Noto Fonts - O projeto da Google que tem todos os caracteres utilizados na internet - Diolinux - O modo Linux e Open Source de ver o Mundo.

Responsive Ad Slot

Noto Fonts - O projeto da Google que tem todos os caracteres utilizados na internet

A Google é uma "empresa mundial" hoje em dia, são raros os países em que a "Gigante de Montain View" não está presente e por conta disso é necessário compatibilizar os produtos da empresa com os mais variados idiomas, para isso a Google criou o projeto Noto.

quarta-feira, 2 de novembro de 2016

/ por Dionatan Simioni
A Google é uma "empresa mundial" hoje em dia, são raros os países em que a "Gigante de Montain View" não está presente e por conta disso é necessário compatibilizar os produtos da empresa com os mais variados idiomas, para isso a Google criou o projeto Noto.

Google Fonts Noto




A Google anunciou uma nova fonte que tem mais de 110 mil caracteres e abrange cerca de 800 línguas diferentes chamada Noto. A fonte Noto consegue representar todos os símbolos conhecidos pelo padrão Unicode; um trabalho grandioso como este demorou cerca de 5 anos para ser concluído e contou com participação de especialistas em desenhos de fontes da Adobe e da Monotype.

Fonte Noto da Google
Segundo a empresa, a fonte chega para tornar a internet mais acessível e aberta. O nome "Noto" é uma sigla que significa "No more Tofu", se fossemos traduzir seria algo  como "sem mais tofu", e "tofu" por sua vez é nome dado ao caractere "⯐" que aparece quando um site ou um sistema operacional não consegue representar o texto ou o símbolo que está escrito, o que por sua vez acaba dificultando a leitura de algumas páginas.

O projeto Noto começou com a necessidade de abastecer o Android e o ChromeOS, ambos sistemas operacionais que atingem diversas nacionalidades e precisam funcionar com centenas de línguas diferentes, em dispositivos diferentes, sendo assim era necessário uma fonte que consegue representar literalmente todos os casos possíveis.

Depois de criar a fonte a Google disponibilizou o código fonte no GitHub, assim você pode baixar e modificar sem restrições, para fazer o download da fonte basta clicar neste link.

Veja também: Como instalar fontes no Linux

Criar uma fonte que abarque todos esses símbolos pode parecer apenas uma questão mecânica. No entanto, as diferenças existentes entre línguas fazem com que esse seja um processo muito mais trabalhoso. Em árabe, por exemplo, cada letra pode assumir quatro formas diferentes dependendo do texto que vem em seguida - e é necessário criar versões digitais legíveis e agradáveis para cada uma delas. Por outro lado, em escritas brâmanes da Índia e do sudeste asiático, as letras podem ser reordenadas ou mesmo divididas ao meio dependendo contexto. Nesse caso, além de criar representações digitais para todos esses casos, é necessário também programar o leitor de texto para que ele exiba a escrita de maneira adequada.

A Google afirmou que vê na fonte Noto não só como uma forma de evitar que conteúdo não seja exibido na internet, mas como uma forma de manter a nossa história de forma digital ao longo dos anos, a empresa também se comprometeu em continuar atualizando a Noto conforme mais caracteres forem sendo reconhecidos pela Unicode.

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo