CPUFreq: Controle o clock do seu processador com um Indicador no Ubuntu - Diolinux - O modo Linux e Open Source de ver o Mundo.

Responsive Ad Slot

CPUFreq: Controle o clock do seu processador com um Indicador no Ubuntu

Uma dica muito bacana para você controlar a frequencia do seu processador através de um simples indicador no Ubuntu

terça-feira, 17 de setembro de 2013

/ por Dionatan Simioni

Reduza e aumente o clock do processador à seu gosto no Ubuntu

Semana passada publiquei uma imagem na página do blog no Facebook mostrando vários programas abertos ao mesmo tempo com um consumo relativamente baixo de memória e sem o computador travar, visto que que eu consegui fechar um por um sem nenhum problema. A imagem era essa abaixo:

Ubuntu rodando muitos programas ao mesmo tempo

Para você ter uma ideia no post escrevi:

Chrome com mais de 80 abas abertas, firefox com 44 abas abertas, Chromium aberto, kazam, VirtualBox, Dolphin com mais de 20 jogos, emulador de SNES, Kdenlive, terminal, GIMP, Steam, Central de programas e o Nautilus e SEM TRAVAR! e ainda consegui fechar um por um sem problemas!

Além das dicas de sempre para melhorar o desempenho a grande modificação feita foi o CPUFreq-utils que permitiu que eu usasse toda a potência do meu processador e o resultado foi esse acima.

CPUFreq

Com ele você consegue controlar o modulo do Kernel Linux responsável por solicitar atividade do processador para as tarefas e setar o clock que você quer usar manualmente.
É bom usar o recurso com cautela para não esquentar demais, especialmente no caso dos notebooks e netbooks, em desktop isso não afeta tanto.
É bom ressaltar também que não se trata de um Overclock, afinal de contas você não força o seu processador além da sua capacidade nominal e sim usa o máximo que ele pode.

Instalação do Ubuntu e no Linux Mint

Adicione o seguinte PPA e instale usando os comandos abaixo:
sudo add-apt-repository ppa:artfwo/ppa
sudo apt-get update
sudo apt-get install cpufrequtils indicator-cpufreq
Depois de instalado você deve rodar ele através do comando indicator-cpufreq no terminal, o problema é que quando você fechar o terminal o indicador vai se fechar, a solução é colocar ele para iniciar junto com o sistema, para isso, abra o menu e procure aplicativos de sessão.

Quando ele abrir clique em adicionar e configure como na imagem abaixo:

Configuração do Indicador

Depois disso basta reiniciar o computador ou encerrar a sessão o indicador estará no seu devido lugar ocupando cerca de 14 MB de memória do seu computador.

Algumas opções do CPU Freq

As opções que o programa dará variaram de acordo com as capacidades do seu processador.

Neste caso ao lado, essas são as opções do meu processador, o "modo turbo" se refere ao TurboBoost dos preocessador Intel da linha Core i, então provavelmente ele não aparecerá em processadores que não possuem este recurso.
Você pode definir frequências intermediarias como as da imagem escolhendo a que você considera mais adequado, eu particularmente uso o modo Turbo, ou seja, o máximo apenas quando estou renderizando algum vídeo para que o processo acabe mais rápido e dá para perceber uma diferença de 10 a 15 minutos em um vídeo de 1 GB aproximadamente.

É possível também escolher perfis de consumo, como moderado, sob demanda, economia de energia ( muito útil em computadores portáteis) e desempenho, dessa forma o CPU não fica limitado apenas à faixa de clock que você escolheu, ele varia entre valores sendo que o Sob demando é o valor padrão.

Para quem gosta de jogar, deixar a opção desempenho ativada pode ser uma boa escolha.

Espero que tenham gostado da dica, até a próxima e comentem!



Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo