Flameshot, mais uma ótima ferramenta de PrintScreen para Linux - Diolinux - O modo Linux e Open Source de ver o Mundo.

Responsive Ad Slot

Flameshot, mais uma ótima ferramenta de PrintScreen para Linux

Uma ferramenta de PrintScreen que vai facilitar e muito na hora de detalhar o seu captura de tela.

segunda-feira, 3 de setembro de 2018

/ por Ricardo Augusto V. Bugim
Quando precisamos “tirar um print” de alguma coisa, pode ser uma foto, vídeo ou mesmo uma página da internet, sempre utilizamos as ferramentas que vem por padrão nas distros e depois para fazer marcações ou anotações nelas precisamos abrir um editor de imagem, como o GIMP ou o Pinta.

Flameshot, mais uma ótima ferramenta de PrintScreen para Linux







Mas o flameshot é uma ferramenta para PrintScreen ou “tirar print” da tela do seu computador de uma forma bem simples e fácil de utilizar.

É possível instalar o Flameshot na sua distro de 4 formas diferentes, , os pacotes .deb para Ubuntu e derivados (Bionic e Xenial) ou para Debian (Jessie e Strech), os .rpm para Fedora 27 e 28 ou ainda escolhendo o formato AppImage, todos com arquitetura x86_x64, que funciona em qualquer distro, alternativamente você pode baixar o código fonte da aplicação, este vídeo que fizemos sobre pacotes tar.gz pode te ajudar com isso.

Para baixar você pode acessar o Github do projeto e escolher a melhor forma para você.

Depois de instalado, você precisa inicializar ele uma primeira vez, basta procurar ele na sua dashboard ou no menu de aplicativos. No caso deste artigo, estamos usando o gnome, mas o ícone é igual nas distros.


Depois de inicializado, ele vai aparecer na sua barra de tarefas. E quando clicamos nele com o botão esquerdo do mouse, ele abre um submenu lhe oferecendo 3 opções: Take Screenshot; Configuration e Information. Para tirar o “print” ou “screenshot”, vamos clicar na primeira opção.


Logo após a captura, sua tela vai ficar levemente escura e com um mensagem no meio explicando o que você pode fazer com a ferramenta. Nela diz que você pode selecionar com o mouse a área que você quer “printar”, que com o botão direito você pode mudar as cores das ferramentas e que pressionando o Enter você salva o “print”.



O formato que ele salva é em .png, mas se você precisar comprimir ele mais um pouco, recomendamos o Converseen, ferramenta que já possui um artigo aqui no blog.

Uma ferramenta muito útil para o nosso dia a dia e para torná-lo mais produtivo. =)

Agora conte-nos aí nos comentários, o que você achou do Flameshot.

Até uma próxima e um forte abraço.

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo