OpenResizer, um aplicativo de redimensionamento de imagens em massa - Diolinux - O modo Linux e Open Source de ver o Mundo

Responsive Ad Slot

OpenResizer, um aplicativo de redimensionamento de imagens em massa

Se você precisa redimensionar várias imagens de uma vez, esse app vai lhe ajudar na tarefa.

quinta-feira, 3 de outubro de 2019

/ por Ricardo
Se você estiver precisando de um aplicativo para fazer o redimensionamento em massa das suas imagens, o OpenResizer pode lhe ajudar.


OpenResizer, um aplicativo de redimensionamento de imagens em massa






Antes de mostrar como instalar e algumas screenshots do programa, vale uma menção do porque o desenvolvedor escolheu distribuir o OpenResizer somente em snap, por hora. Trecho retirado do blog dele:

“Meu objetivo era simplesmente empacotar o aplicativo e distribuí-lo. Não queria gastar muito tempo empacotando, porque queria chegasse aos meus usuários finais rapidamente. A escolha para mim foi baseada em como era fácil empacotar meu aplicativo, e o Snap parecia atender a esse requisito.

Então a escolha me pareceu clara - decidi que usaria o Snap. Foi fácil começar com os tutoriais básicos, mas não foi fácil finalizar e ajustar o pacote final. Os tutoriais foram suficientes para começar, mas eles não tinham tutoriais detalhados, então eu constantemente perguntava no fórum Snapcraft, sobre várias coisas relacionadas ao Snaps. Felizmente, o fórum foi muito útil e pude empacotar o OpenResizer como um snap.”

Feito essa menção, vamos ao procedimento de instalação do aplicativo.


Se você não tiver o snap instalado na sua distro, basta seguir esse tutorial que fizemos e habilitar. Depois é só procurar na loja de aplicativos por “OpenResizer” e mandar instalar.




Se você preferir, pode instalar ele via linha de comando:

sudo snap install openresizer

Funções do aplicativo:

● Redimensionar uma ou várias imagens;
● Preview do Antes / Depois;
● Suporte para imagem nos formatos: PNG, JPG, BMP;
● Ajuste de compressão para JPG; 
● Suporte para PNG com fundo transparente; 
● Suporte para CPU's multi-core; 
● Free e open-source.

Muito bom ver os devs esclarecendo o porquê de usar o formato Snap, Flatpak ou AppImage, e quais facilidades e dificuldades encontradas na hora do porte. Creio que a utilização desses formatos só tende a aumentar. Vale ressaltar também, que se você tem algum “preconceito” ou qualquer coisa do tipo, sobre apps serem empacotados em formatos de containers, sem problemas e stress man✌😀, ainda vai existir outras formas e programas para você usar, como os dos repositórios, via DEB, RPM e por aí vai 😉.

Este artigo não acaba aqui, continue trocando uma ideia lá no nosso fórum.

Espero você até a próxima, um forte abraço.
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo