7 coisas curiosas que todo usuário Linux já fez - Diolinux - O modo Linux e Open Source de ver o Mundo.

Responsive Ad Slot

7 coisas curiosas que todo usuário Linux já fez

Sabia que não somos tão diferentes assim? Confira agora as 7 coisas que todo usuário Linux já fez uma vez na vida.

quarta-feira, 27 de maio de 2015

/ por Dionatan Simioni
Hoje vamos provar que independente da distro que utilizemos todos temos coisas em comum, duvida? Confira a nossa lista.

7 coisas que todo usuário Linux já fez

As aventuras dos usuários do Pinguim resumidas em 7 fatos


Seja você é um usuário novato do Linux ou um mesmo usuário de longa data, existem certos fatores que sempre convergem de alguma forma, coisas que todo mundo já fez, ou se não fez, coisas que um dia fará!

Confira a nossa lista e veja se você se identifica com alguma coisa:

1 - Tentar abrir o terminal quando está usando o Windows


Terminal no WIndows

Muitas pessoas que usam Linux são obrigadas a usar Windows também no trabalho, ou por qualquer outro motivo, quando passamos muito tempo usando Linux acabamos pegando certos "trejeitos" do sistema e acabamos "dando uns balões" quando usamos o Windows.

Um bom exemplo que sempre acontece comigo é tentar abrir o CMD do Windows usando "Ctrl+Alt+T" e aí lembrar que você não está no Linux. =\

Outra coisa bem comum é ter o reflexo de instalar e remover programas por ali e acabar percebendo que o Windows não tem apt-get ou algo parecido.

2 - Se sentir estranho por não ter um antivírus no sistema

Segurança no Linux

Este é um sentimento comum logo que muda de sistema ou se está experimentando Linux das primeiras vezes, "Ué, como assim não precisa de antivírus?". O costume com o Windows te dá aquela sensação de vulnerabilidade, mas aos poucos você vai assimilando que isso é um mal do passado.

3 - Formatar o computador dúzias de vezes


Formatações

Era algo que acontecia muito comigo, quando não sabia corrigir algum problema, FORMATA MEU FILHO! Nem acredito que uma vez formatei o computador porque excluí os painéis do KDE e não sabia como restaurá-los (não ria de mim).

Fora isso, quase todos os usuários Linux testaram muitas distros até escolher uma ou duas que mais gostasse, então formatações fazem definitivamente parte da nossa vida.

Como os lançamentos das distros acontecem com bastante frequência muitas formatações vem a partir daí também.

4 - Falar mal do Windows

Falar mal do Windows

Pode ser o usuário mais politicamente correto de todos, uma vez na sua vida você já falou mal do sistema da Microsoft, chamou ele de RWindows ou qualquer coisa parecida. Não minta pra mim eu sei! =D

Não que falar mal ajude alguma coisa, mas tudo bem, você pode jurar que nunca falou mal, mas pensou não foi? Aquela hora que deu aquela tela azul com a carinha triste e tudo... você não conseguiu resistir não é verdade?

5 - Mac feelings


Tema Mac

Por mais que você não goste da Apple uma vez na vida em suas customizações de desktop você colocou alguma característica do Mac OS na sua distro, sejam os temas de ícones, seja uma Dock no painel inferior, sejam as cores do sistema.

6 - Baixou um código fonte de um programa e não soube instalar

Pacotes tar gz

Quando estamos começando é bem comum procurarmos por programas  para o nosso Linux na internet e em sites que sempre usamos no Windows, por vezes acabamos baixando os arquivos em tar.gz com o código fonte embutido, aí você descobre que não faz ideia do que fazer com aquilo.

Uns se arriscam a compilar, outros correm para o deb ou rpm mais próximo.

7 -  Tentar abrir o monitor do sistema pelo "Ctrl+Alt+Del"

Control alt e delete

É certo que você já tentou abrir o gerenciador de tarefas no Linux usando a clássica combinação de teclas no Windows, seja para finalizar um programa, seja para ver o consumo do sistema é bem comum se confundir, especialmente quando se está iniciando, ou pressionar Ctrl+Shift+Esc como é nas versões mais recentes do Windows.

Somos todos Pinguins!


Viu como não somos tão diferentes? Mesmo que por vezes usemos interfaces e sistemas diferentes certas coisas estão no currículo de qualquer pessoa que migrou para o Linux, e com certeza existem mais, então se você quiser acrescentar coisas à lista através dos comentários fique à vontade!

Ajude a espalhar este artigo compartilhando na sua rede social favorito, são poucos cliques e ajudam pra caramba, eu fico muito agradecido! :)

Até a próxima!

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.

Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo