo, vamos lá?

17 Dicas para turbinar o GIMP

Dicas de complementos e recursos para o GIMP


O GIMP por si só já é um editor de imagens sensacional naturalmente, com recursos muito avançados e totalmente de graça, porém, um grande diferencial é o poder de customização que o software tem, confira no vídeo abaixo algumas dicas de instalar complementos no GIMP.

1 - Instalando Plugins no GIMP

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




quinta-feira, 1 de outubro de 2015

Conheça um pouco do poder de manipulação de imagens do GIMP

Existem várias pessoas que insistem em dizer que o GIMP não pode ser usado para edições mais avançadas ou montagens mais trabalhadas, então vou mostrar o que eu consegui fazer com um pouco de tempo... confere aí! 

GIMP Bottle

Criando um desenho artístico com o GIMP


Antes de mais nada, eu não sou um profissional do design, me encaixo no nível "curioso/esforçado" então acredito que nas mãos de um verdadeiro artista o resultado final seria melhor, de qualquer forma, deixe-me contar a história da inspiração para esta imagem...

Tudo começou quando eu vi o vídeo abaixo, espetacular diga-se de passagem, o artista cria as imagens para depois trabalhá-las do Adobe Photoshop e com mais de 120 camadas ele consegue o efeito final que é estupendo sem dúvidas! Então eu pensei, será que consigo fazer isso no GIMP? E comecei a fazer, acredito que levei umas duas horas para concluir, usei apenas imagens encontradas na internet para fazer toda a composição.

O vídeo inspirador foi este:


Então, seguindo o modelo de garrafa flutuando eu fiz o  meu "cover", digamos assim, só que usando a ferramenta aberta GIMP, grátis, open source, multiplataforma e muito poderosa, óbvio que tive algumas limitações, a começar pela qualidade das imagens, e também fui muito mais modesto usando apenas 20 camadas como você pode ver no projeto abaixo:

Bottle GIMP

E depois de um pouco de trabalho o resultado final você vê logo abaixo:

GIMP Bottle pronta

Até eu me surpreendi com o resultado! E como não é sempre que sai algo assim das minhas criações estou até compartilhando aqui no blog! :D

Se eu que não tenho feeling de designer consegui fazer algo bacana, imagina quem tem né?

Na edição eu usei a nossa versão customizada do GIMP para o Ubuntu, o chamado PhotoGIMP, conheça o projeto clicando neste link.

Caso alguém tenha gostado e se interessado estou disponibilizando logo abaixo todo o projeto em .xcf e também as imagens prontas para quem quiser ver de perto.


Dicas para aprender mais sobre GIMP


Quero deixar algumas dicas para você aprender mais sobre o GIMP, no canal do Diolinux você encontra alguns tutoriais usando o Software, clique aqui para assistir.

Quero indicar também a página do Elias de Carvalho Silveira no Facebook, ele sim é um verdadeiro artista, o nome da página é "Como viver sem Photoshop", clique aqui para acessar.

Adicionalmente temos um canal que ainda nem estreou mas que eu já pude dar uma olhada no material, chamado GIMP Estúdio do meu amigo Thiago Ferreira, clique aqui para conhecer. E não menos importante o nosso também parceiro Rafael do TV Guarapa, além de GIMP ele ensina muitas outras aplicações gráficas, clique aqui para conhecer.

Até a próxima pessoal, vamos promover o GIMP! :)
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




terça-feira, 22 de setembro de 2015

Como cortar cabelos "Like a Boss" no GIMP

Cortar imagens onde há vários fios de cabelos soltos é uma tarefa difícil em qualquer software, porém, você não precisa gastar em licenças ou piratear programas para fazer isso, aprenda agora como cortar cabelos no GIMP.

Corte de Cabelo com GIMP

Corte de cabelo com GIMP


Para facilitar o seu entendimento criamos um vídeo tutorial explicando passo a passo como fazer o procedimento de corte de cabelo rente no GIMP, confira:


Descrição do vídeo:

Tutorial avançado de GIMP, aprenda a fazer recortes de formas através de máscaras de camada. No tutorial de hoje vamos aprender a cortar o cabelo de uma modelo perfeitamente.

PhotoGIMP: http://goo.gl/IFv3rv

Acesse a nossa loja: http://www.diostore.com.br

Conheça o nosso Patreon; https://www.patreon.com/Diolinux

Anuncie no Diolinux: http://goo.gl/BWsafD

- Acesse o site: http://www.diolinux.com.br
- Facebook: http://www.facebook.com/blogdiolinux
- Twitter: http://www.twitter.com/blogdiolinux
- Google Plus: https://plus.google.com/+DiolinuxBr/
- Android App: http://goo.gl/DTVt7I
- Assine o nosso Feed:http://goo.gl/w6418F
- Diolinux na Google Play Banca: http://goo.gl/qCJQqr

Contato:[email protected]
[email protected]____________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




segunda-feira, 21 de setembro de 2015

PhotoGIMP a nova atualização do projeto GIMPshop

Conheça a nova versão do nosso GIMP modificado, modificamos o nome e alteramos algumas configurações e recursos, confira.

PhotoGIMP

PhotoGIMP, o GIMP com a cara do Adobe Photoshop


Atenção: Existe uma versão atualizada deste projeto, clique aqui para ver.

Realizamos um pequeno upgrade no nosso projeto, anteriormente ele se chamava GIMPshop, porém, acabamos descobrindo que já existia um projeto com este nome, por isso, agora o nosso projeto do GIMP customizado, com temas, teclas de atalho e locais do Photoshop chama-se PhotoGIMP.

PhotoGIMP Brushes
Brushes novos para o GIMP

O projeto, além de ter um tema escuro, também possui os talhos configurados da mesma forma do Photoshop, você pode ver mais detalhes sobre o projeto no primeiro anúncio que fizemos neste endereço.

A nova atualização trouxe um upgrade no Splash do programa, agora ele está com um visual mais clean e também a adição de mais pincéis, atualmente são 200 brushes diferentes.
Para quem prefere baixar o patch de modificação sem as fontes basta usar o botão abaixo:

PhotoGIMP sem fontes

As informações de instalação estão dentro do arquivo que você baixar mas basicamente você precisa extrair as duas pastas para dentro da sua home.

Futuramente queremos fazer versões adaptadas para Windows e Mac e ir adicionando funções, então se você tiver sugestões, mande pra gente.

Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




quinta-feira, 13 de agosto de 2015