Diolinux - Open Source, Ubuntu, Android e tecnologia

Responsive Ad Slot

Mostrando postagens com marcador whatsaṕp. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador whatsaṕp. Mostrar todas as postagens

Como ler mensagens no WhatsApp sem que apareçam os dois risquinhos azuis para quem enviou a mensagem

Nenhum comentário

quarta-feira, 20 de setembro de 2017

Hoje você vai aprender aquela famosa e antiga "técnica ninja" de ignorar as pessoas que você quiser sem se preocupar com as convenções sociais. Eu sei "é horrível", mas se você está lendo isso aqui é porque tem algum interesse no assunto, certo? Querendo ou não, o "double blue check" do WhatsApp já causou problemas por aí...

Riscos azuis no WhatsApp







Na era digital, passamos muito tempo com nossos celulares em mãos e os levamos para todos os lugares. Neste universo, uma das aplicações mais utilizadas é o WhatsApp. O App mantido pelo Facebook acabou se tornando uma das formas centrais de comunicação, seja para simples usuários comuns, seja para empresas, porém, junto com as informações enviadas de forma praticamente instantânea, a "necessidade" de resposta instantânea veio junto e isso nem sempre é possível, ou, nem sempre é o que você deseja fazer.

Até aí, tudo bem, certo? É... quase. Acontece que o recurso do WhatsApp para avisar que a mensagem foi entregue e visualizada acabou gerando um certo problema em algumas comunicações, como eu não conheço outra forma de explicar, o que costuma se passar na cabeça das pessoas, especialmente as mais ansiosas, é algo como:"ele(a) viu a minha mensagem e não respondeu? WTH!", ou algo muito próximo disso, com certeza.

No próprio WhatsApp você tem uma configuração possível para alterar um pouco este comportamento. O recurso pode ser parcialmente desativado simplesmente indo no ícone dos 3 pontos alinhados na parte superior direita, depois em configurações, conta, privacidade e no final "Confirmação de Leitura", com o recurso você não pode ver quem leu a sua mensagem.

Configuração de privacidade no WhatsApp

Mas essa funcionalidade não faz exatamente o que você gostaria que acontecesse (a menos que a pessoa que te enviou a mensagem tenha feito algo do tipo também), essa funcionalidade apenas esconde a confirmação quando você envia a mensagem e não quando você recebe, que é o ponto aqui. Além disso, a função não funciona para grupos e você pode querer ela ativada, afinal, em última análise ela pode ser útil, então, como criar uma solução que atenda a todos esses detalhes?

Conheça o: Shh - Hi Blue Double  Check



Você baixar este aplicativo diretamente na Google Play:
Em sua primeira inicialização o aplicativo vai pedir-lhe o "Acesso a Notificações do seu Android", aceite-as para que quando alguém lhe enviar uma mensagem no WhatsApp, o "Shh" possa te notificar também, nas configurações do App você também pode escolher ocultar o "Double Check" em conversas Individuais, Grupos ou em ambos.

Configurações do Shh

Você deve usá-lo assim: Quando você receber uma mensagem no WhatsApp, o seu WhatsApp vai continuar lhe notificando como sempre fez, porém, o "Shh" vai fazer o mesmo, se você quiser ler a mensagem sem que a pessoa que lhe enviou a mensagem saiba que você a leu, basta fazer isso através do aplicativo.

Com ele você não consegue responder as mensagens diretamente, mas ao tocar em uma mensagem e clicar em "Reply" (responder), ele lhe direcionará para o WhatsApp, onde o "Double Check" vai aparecer para o seu contato.

Funciona de um jeito muito simples, não é? 

Este material foi co-produzido com o nosso leitor Anderson Carvalho, autor do blog "Baixar jogos para Android".
Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Hackers conseguem invadir WhatsApp e Telegram sem quebrar a criptografia dos Apps

Nenhum comentário

domingo, 5 de junho de 2016

Quem imagina que é necessário quebrar a criptografia das mensagens do WhatsApp para acessar conversas alheias está enganado. O canal do YouTube Thomas Fox-Brewster demonstra como é feito o ataque em poucos minutos.

Thomas Fox-Brewster






Ao invés de atacar os aplicativos diretamente, o ataque direcionou seu esforços para quebrar os protocolos de segurança do Signaling System 7, uma rede gerenciada normalmente pelas empresas de telefonia que conecta os celulares e Smartphones e funciona como se fosse um Hub central, de modo que as únicas entidades que tem acesso a isso normalmente, sejam as operadores e os governos.
Apesar deles não explicarem e nem darem detalhes do que estão fazendo nos vídeos, é claramente perceptível como o invasor consegue controlar as contas das vítimas, tanto no WhatsApp, quanto no Telegram.

Ataque ao WhatsApp


Ataque ao Telegram



De nada adianta as empresas investirem tanto na segurança de seus produtos se a rede em que os Smartphones se conectam tem falhas  e permitem ataques desta forma.
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




WhatsApp lança aplicativo para Desktop

Nenhum comentário

quarta-feira, 11 de maio de 2016

O WhatsApp finalmente resolveu atender os pedidos dos usuários e liberou uma versão do aplicativo para Desktop, disponível para Windows e Mac OS X apenas, vamos conhecer o recurso.

WhatsApp Desktop Download




O WhatsApp anunciou a disponibilidade de uma versão Desktop do aplicativo. Ele basicamente tem as mesmas funções da versão Web que você acessa através de qualquer browser, como nós ensinamos a utilizar neste tutorial, a diferença maior é o suporte para notificações no Desktop (isso já era possível com a versão Web) e suporte para teclas de atalho.

Você encontra os instaladores para Windows e Mac na página de download no site oficial, até o momento não existem versão oficial para Linux, porém, existe uma versão da comunidade que já existia muito antes do WhatsApp lançar essa versão oficial que tem basicamente a mesma funcionalidade, saiba mais aqui.

Ao mesmo tempo que uma versão Desktop do WhatsApp empolgou alguns usuários, ela acabou decepcionando um pouco por não se diferenciar do que nós já tínhamos acessando o serviço através do browser. Algo muito diferente do Telegram, talvez o principal concorrente no mesmo setor, que não há como não comparar.

Eu acredito que o que os usuários do WhatsApp queriam era uma aplicação mais independente do celular, atualmente, mesmo com o desktop é necessário ter o Smartphone conectado a mesma rede como é na versão móvel, que é algo que o Telegram oferece.

O que você achou do WhatsApp Desktop?
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




WhatsApp será bloqueado novamente, entenda a situação

Nenhum comentário

segunda-feira, 2 de maio de 2016

A justiça brasileira determinou que o popular aplicativo WhatsApp deverá ser bloqueado por até 72 horas caso a empresa não cumpra uma ordem judicial. #elávamosnós 

WhatsApp bloqueado





Mais uma vez a justiça brasileira tenta bloquear o uso do WhatsApp, esta não é a primeira vez que isso acontece, e cá entre nós, "do jeito que a banda toca" por aqui não vai ser a última também. A medida atual impede o uso do App por 72 horas à partir das 14 horas desta segunda-feira.

Quem definiu o bloqueio foi o juiz Marcelo Montalvão do Sergipe, por conta dela as principais operadoras do Brasil serão obrigadas a bloquear o uso do aplicativo sob o risco de receberem uma multa diária de 500 mil reais. Da última vez que isso aconteceu, uma outra medida liberou o acesso ao App em algumas horas, vamos ter que esperar para ver o que acontece desta vez.

O motivo


Bom, o motivo é basicamente o mesmo da outra vez. A justiça quer ter acesso ao conteúdo de mensagens de alguns usuários específicos, segundo a mesma, no intuito é de desvendar um caso envolvendo tráfico de drogas e o WhatsApp estaria "negando-se" a fazer isso.

O WhatsApp já se pronunciou sobre isso alegando que simplesmente não pode fazer nada à respeito por um simples motivo: Nenhuma mensagem é armazenada nos servidores da empresa e para completar, recentemente o App adotou um sistema de criptografia ponto-a-ponto que dificulta ainda mais saber o conteúdo das mensagens, o WhatsApp alega simplesmente não ter as informações que o governo brasileiro quer. 

O uso de VPN


Se você foi um dos que vivenciou o bloqueio do WhatsApp por algumas horas no ano passado e já virou um "ninja da tecnologia" e saiu usando VPN "à torto e direito", vai com calma jovem, muita calma...

Eu vi muita gente usando VPN achando que estava segura, muitas vezes sem nem mesmo saber "o que ser" uma VPN... pressiona um botãozinho e o "Whats" voltava a funcionar sem maiores problemas, parecia mágica...  mas cabe aqui um alerta que e vou deixar com o meu amigo  André Noel:


Para saber como usar VPN consulte o nosso artigo (do ano passado) que te dá algumas dicas sobre o assunto.

Uma outra solução é usar o Telegram, no ano passado o App ganhou muitos adeptos por conta dos problemas no WhatsApp, ele continua funcionando muito bem e tem até um App para computador que funciona sem a necessidade do Smartphone estar conectado na mesma rede.

Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Franz - O App que junta Skype, Hangouts, WhatsApp, Telegram, Messenger e outros em um só lugar

Nenhum comentário

quarta-feira, 6 de abril de 2016

A ideia conceitual do Franz é muito simples, juntar todos os serviços de mensagens que você no dia a dia sob uma aplicação apenas, tudo isso para economiza recursos e manter a organização. Vamos conhecer o Franz um pouco melhor:

Franz - All messengers in One




O Franz ainda está em desenvolvimento e possui versões para as 3 principais plataforma, Windows, Linux e Mac. Basicamente ele consegue concentrar as versões online dos cada um dos serviços em abas, fazendo com que seja possível acessá-los facilmente, alternando entre os serviços facilmente.

Os serviços suportados incluem: Slack, Messenger, WhatsApp, Telegram, Skype, WeChat, HipChat, Hangouts, Grape e GroupMe.

Segundo o site oficial são quase 30 mil usuários em menos de um mês de existência, eles também informam que pretendem lançar uma versão do software empacotado no formato .deb, compatível com Debian, Ubuntu e seus derivados.

Atualmente a versão para Linux é um binário portátil que funciona em qualquer distribuição, basta baixar o pacote, extrair e dar dois cliques no arquivo.

O Franz consegue enviar notificações para o seu desktop também, o que ajuda na sua integração, porém pequenos detalhes ainda faltam ser corrigidos, como por exemplo o ícone do software que não aparece enquanto ele está aberto, obrigando o sistema a usar um ícone genérico (pelo menos do Ubuntu), um recurso interessante seria um ícone indicador, semelhante ao que o Telegram Desktop tem em seu cliente para Linux. Você pode baixar o Franz clicando no botão abaixo:

Quero agradecer ao meu amigo e leitor do blog Ricardo pela indicação, teste e nos diga o que você achou, por ser um software recente ele parece estar funcionando muito bem, especialmente se você desconsiderar os detalhes do acabamento.

Update

A comunidade Linux sempre muito prestativa se manifestou para corrigir este pequeno empasse no ícone do Franz, você pode baixar um tutorial feito pelo nosso leitor Cauã Santa Vicca clicando  aqui que ensina você a criar um ícone manualmente para o programa.


Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




3 novos recursos no WhatsApp Android que chegarão em breve

Nenhum comentário

terça-feira, 29 de março de 2016

A versão Beta do WhatsApp para Android trouxe três novos recursos para os usuários, um que vai ajudar você a dar respostas mais rápidas, outro que vai facilitar a organização dos seus contatos e um terceiro que permitirá uma melhor formatação do texto.

Novo recursos do WhatsAPp



Os novos recursos ainda estão disponíveis apenas para quem é Beta tester do WhatsApp, porém, se tudo ocorrer como o planejado em breve ambos serão liberados para o público.

Novos recursos do WhatsApp
Imagem: AndroidPolice
Agora será possível responder a uma mensagem diretamente à partir das notificações do Android, bastando clicar no botão de "Reply" que foi incorporado, isso é algo que deve agilizar a comunicação, uma vez que não será necessário abrir o App por completo para fazer isso.

Para quem gosta de enfatizar nos textos, agora será possível usar os padrões negrito, itálico tachado para escrever mensagens.

Outro recurso interessante que foi adicionado é a possibilidade de fazer alterações em massa em vários usuários em um grupo simultaneamente, bastando fazer a seleção de integrantes e manter o dedo pressionado sobre a seleção onde abrir-se-ão todas as opções disponíveis.

Seleção de Wallpapers


Por último, mas não menos importante, a interface para a seleção de Wallpaper dentro do Aplicativo foi redesenhada pra integrar novas opções, como você pode ver na imagem acima.

Como testar as novas funcionalidades?


As novas funções estarão disponíveis para todos em um futuro próximo, então basta manter o seu App atualizado pela próprio Google Play, porém, que é ansioso e não gosta de esperar pode baixar por conta e risco o APK do APKMirror.

Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Google trabalha com Operadoras para criar concorrente ao WhatsApp

Nenhum comentário

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

A Google está desenvolvendo um serviço para substituir o tradicional SMS, pelo menos nos Smartphones Android, e de quebra concorrer com serviços como WhatsApp, Telegram e Facebook Messenger.

Google prepara concorrente do WhatsApp





Até o momento produto não tem um nome em especial, está sendo chamado simplesmente de RCS (Rich Communications Services). O RCS não é necessariamente um aplicativo como o WhatsApp mas um novo protocolo de comunicação para substituir o SMS/MMS utilizado atualmente.

Basicamente o que a Google quer fazer é tornar o RCS um padrão nos Smartphones, encare ele como se fosse uma "turbinada" no SMS atual e em seus recursos, fazendo que seja possível fazer basicamente tudo o que você faz com o Telegram/WhatsApp ou simular só que com um produto que utilize as redes de telefonia das grandes operadoras e não dependa de internet necessariamente.

As operadoras de telefonia estão vendo suas receitas com mensagens de texto despencarem desde que o padrão de comunicação entre as pessoas desta forma passou a ser feito através da internet com estes aplicativos populares, esta seria uma tentativa de reequilibrar o mercado dando ferramentas para as operadoras para concorrer com o Facebook especialmente, que predomina no setor com o Messenger e o WhatsApp, podendo oferecer uma nova alternativa de qualidade para os usuários.

O RCS poderia simplesmente ser integrado ao Smartphone e ao seu aplicativo de mensagens padrão, ou até mesmo ao Google Hangouts. A Google pretende lançar pelo menos uma amostra do novo serviço até o final de 2016.

E aí, você acha que uma medida destas seria capaz de desbancar o WhatsApp? Particularmente tenho minhas dúvidas, mas concorrência é sempre bom.

_____________________________________________________________________________

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




WhatsApp bloqueado: As consequências e como burlar o bloqueio

Nenhum comentário

quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

Você já deve ter percebido ou ficado sabendo que o WhatsApp foi bloqueado por uma decisão judicial no Brasil por 48 horas contando à partir da 0 hora do dia 17, quinta-feira. Agora vamos entender todas as consequências da ação. 

WhatsApp Brasil

Ententa "a treta"


Muitas pessoas ficaram decepcionadas ao descobrir que o WhatsApp teve seu funcionamento interrompido no Brasil, ainda que seja por pouco tempo (48 horas), mas para além disso, a maioria ficou sem saber exatamente o porque disso, então vamos tentar te explicar.

Veja também: Comparativo entre Telegram, WhatsApp e Viber.

Tudo começou ainda em Julho deste ano, onde o WhatsApp teria simplesmente ignorado as multas e avisos enviadas pela justiça por um caso ainda mais antigo. Em 2013 um homem foi preso pela Polícia Civil de São Paulo, acusado de latrocínio, tráfico de drogas e associação ao Primeiro Comando da Capital (PCC), o suspeito ficou preso preventivamente por dois anos e acabou sendo soltou em novembro deste ano pelo STF. Na época a justiça pediu ao WhatsApp que liberasse informações sobre o referido e a empresa teria se negado a fazer isso.

Documento bloqueio WhatsApp


Mark Zuckerbeg pronunciou-se sobre o assunto


O criador do Facebook e dono do WhatsApp publicou uma nota em seu perfil no Facebook sobre o assunto:

“Este é um dia triste para o país. Até hoje o Brasil tem sido um importante aliado na criação de uma internet aberta. Os brasileiros estão sempre entre os mais apaixonados em compartilhar suas vozes online. Estou chocado que nossos esforços em proteger dados pessoais poderiam resultar na punição de todos os usuários brasileiros do WhatsApp pela decisão extrema de um único juiz.”
Quem está comemorando com a medida é a concorrência, o Telegram por exemplo já conseguiu mais de 1,5 milhões de usuários nas primeiras horas da parada.

Telegram WhatsApp

Como as pessoas não iriam deixar por isso mesmo, já existem na internet algumas dicas de como fazer com que o WhatsApp continue funcionando, entretanto, será necessário um pouco de conhecimento em tecnologia, o processo consiste em usar uma VPN para tal, você pode ver as dicas e tutoriais neste arquivo no Pastebin.

Cabe um alerta sobre as VPN, elas não são necessariamente seguras, pois elas são redes privadas, então faça modificações do tipo por conta e risco e procure escolher bem qual VPN você vai usar, o site AndroidPit tem um tutorial ensinando como utilizar a ferramenta também.

Eu achei a medida no mínimo exagerada, acredito que em investigações criminais sérias é necessária uma certa transparência por parte destes serviços, porém, acho que não permitir o uso da ferramenta para todos os brasileiros simplesmente como medida punitiva para o WhatsApp foi uma "puta ideia de girico", se é que me entende, em vez de punir a empresa acaba punindo todas as pessoas que nada tem a ver com o trâmite entre a justiça e o WhatsApp.

O que você pensa disso?
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Uber, WhatsApp e Netflix estão incomodando gigantes

Nenhum comentário

segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Existe uma série de notícias que saem quase que diariamente sobre como aplicativos (na verdade empesas por traz dos mesmos) estão gerando uma forte concorrência para gigantes de determinados setores, acusações de um lado e defesas do outros e no meio de tudo isso, você, consumidor.

Uber contra Taxistas

Aplicativos que geram discórdia


Acho que este é um bom título para descrever a situação, publiquei no domingo passado um vídeo no canal do Diolinux para falar sobre "tretas" entre Uber, Netflix e WhatsApp e seus respectivos concorrentes no que podemos chamar de "industria tradicional".

Antes de eu tecer alguns comentários sobre o assunto é muito importante que você entenda a questão vendo o vídeo, confira logo abaixo, a descrição do vídeo também estará logo abaixo do mesmo.


Descrição:


Novos serviços que provém facilidades para as pessoas entraram em conflito com a indústria tida como tradicional, qual a sua opinião sobre o assunto?

Notícias sobre o assunto:

Netflix: http://goo.gl/JxQAra

Uber: http://goo.gl/gGeRCe

WhatsApp: http://goo.gl/aYR1U8

Acesse a nossa loja: http://www.diostore.com.br

Anuncie no Diolinux: http://goo.gl/BWsafD
- Facebook: http://www.facebook.com/blogdiolinux

- Twitter: http://www.twitter.com/blogdiolinux

- Google Plus: https://plus.google.com/+DiolinuxBr/

- Android App: http://goo.gl/DTVt7I

- Assine o nosso Feed: http://goo.gl/w6418F

- Diolinux na Google Play Banca: http://goo.gl/qCJQqr

Continuando a discussão...


Eu pedi para que os inscritos do canal deixassem as suas opiniões nos comentários e foi exatamente isso que eles fizeram, aliás, tem muitos comentários, é interessante que você leia os diferentes pontos e opiniões mas senti que na maioria as pessoas estão, se é que podemos dizer assim, do lado dos "aplicativos".

Quanto a empresa de telefonia que manifestou-se e as empresas de televisão me parece muito uma criança dizendo "ah!!! roubaram meu doce!!!", especialmente na televisão, no quesito telefonia ainda eles argumentam que estes aplicativos de comunicação, no caso WhatsApp, mas poderíamos incluir aí também o Viber e o Telegram estariam usando os números de telefone das empresas para ganhar dinheiro em cima disso.

No caso da Netflix é só um exemplo de que a TV aberta está decadente, apelando a cada dia mais para programas de massa ou de determinadas classes sociais e idades que ainda importam-se em assistir TV. "Nem só de Netflix vive o homem mas de tudo o que a internet provê", afinal de contas muitas pessoas também trocaram a TV pela internet e não necessariamente pela Netflix, confira este vídeo onde eu abordo isso.


O caso do Uber foi o que me chamou mais atenção dos três, especialmente pelos excessos feitos por alguns taxistas a ponto de destruir carros de Uberistas e até agredir fisicamente algumas pessoas.

Dentre todos os comentários do vídeo sobre os aplicativos teve um que me chamou a atenção e resume bem a situação. Os Taxistas tem o direito de protestar sobre o que quiserem mas deveriam prestar mais atenção sobre com quem reclamar. Se eles acham que o Uber estão sendo isento de impostos que eles busquem o mesmo benefício para si, e não que tentem tirar o Uber de circulação.

Uma coisa é certo, o povo sempre fica do lado que mais lhe beneficia, inclusive serve de exemplo, na semana passada eu li uma notícia onde um taxista havia começado a distribuir bombons e outras "luxuosidades" para os clientes para fazê-los usar o Táxi ou invés do Uber, ou seja, a ameaça do aplicativo fez com que o serviço melhorasse... tomara que isso aconteça nos outros setores também.

Você também pode deixar a sua opinião sobre o assunto logo abaixo nos comentários, até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Como instalar o cliente WhatsApp para Ubuntu

Nenhum comentário

quinta-feira, 25 de junho de 2015

Foi lançado um cliente não oficial do WhatsApp para Ubuntu e distribuições baseadas nele, veja agora como instalar.

WhatsApp Ubuntu

Como instalar o cliente Desktop WhatsApp no Ubuntu


O WhatsApp decepcionou muito gente por não disponibilizar o WhatsApp através de um aplicativo para Desktop, a única maneira de usar o aplicativo pelo computador é através do navegador, como você pode ver neste tutorial.

Esta aplicação é multiplataforma, de modo que você poderá usar o mesmo software em qualquer sistema, cabe ressaltar que a aplicação não é oficial do WhatsApp e ele é basicamente uma adaptação do cliente Desktop, existem versões para o Ubuntu de 32 e 64 bits.



Você pode encontrar mais informações sobre o projeto no GitHub.


Como instalar e utilizar


Para instalar o programa basta baixar o pacote de acordo com a sua arquitetura e dar dois cliques no arquivo e instalar pela central de Programas, a maneira de utilizar é muito simples também, é da mesma forma com que utilizar a versão Mobile, sendo necessário escanear o QR Code.


Aproveite o novo cliente desktop, até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Como usar o WhatApp no PC pelo navegador - Oficial

Nenhum comentário

quarta-feira, 21 de janeiro de 2015


Finalmente podemos usar o WhatApp no computador sem gambiarras através do Web.WhatApp.com, uma ferramenta oficial do serviço para acabar com choradeira da galera.

WhatApp pelo Navegador

Usando o WhatsApp no computador sem gambiarra

Este era o sonho de muitos usuários, poder usar o WhatApp no computador também, tudo isso para não precisar ficar sempre com o Smartphone em mãos e agora este singelo sonho se tornou realidade, até o momento eram necessárias algumas gambiarras para poder utilizar o recurso, como emular um Android com o GenyMotion, agora é possível interagir com os seus contatos direto do seu navegador.

Como usar o WhatsApp oficial pelo navegador

Antes de mais nada é necessário ter o WhatsApp atualizado para sua versão mais recente, ela deve chegar em breve às lojas dos sistemas operacionais móveis, Android e iPhone mas para garantir você pode baixar o aplicativo direto do site, para isto basta clicar neste link, e baixar o APK e instalar, ele deve abrir com a própria Google Play no caso do Android e então basta atualizar.

Agora no seu computador acesse pelo seu browser favorito, eu usei o Google Chrome, o endereço a seguir: https://web.whatsapp.com/

Nele você encontrará uma tela para se logar através de um leitor de QR Code.

Acessando o WhatsApp pela web

O leitor de QR Code vem incluso no novo App no WhatApp, aquele mesmo que você atualizou, basta clicar no menu e selecionar a opção "WhatsApp Web" e use a o letir QR Code que ele vai te fornecer para scanear o código QR na página no seu navegador.


O login é instantâneo e assim você pode usar tranquilamente o WhatsApp no seu PC sem fazer esforço.

Até a próxima dica!

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.

DioCast #2 - PS4, Bugs no Chrome, ZapZap, PenDrive para Smartphone e Leadwerks no Linux

2 comentários

sexta-feira, 30 de maio de 2014

Segundo episódio do DioCast com participação especial de Maudy T. Pedrão do blog Ubuntu Dicas com debates sobre as principais notícias da semana e respostas às perguntas dos leitores


Confira o segundo episódio do DioCast, o seu PodCast sobre Linux e Tecnologia, neste episódio discutimos sobres os assuntos em destaque da semana e também respondemos algumas dúvidas dos leitores.


Este episódio conta com as ilustres participações de Jean Hanusch, Gabriel da Costa, Kewer Almir, Maudy Pedrão e Dionatan Simioni, nele falamos sobre:
  1. PenDrive para Smartphone
  2. PS4 não dá lucro mas é divertido
  3. Leadwerks lançada para Linux
  4. ZapZap é o WhatsApp Brasileiro
  5. As putarias do Google Chrome
E respondemos as seguintes perguntas:


- Hipoteticamente, o que aconteceria se o linux tivesse uma fatia de mercado maior? Algumas mazelas do windows (virus, worms, etc) surgiriam com mais facilidade?

- Qual é a melhor distribuição Linux para rodar jogos?‎ Leo Szeremeta

- Vc acha que o ubuntu devia adotar um tipo de pacote como o debiam com o .deb e o windows com o .exe para que acabasse com as ppas e comandos usados para instalar programas que sempre é utilizado no ubuntu?

- Você usa so o ubuntu no seu computador,ou tem dual boot com o windows ou outro SO?‎ Lúcius Marques

- Dio, a cada nova distribuição do ubuntu, ou seja, da 13.10 para 14.04 terei que instalar tudo novamente? Existe a opção de atualizar? Aguardo. Muito obrigado!

- Por quê devo utilizar um sistema livre com alguns softwares proprietários? Qual seria a vantagem nisto?


Para mantermos o nosso podcast resolvemos alterar o serviço de armazenamento para o Grooveshark, você pode ouvir o episódio logo abaixo:




Você também pode baixar o App do Grooveshark para o seu Android e seguir o DioCast por lá 
( Grooveshark.com/Diolinux), os áudios do DioCast ficarão disponíveis em um widget na lateral do site, não esqueça de dar um like, comentar e compartilhar!

Na próxima semana tem mais!


Como instalar o cliente desktop do Telegram no Ubuntu

Nenhum comentário

sexta-feira, 25 de abril de 2014

Instale o Telegram no Ubuntu


Atenção: Existe uma versão atualizada deste tutorial, clique aqui para acessar, o conteúdo abaixo pode ainda estar funcional, mas recomendado ver a versão nova.

Programas de comunicação rápida como o WhatsApp e o Viber fazem muito sucesso com o público.

Telegram para Ubuntu

Entretanto a integração com os desktops é faz deles boas opções, o WhatApp possui integração com o Pidgin e o Viber possui um cliente desktop mais bem elaborado.

Outra grande opção que surgiu foi o Telegram que é open source e totalmente grátis com as mesmas características do WhatsApp, para Ubuntu, o Telegram tem um cliente desktop que disparado é o melhor do mercado.

Telegram no Ubuntu

Com ele você conseguirá conversar com os seus contatos do Telegram sem maiores dificuldades através.

Vamos instalar?


Para instalar vamos utilizar um PPA, antes de abrir o seu terminal temos algumas dicas para você:

No terminal:
sudo add-apt-repository ppa:costales/unity-webapps-telegram 
sudo apt-get update 
sudo apt-get install unity-webapps-telegram
 Depois disto basta abrir o programa pelo menu do sistema, na primeira execução você precisará colocar o seu número de celular, pouco tempo depois você receberá uma mensagem e também uma ligação ( Número Privado ) informando qual o código de ativação, apenas confirme a aproveite.

Até a próxima!

Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

Como instalar o Viber no Ubuntu

Nenhum comentário

sexta-feira, 7 de março de 2014

Instale o Viber Desktop no seu Ubuntu

Nos últimos tempos aplicativos como o WhatsApp viraram um febre sem tamanho, tanto que o próprio WhatsApp foi comprado pelo Facebook por nada menos do que 16 bilhões de dólares.

Viber Ubuntu


Olhando a Google Play podemos ver que entre os programas grátis mais baixados estão estes comunicadores, na mesma linha do WhatsApp temos o Viber, que na minha opinião é muito superior ao aplicativo que fez o Facebook gastar um "nota preta".

Um grande diferencial do Viber é que ele permite ligações telefônicas para fixos também, ou seja telefones que não possuem o App instalado, é interessante você ter o App Mobile também no seu celular pois o cadastro através dele é facilitado.

Baixe o Viber App Mobile:




Agora vamos falar do cliente Viber Desktop para Ubuntu

Uma das boas características do Viber é a possibilidade de sair apenas do App Mobile e partir para o cliente desktop, existem versões para diferentes sistemas operacionais; para Ubuntu existe oficialmente apenas a versão de 64 bits, caso você use a versão de 32 bits do Ubuntu você usar a versão feita para o Wine (Windows).

Para instalar o Viber 64 bits no Ubuntu vá até a página do Viber e clique em "Get Viber 64 bit"

Viber Desktop Ubuntu

Uma vez que você clique no local indicado um arquivo no formato DEB será baixado para o seu computador, os arquivos no formato DEB funciona como o EXE do Windows, bastando dar dois cliques sobre ele para que ele abra com a Central de Programas do Ubuntu, depois disso basta clicar em instalar, digitar a sua senha e aguardar a instalação.



Depois disso basta procurar por "Viber" na Dash no Unity ( no menu do Ubuntu ) e abrir o programa, ele pedirá a confirmação da sua conta Viber, ali você deve inserir o número do seu telefone com o Viber Mobile ( por isso a importância do App).

Você receberá uma mensagem de ativação do telefone cadastrado com um número de 4 dígitos que deverá ser informado no Viber, depois disso é só aproveitar, cabe ressaltar que a versão Desktop por enquanto não é capaz de fazer ligações para Fixos.

Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

WhatsApp no Pidgin via PPA

Nenhum comentário

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Como usar o WhatApp no seu desktop Linux

O WhatsApp é uma febre nos últimos tempos e existem muitos usuários dele espalhados pelo mundo, isso justifica os 16 Bilhões de dólares que o Facebook gastou para comprar o projeto.

Normalmente o WhatsApp é utilizado através de um Smartphone mas você sabia que você pode integrar ele ao Ubuntu através do popular software de mensagens instantâneas, o Pidgin?

WhatsApp


Para instalar o suporte ao WhatsApp no Pidgin do Ubuntu e derivados basta você usar estes comandos:
sudo add-apt-repository ppa:whatsapp-purple/ppa 
sudo apt-get update 
sudo apt-get install pidgin-whatsapp pidgin
Agora nas configurações de contas do Pidgin o WhatsApp estará disponível.

Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo