Ubuntu 16.04.2 LTS lançado, veja como instalar as melhorias - Diolinux - O modo Linux e Open Source de ver o Mundo

Responsive Ad Slot

Ubuntu 16.04.2 LTS lançado, veja como instalar as melhorias

Veja como atualizar para o Ubuntu 16.04.2 LTS, incluindo o Kernel 4.8

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

/ por Dionatan Simioni
A Canonical liberou nesta semana a nova atualização para o Ubuntu 16.04 LTS, recebendo assim a numeração de 16.04.2. Existem algumas observações para serem feitas quanto a sua atualização, especialmente quando se refere ao Kernel, saiba mais:

16.04.2 LTS





Para quem não sabe muito bem como funciona, o Ubuntu tem lançamentos semestrais, ou seja, a cada seis meses sai uma nova versão, sendo que de dois em dois anos saem as versões LTS (Long Term Support). As versões LTS podem ser consideradas as versões estáveis do sistema, enquanto as versões intermediárias são lançamentos onde, normalmente, novas tecnologias são testadas. A versão 17.04, que sai no próximo mês de Abril, é um exemplo disso, nela serão testadas algumas atualizações para o Unity 8, a nova interface gráfica do Ubuntu.

Por conta destes fatores, normalmente as versões LTS são as escolhidas pelos usuários para missões críticas, trabalho, produtividade e relacionados. São elas também que normalmente são utilizadas em servidores, tanto por quem é cliente da Canonical, quanto por quem não é.

Versões LTS recebem atualizações constantes durante um prazo de 5 anos, enquanto as versões non-LTS recebem atualizações por cerca de 8 a 9 meses; mais um motivo para que os usuários que usam o Ubuntu para trabalhar escolham as versões com suporte extenso.

Mas o que significa este suporte (LTS)?


O suporte LTS significa que os usuários receberão atualizações de segurança e de software por um período de 5 anos, entretanto, isso não significa, em termos de software, que as atualizações serão sempre para a última versão disponível e sim para uma próxima versão considerada estável. Até mesmo o Kernel normalmente vai respeitar a versão LTS, recebendo atualizações dentro de sua própria versão.

Você pode contornar isso utilizando repositórios PPA para uma determinada aplicação que você deseja que esteja em uma versão mais recente ou utilizando um pacote Snap para a mesma, existem várias formas de contornar a questão, entretanto, nem todas as aplicações ficarão defasadas com o tempo, por questão de segurança, navegador de internet e aplicações com acesso à rede normalmente estão em suas últiamas versões. Lembre-se a estabilidade vai contra a novidade, dificilmente um software mais recente vai ser tão estável quanto um mais antigo e que teve maior tempo para ser debugado, um ótimo exemplo disso é o Debian Stable.

O que há de novo na versão 16.04.2 LTS?


Conforme o tempo passa, muitas atualizações e correções são feitas. Para evitar que os usuários que baixarem o Ubuntu 16.04 LTS precisem baixar tantas atualizações, a Canonical vai lançando novas compilações da ISO com as atualizações e melhorias já incorporadas, assim nascem essas releases com um terceiro número, como 16.04.1, 16.04.2, etc. É como se fossem os Services Packs do Windows.

Essas atualizações normalmente trazem versões mais recentes de uma série de programas e eventualmente, novos recursos para o sistema em si, mas um grande diferencial é a atualização do Kernel Linux, dando assim mais suporte para novos hardwares e mais desempenho em algumas situações.

As principais novidades do Ubuntu 16.04.2 LTS são a adição do Kernel Linux 4.8.x, Mesa Driver 12, e melhorias intensas no suporte de hardware, além da possibilidade da utilização do Kernel Ubuntu HWE (Hardware Enablement) e de correções de bugs menores.

Como atualizar para o Ubuntu 16.04.2 LTS?


Se você está rodando outro sistema operacional ou outra versão do Ubuntu que não seja a LTS atual (16.04), minha recomendação é formatar e instalar ela do zero, porém, se você já é um usuário do Ubuntu 16.04 LTS, assim como eu, você só precisa atualizar o sistema normalmente e você estará nesta versão.


Use o aplicativo "Atualizador de programas" para atualizar o sistema.

Ou use o terminal:
sudo apt update && sudo apt dist-upgrade

Esse comando não vai mudar a versão do seu Kernel, o Ubuntu vai continuar utilizando o Kernel LTS, ou seja o 4.4.x, que vai receber atualizações de segurança até o fim dos 5 anos de suporte do Ubuntu.

Se você deseja utilizar um Kernel mais recente dentro da LTS, poderá utilizar o Kernel HWE, que acrescenta pacotes novos de drivers de vídeo e de suporte para novos componentes de hardware, é ideal para quem tem computadores muito novos ou equipamentos recém lançados.


Antes de atualizar o Kernel de uma versão para outra, eu recomendo remover os eventuais drivers proprietários que você tenha, especialmente os de vídeo e de wifi, assim você evita conflitos.

Para atualizar para o Ubuntu 16.04.2 LTS com o Kernel HWE você precisa rodar estes comandos:
sudo apt-get install --install-recommends xserver-xorg-hwe-16.04
sudo apt-get upgrade
O primeiro comando direcionada para uma nova versão do X que puxara por dependência o restante dos pacotes.

Este recurso não é experimental, ele vem sendo utilizando desde o Ubuntu 10.10 para trazer suporte extendido para os lançamentos do Ubuntu, fazendo com que mesmo LTS antigas, como o Ubuntu 12.04.5 LTS, que ainda está em atividade (no final dela, inclusive), possam rodar em computadores lançados "mês passado", contudo, uma mudança de Kernel é sempre algo muito sensível, então minha recomendação em linhas gerais é somente atualizar em caso de necessidade, falta de reconhecimento de hardware ou caso você seja entusiasta e principalmente, se você sabe o que está fazendo.

Kernel Update

A diferença dos pacotes de Kernel 


Como isto é algo que considero importante, acho que colocar mais algumas informações à respeito quem podem te ajudar a decidir qual caminho você quer seguir.

O Kernel padrão do Ubuntu chama-se General Availability ou simplesmente GA, os pacotes deste Kernel constumam se manter dentro dos lançamentos do LTS ao qual pertencem, no caso o 4.4, com variações seguindo o seguinte exemplo nomenclatura:
linux-image-4.4.0-21-generic (Kernel Padrão)
ou
linux-image-4.4.0-21-lowlatency (Kernel de baixa latência)
O Kernel HWE tem a seguinte nomenclatura:
linux-headers-generic-hwe-16.04 (Kernel padrão com Hardware Enablement)
ou
 linux-headers-lowlatency-hwe-16.04 (Kernel de baixa latência com Hardware Enablement)
Para mais informações sobre o HWE consulte a Wiki do Ubuntu. 


Alterantivamente, quem deseja manipular versões diferentes do Kernel Linux no Ubuntu de forma gráfica e fácil, pode usar o UKUU (Ubuntu Kernel Update Utility), assim você pode usar a versão do Kernel que bem entender.

Outras variações do Ubuntu também receberam a nova atualização, o procedimento para atualizar é o mesmo em todas e você também pode baixar as ISOs completas através dos links abaixo:

Kubuntu 16.04.2 LTS
Ubuntu GNOME 16.04.2 LTS
Ubuntu MATE 16.04.2 LTS
Xubuntu 16.04.2 LTS
Lubuntu 16.04.2 LTS


Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo