Manjaro alcança o próximo nível e se torna uma empresa - Diolinux - O modo Linux e Open Source de ver o Mundo

Responsive Ad Slot

Manjaro alcança o próximo nível e se torna uma empresa

Manjaro dá mais um passo em direção às gigantes e se torna uma empresa.

sexta-feira, 13 de setembro de 2019

/ por Jedi Fonseca
O Manjaro é uma distribuição baseada no Arch Linux, criada e mantida por três pessoas desde 2011. Com o tempo, o trabalho duro dessas três pessoas rendeu excelentes “frutos”, o quê chamou a atenção de toda a comunidade Linux. Como consequência disso o Manjaro passou a ter a sua própria comunidade, que até hoje é, com os três fundadores, o pilar que mantém todo o projeto vivo.

manjaro-alcança-proximo-nivel-torna-empresa

Mesmo sendo uma das distribuições Linux mais populares da atualidade, como diz o ditado: “Ninguém vive de amor”. Os três fundadores do Manjaro o criaram e vinham mantendo-o como um “hobby”, trabalhando no projeto apenas em seu tempo livre. Apesar da grande ajuda oferecida pela comunidade, o projeto passou a demandar muito mais tempo e trabalho do que eles poderiam oferecer, o que estava tornando o projeto inviável.

Foi nesse momento em que seus fundadores: Philip Müller, Bernhard Landauer e Stefano Capitani precisaram tomar uma atitude para que tudo não fosse “por água abaixo”. A ideia foi buscar uma solução para manter o projeto funcionando nos seus moldes atuais: sendo gratuito, aberto, recebendo sugestões e ajuda da comunidade. Que também permitisse aos seus três principais mantenedores trabalharem no projeto em tempo integral, não mais o levando apenas como um “hobby”. A solução então foi estabelecer uma nova companhia.

Conheçam a Manjaro GmbH & Co. KG!


O estabelecimento de uma companhia permitirá empregar os mantenedores em tempo integral, bem como a exploração de futuras oportunidades e parcerias comerciais. Tal ação está sendo feita em parceria com a Blue Systems, uma empresa Alemã de Tecnologia da Informação cuja função será prestar consultoria à Manjaro GmbH & Co. KG. A Blue Systems também é conhecida por ser uma das maiores apoiadoras do projeto KDE.

Com a recém estabelecida companhia, outra grande mudança na administração do projeto será transferir a posse de todos os fundos e doações para hosts fiscais sem fins lucrativos.

Estes hosts fiscais são a ‘Community Bridge’ e a ‘Open Collective’, que além de assegurar as doações também tornarão o seu uso transparente. Philip Müller diz que essa forma de trabalho permitirá ao Manjaro continuar buscando os mesmos objetivos de sempre - apoiar o seu desenvolvimento colaborativo e uso em grande escala - mantendo a máxima transparência possível o tempo todo. Também afirmam que os fundos jamais serão, sob quaisquer circunstâncias, utilizados pela Manjaro GmbH & Co. KG.

Quais serão os benefícios trazidos por esta mudança?


Essa nova estrutura de trabalho em forma de Companhia permitirá ao Manjaro, chegar a um nível ao qual jamais chegaria, enquanto fosse apenas um projeto de tempo livre, podendo realizar coisas, como:

Permitir que os atuais desenvolvedores possam se dedicar em tempo integral ao Manjaro e projetos relacionados. Futuramente ter até uma base de funcionários assalariados.

Interagir e trocar experiências com outros desenvolvedores em eventos relacionados à Linux.

Proteger a existência do Manjaro como um projeto guiado pela comunidade, bem como proteger a própria marca.

Prover atualizações de segurança de forma mais rápida, bem como reagir de forma mais eficiente às necessidades dos usuários.

Prover os meios para atuar como uma Companhia a um nível profissional.

Obter patrocínio em grandes eventos, e eventos locais da equipe e comunidade do Manjaro.

Os fundos de doações e patrocínios também serão utilizados para coisas, como: 

Despesas da comunidade local relacionadas ao desenvolvimento do sistema, por exemplo: equipamentos de trabalho para a equipe e comunidade do Manjaro.

Viagens (cobertura total ou parcial dos custos de viagem para atender a um evento).

Despesas com hardware e hospedagem.

Segundo Philip, o objetivo a longo prazo é que a Manjaro GmbH & Co. KG possa se tornar uma companhia auto sustentável, criando laços com outras empresas e organizações, tornando-se mais uma das grandes empresas no "Mundo Linux" e assim assegurando a viabilidade de todo o projeto e da comunidade ao seu redor.

A minha opinião sobre o assunto.


Eu realmente penso que o passo que o Manjaro está tomando agora é algo necessário para todo e qualquer projeto que queira alcançar grandes proporções. Julgo que todos nós, envolvidos no mundo Linux ou não, usuários do Manjaro ou não, ou até mesmo usuários de Windows, ou MacOS, só temos a ganhar com o fato de ter mais um “player” crescendo e indo em direção aos gigantes. À final, quanto melhor for a concorrência melhor será o produto oferecido pelos concorrentes.

E você, o quê acha?


Você que é um usuário, fã, membro da comunidade do Manjaro, ou entusiasta de tecnologia em geral, o que acha de tudo isso? Tornar-se uma empresa foi realmente algo pensado visando o bem de todos, ou é apenas uma melhor forma para ganhar dinheiro? Conte-nos a sua opinião sobre tudo isso. 😃

Você gosta de Linux e tecnologia? Tem alguma dúvida ou problema que não consegue resolver? Venha fazer parte da nossa comunidade no Diolinux Plus

Por hoje é tudo pessoal! 😉

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo