Novidades no GNOME Shell 3.35.3 incluem suporte ao Offloading da NVIDIA - Diolinux - O modo Linux e Open Source de ver o Mundo

Responsive Ad Slot

Novidades no GNOME Shell 3.35.3 incluem suporte ao Offloading da NVIDIA

Próximo update antes da versão 3.36 do GNOME Shell virá com muitas novidades e updates interessantes.

quarta-feira, 15 de janeiro de 2020

/ por Ricardo
A próxima versão do GNOME Shell, a 3.35.3, como dizem por aí “está prometendo”, especialmente para quem está utilizando notebooks híbridos (Intel + NVIDIA), terá uma função facilitadora.

 Novidades no GNOME Shell 3.35.3 incluem suporte ao Offloading da NVIDIA





Essa versão do GNOME Shell pode ser uma das últimas antes da versão 3.36 que está prevista para o começo de fevereiro de 2020. Uma das novidades vindas nesta versão, é a tão aguardada funcionalidade para quem tem notebooks híbridos, em que você pode escolher qual programa usar a GPU dedicada. No caso do Gnome, seria através “de um simples click” do botão direito e mandar o programa abrir com a GPU. Até então, essa funcionalidade estava disponível para o driver open source, o nouveau, mas que agora vai conseguir trabalhar com o driver proprietário da NVIDIA.

Outro que recebeu correções, foi o Mutter, que na versão 3.35.3 recebeu uma correção na gravação de tela nas saídas HiDPI.

Outras melhorias e correções foram: 

● A funcionalidade “ver código-fonte” dentro do navegador Epiphany agora usa o highlight.js ;
● Epiphany agora tem suporte em mostrar PDFs usando a biblioteca PDF.js ;

● O GNOME Boxes introduziu um novo assistente para máquina virtual e um gerenciador de downloads.

● O Contas Online do GNOME tirou o suporte ao serviço Pocket.

Para ver todas as melhorias e modificações, você pode conferir aqui.

Muito provavelmente teremos essa versão do GNOME Shell já no Ubuntu 20.04 LTS, que será lançado em meados de abril. Isso já é muito bom, pois os donos de notebooks híbridos (estou incluso 😅) poderão testar como o sistema irá se comportar com as implementações da NVIDIA, que também poderá vir neste Ubuntu, o Xorg 1.20.6 ou o 1.20.7 que também contém as implementações. Nas outras, como Fedora, Manjaro, openSUSE e afins, já devem ter recebidos a versão do GNOME Shell.

Este artigo não acaba aqui, continue trocando uma ideia lá no nosso fórum. Espero você até a próxima, um forte abraço.




Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.

Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo