Utilização de Linux em Desktops cresceu em 50% no último ano - Diolinux - O modo Linux e Open Source de ver o Mundo

Responsive Ad Slot

Utilização de Linux em Desktops cresceu em 50% no último ano

Um grande salto na quantidade de usuários Linux ocorreu em 2017

domingo, 3 de setembro de 2017

/ por Dionatan Simioni
A maior parte das pessoas acompanham o blog e o canal sabem o quanto eu acho estatísticas de contabilização de distros Linux controversas, isso porque é muito complicado realmente estimar todas as pessoas que realmente estão utilizando as distribuições. Isso acontece por conta de que geralmente não existem cadastros para fazer download de algum sistema ou alguma forma precisa de contabilizar os usuários de todas as distros, porém, existem alguns serviços que tentam fazer aproximações e o que um dos mais famosos nos mostra é que "Linux" em Desktops acabou crescendo em utilização em cerca de 50% nos últimos 12 meses.

MarketShare do Linux nos Desktop em 2017





O site "NetMarketShare" revelou os dados coletados do último mês (Agosto de 2017) onde tivemos uma grande surpresa no salto do "Linux" nos Desktops, especialmente se comparando ao mesmo período do ano passado.

MarketShareLinux 2017

Como podemos ver pelo gráfico, agora "o Linux" está com 3,37% do Market Share, o que ainda é muito pouco perto do Windows (com cerca de 90%), mas já está consideravelmente perto do macOS da Apple (que atualmente tem 5,94%, segundo o mesmo serviço) e isso pode ter boas implicações para os sistemas baseados em Linux, como a vinda de mais serviços e programas para as distribuições.

Crescimento do Linux no Desktop no último ano

O gráfico acima mostra a evolução da participação das distros Linux no Desktop ao longo dos últimos 12 meses, observando isso, podemos perceber que "o Linux" saiu de um número percentual de 2,23% em Setembro de 2016, para 3,37% em Agosto de 2017. Um aumento de pouco mais de 51%, o que é um grande coisa em perspectiva.

Observando o gráfico, podemos ver também que a coleta de dados indica quedas em determinados meses (o que vai de encontro a imprecisão dos dados que eu havia comentado), mas de qualquer forma, é algo a ser considerado.

O que você achou da novidade? Parece que finalmente as distros saíram dos famigerados 2% que eram comentados há tanto tempo.

Pra mim a grande questão ainda é: O que ocasionou isso? Foi alguma distro? Alguma empresa? Foi uma forma diferente de fazer a pesquisa? Infelizmente essa informação - que seria tão importante - está faltando, porém, ao mesmo tempo a pesquisa indica que as distros (algumas pelo menos) estão muito mais simples de serem utilizadas por pessoas que vão fazer uso doméstico para o sistema, ou mesmo profissional, ainda pode não ser a melhor opção para todos, mas é uma opção muito boa para muitos.

Até a próxima!

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo