Microsoft pode transformar o Windows em uma plataforma Open Source - Diolinux - O modo Linux e Open Source de ver o Mundo

Responsive Ad Slot

Microsoft pode transformar o Windows em uma plataforma Open Source

Microsoft poderá transformar o Windows em um sistema Open Source

sábado, 4 de abril de 2015

/ por Dionatan Simioni
Pois é, parece que a Microsoft não é mais a mesma, a bola da vez é a transformação do Windows em uma plataforma Open Source.

Microsoft Open Source

Alguém da Microsoft bateu a cabeça com força


Este é o tipo coisa que se lê e fica-se meio abestado, é da Microsoft que estamos falando?

Aparamente a empresa, de fato, não é mais a mesma, sob o comando dos novos CEOs a Microsoft parece que tem pensado mais  em método de trabalho do que antigamente.

Recentemente em uma conferência chamada ChefConf, segundo a Wired, Mark Russinovich, um dos principais engenheiros da Microsoft comentou que achava perfeitamente cabível a ideia de tornar o Windows um projeto Open Source.

É muito importante que você não confunda Open Source com software livre, se você tiver dúvidas leia aqui.

A mudança para o "modo Open Source de trabalhar" deve acontecer gradualmente, segundo Russinovich, "a Microsoft enxerga hoje no Open Source uma maneira mais inteligente de trabalhar do que o método fechado tradicional que acompanha a empresa desde sempre", comentou.

Minha opinião


À meu ver a Microsoft, do ponto de vista empresarial, está fazendo o que é correto e benéfico para ela, o desenvolvimento colaborativo que o Open Source traz consigo é favorável para o desenvolvimento de qualquer software, o Windows inclusive.

A mudança deverá ser gradual e bem lenta pois a Microsoft ainda baseia muito da sua receita em venda de licenças, e segundo a fonte, a ideia futura poderia ser "dar" o Windows e não vendê-lo.

Desta forma seria necessário estudar um novo método de lucrar, talvez através de serviços, ou alguma coisa do tipo.

Desenvolvimento Colaborativo


Mais uma vez, como comentei neste vídeo no canal do Diolinux, acredito que isso não influencia muito no uso, ou adoção, do Linux no Desktop.

A maioria das pessoas usa Linux por que quer, e não porque não tem opção, isso é factual. Desta forma acho pouco provável que os números se alterem muito, veja o vídeo que comentei e entenderá.

A decisão da Microsoft me parece uma decisão lógica de qualquer empresa de software, o desenvolvimento open source traz muitas vantagens, mas é claro que não se espera isso DA Microsoft, especialmente por toda a postura que ela sempre teve perante o assunto.

A ideia por traz de tudo me parece não necessariamente beneficiar o usuário com isso, mesmo que ele se beneficie de forma indireta, mas beneficiar (acho que isso óbvio né?) ela mesma, tirando proveito da velocidade da correção de bugs que o Open Source proporciona e também na facilidade com que se pode desenvolver algum software ou solução quando se tem o código disponível para consulta.

Este é um ponto importante, o fato de ser open source não significa que você poderá baixar o código do Windows e usá-lo e modificá-lo, acredito que o "nível de abertura do código" será bem restrito e não serão todas as partes do código que serão disponibilizadas.

Somente o futuro nos dirá como serão as coisas de fato, mas aqui cabe uma pergunta, você usuário de Linux, migraria para o Windows se ele se tornasse Open Source?

E extrapolando aqui um pouco, mas só por curiosidade, se o Windows fosse licenciado como software livre você usaria ele?

Use os comentários para deixar a sua opinião e até a próxima!

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.
Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo