FBI terá permissão de autuar pessoas que usem VPN e TOR para navegar na internet - Diolinux - O modo Linux e Open Source de ver o Mundo

Responsive Ad Slot

FBI terá permissão de autuar pessoas que usem VPN e TOR para navegar na internet

O FBI ganhou autoridade para investigar pessoas que usem VPN ou o TOR para navegar na internet com a desculpa de investigação criminal.

segunda-feira, 9 de maio de 2016

/ por Dionatan Simioni
O FBI ganhou autoridade para investigar pessoas que usem VPN ou o TOR para navegar na internet com a desculpa de investigação criminal.

FBI investigará VPN ou TOR



Tem certas coisas dos EUA que me impressionam, muitas coisas boas, é verdade, mas há algumas que são simplesmente de querer fechar os olhos e fazer de conta que nunca existiram. 

Há alguns dias eu escrevi aqui no blog sobre uma medida que o governo dos EUA estava tomando que dava poderes ao FBI para que eles pudessem investigar as pessoas sob alegação de crimes cibernéticos simplesmente pelas mesmas estarem utilizando o TOR, não é necessário uma denúncia, ou um investigação previamente concebida, basta usar o programa e você poderia ser autuado, pelo menos em tese.

A medida está programada para entrar em vigor apenas no final do ano, porém, eu realmente achei que alguém iria se manifestar contra isso, só que aparentemente eu estava enganado. Para ampliar um pouco mais a capacidade de monitoramento o uso de VPN também passa a ser uma fator de suspeita em investigação.

As agências de inteligência norte-americanas nunca foram muito felizes com o fato da rede TOR conseguir escapar "das garras" delas, ainda que elas consigam rastrear as pessoas até certo ponto, a rede TOR começa a ficar complicada quando são necessárias respostas claras, que são possíveis de conseguir facilmente usando a rede tradicional.

Mas não é nem essa a questão, sabemos que existem sim muitos crimes que são cometidos na DeepWeb, porém, existem outros tantos na "surface" que nem ao menos são investigados quando denunciados. Muitas pessoas usam o TOR, apesar de não ser o meu caso, para acessar o Facebook, simplesmente por não quererem ser tão rastreadas quanto poderiam se usassem um navegador "normal". De qualquer forma, a coisa que mais me chama a atenção nesta decisão do governo dos EUA é que somente o fato do usuário se utilizar do TOR, VPN, ou, segundo o artigo 41, "qualquer outra forma de navegar anonimamente na internet" pode (não quer dizer que vai, mas pode) ser considerado um ato passível de investigação, afinal, "pessoas boas não tem nada a esconder".

Por que isso deveria te preocupar? Essa medida autoriza que o FBI investigue computadores conectados na internet sob alegação de investigação criminal que usem o TOR, VPN ou qualquer outra coisa semelhante, apesar da lei ter origem nos EUA, certamente, se eles acharem necessário o procedimento será feito em outros países.  O segundo ponto é que grandes empresas e o governo brasileiro também gostam de adotar "moda gringa" do tipo:

"- Isso é uma tendência em todo o mundo, países desenvolvidos fazem isso..."

Há quem possa pensar:

"- Deixa de ser ingênuo, muito provavelmente o FBI já faz isso você querendo ou não." Eu te digo, é bem provável mesmo, a diferença é que antes eu poderia alegar que isso é um crime, processá-los, etc, por invasão de privacidade e agora essa atividade é protegida por lei. 

Você acaba perder o direito  de não ser indexado. Sei que muita gente não se importa com rastreamento, eu por exemplo não sou tão encanado com isso, mas acho extremamente importante haver esta opção.

Complicado.

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo