Configurando resolução de nomes em rede no Ubuntu 16.04 LTS - Diolinux - O modo Linux e Open Source de ver o Mundo.

Responsive Ad Slot

Configurando resolução de nomes em rede no Ubuntu 16.04 LTS

Como configurar a resolução de nomes no Ubuntu 16.04 LTS

quinta-feira, 28 de abril de 2016

/ por Dionatan Simioni
Vamos aprender hoje a acessar máquinas em rede no Ubuntu através do nome do computador ao invés de usar o seu endereço IP, esta dica foi enviada pelo nosso leitor Marcelo "Elppans", confira.

Resolução de Nomes no Ubuntu



O texto a seguir foi enviado pelo nosso leitor e não representa necessariamente a nossa opinião sobre o assunto, porém, sempre que possível e quanto o conteúdo é interessante, nós tentamos dar este espaço para nossa comunidade compartilhar também seu conhecimento, se você quiser fazer como o Marcelo nos mande um e-mail com o seu artigo, você pode saber mais sobre o assunto aqui.

That's not my name!


"Olá Dio, blz???

O Ubuntu é um sistema bom e fácil de usar e configurar e até mesmo a configuração do compartilhamento é ligeiramente fácil, até mais do que no Windows. Porém, infelizmente o aplicativo samba não vem instalado por padrão tendo que instalar o aplicativo e, felizmente como mostra neste vídeo, é bem fácil instalar e configurar ao mesmo tempo o compartilhamento:


Mas há um detalhe que me intriga, assim como mostra no vídeo é necessário acessar o compartilhamento da outra máquina via endereçamento digitando diretamente o IP da outra máquina, por exemplo: smb://192.168.X.X (o X é a substituição de Nºs).

Mas porque isto acontece? Até o Ubuntu 15.10 mesmo instalando o samba o sistema não tinha suporte para "resolver nomes" e então só dava para fazer acesso via IP mesmo.

Resolver nomes no samba é ter suporte para usar o DNS (Domain Name Service) que é associar o Nº de IP ao hostname das outras máquinas na rede.

Até o Ubuntu 15.10 era necessário fazer uma pequena configuração mais elaborada, como mostro nesta minha outra "dica" no Viva o Linux.

Mas a partir do Ubuntu 16.04, assim que é instalado o compartilhamento samba já é suportado a resolução de nomes, ao menos via gerenciador de arquivos. Para poder mostrar, instalei o Windows 7 e ativei o compartilhamento do mesmo via Máquina Virtual com o nome "Seven" (é... não tenho muita imaginação para nomes):

Resolução de nomes Ubuntu 16.04

Via Nautilus note na barra de endereços que acessei o compartilhamento do Windows via "nome" e não "IP":

Resolução de nomes Ubuntu


Entrei em modo edição na barra de endereços para mostrar melhor, eu acessei a pasta "Public" em "users" na máquina com o nome "Seven":

Resolução de nomes Ubuntu 16.04

Para a maioria dos usuários até aí já está bem fácil e funcional e não precisa de mais nada, porém há quem precise por algum motivo do suporte para resolução de nomes também via Terminal. Eu mesmo trabalho com servidores e preciso deste tipo de comunicação além da comunicação direta via IP.

Mas ao fazer um teste de ping para ver se a comunicação funciona entre as duas máquinas via resolução de nomes, nota-se que não dá certo:

Resolução de nomes ubuntu 16.04

Mas há uma forma de resolver e é bem simples, logo após atualizar os repositórios simplesmente instale o pacote "libnss-winbind". Com isso também é instalado o pacote winbind:
sudo apt-get install libnss-winbind
Configuração resolução de nomes ubuntu 16.04

Agora edite como super usuário o arquivo "/etc/nsswitch.conf", pode usar qualquer editor e aonde está a linha:

hosts: files mdns4_minimal [NOTFOUND=return] dns

Adicione as opções wins e mdns4, para ficar desta forma:

hosts: files mdns4_minimal [NOTFOUND=return] wins dns mdns4
Salve e saia do arquivo, só falta agora ativar o suporte ao winbind, para isto edite o arquivo como super usuário, o "/etc/samba/smb.conf" e procure pela linha onde está:

# wins support = no


Descomente e troque "no" por "yes" (sem as aspas) para ficar desta forma:

wins support = yes


Salve e saia do arquivo. Para fazer o efeito, restarte os 2 serviços do samba para que não precise reiniciar o sistema:

sudo service nmbd restart
sudo service smbd restart


Agora ao pingar para o nome da máquina que está na rede para testar novamente, a mágica acontece e comunica como o esperado:

Resolução de nomes no Ubuntu

Veja o meu comando com nmap (é preciso instalar o mesmo para usar), consigo ver até mesmo informações triviais do sistema em teste usando o nome em vez do IP:

Resolução de nomes no Ubuntu 16.04 LTS no Terminal

Com esta configuração podemos fazer alguns trabalhos e outras coisas alternando entre o IP e o nome da máquina normalmente, apesar do tutorial ter ficado comprido é bem fácil, é que eu meio que especifiquei um pouco demais.

Espero que tenha ficado bom ou quase lá...

Bom, é isso...
Até a próxima!!! o/"

Nota do blog


Gostaríamos de agradecer a participação do nosso leitor, se você quiser fazer como ele, mande-nos um e-mail com a sua dica.

Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo