Versão do Telegram no Flathub agora é oficial - Diolinux - O modo Linux e Open Source de ver o Mundo

Responsive Ad Slot

Versão do Telegram no Flathub agora é oficial

O famoso mensageiro" mil e uma funcionalidades", agora conta com mais uma versão oficial de sua aplicação desktop.

sexta-feira, 10 de maio de 2019

/ por Henrique AD
Para os "zapeiros" de plantão desculpe-me, o Telegram é superior! Brincadeiras a parte (não leve tão a sério o início deste post, muita calma nessa hora 😁😇😁), o mensageiro mil e uma utilidades acaba de ter mais um formato de empacotamento "oficializado" no Linux, antes com sua versão em “tar.xz” (binário executável) no site e Snap, agora o Flatpak entra na "brincadeira". Antes de tudo, aprenda como instalar o suporte a o Flatpak em seu sistema.

telegram-flatpak-flathub-oficial-linux-ubuntu-deepin-mint-mensageiro-whatsaap

Um assunto que sempre vejo em grupos Linux, é a questão do empacotamento dos programas por mantenedores que não sejam os desenvolvedores da aplicação. E se isso torna ou não o pacote/programa "menos oficial".

Muitos podem argumentar que empacotador é uma coisa e desenvolvedor é outra, e até concordo com isso, entretanto algumas pessoas se apegam ao "quesito" aval do desenvolvedor, ou empacotamento pelo próprio. Particularmente estou entre o primeiro grupo, no entanto entendo que ter essa "oficialização" por parte do criador do software é algo que para empresas, e até mesmo vários usuários, dá uma credibilidade a mais (se isso é apenas uma falsa sensação, aí já não sei, mas que faz uma diferença faz 😁😂😋).

telegram-flatpak-flathub-oficial-linux-ubuntu-deepin-mint-mensageiro-whatsaap

Telegram no Flathub


O Telegram Desktop vinha sendo mantido no repositório Flathub, lugar com diversas aplicações em Flatpak disponibilizado pela comunidade. O responsável até então pelo seu empacotamento era Jan Grulich, desenvolvedor do projeto KDE e engenheiro de software da Red Hat. E mesmo de forma "não oficial" o aplicativo teve mais de 400 mil downloads, algo que chamou a atenção dos desenvolvedores do programa.

E hoje, dia 10 de Maio, o desenvolvedor do Telegram John Preston, passou a manter o repositório no Flathub. Agora no Github da aplicação existe uma área dedicada ao sistemas suportados e formatos de distribuição, e o Flathub está entre eles.

telegram-flatpak-flathub-oficial-linux-ubuntu-deepin-mint-mensageiro-whatsaap-windows-macOS-fedora


E você o que acha sobre essa questão, um programa apenas é oficial quando empacotado/ou possui aval de seus desenvolvedores? Deixo essa "bucha para vocês", e claro tenha sempre respeito com o próximo.

Continue esse assunto em nosso fórum Diolinux Plus.

Até o próximo post, e como sempre te espero aqui no Blog Diolinux, SISTEMATICAMENTE! 😎
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo