Diolinux - O modo Linux e Open Source de ver o Mundo

Responsive Ad Slot

Mostrando postagens com marcador email. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador email. Mostrar todas as postagens

BlueMail um cliente de e-mail elegante

Nenhum comentário

quarta-feira, 9 de outubro de 2019

Basicamente existem dois tipos de usuários de desktops, generalizando muito, os que acessam seus e-mails direto pelo navegador de internet e aqueles que preferem acessar através de outro app. Clientes de e-mails são bem famosos, e no mundo Linux não é diferente. Aliás, já fizemos uma postagem destacando alguns clientes de e-mails no Linux e você pode acessar por este link

cliente-email-linux-ubuntu-windows-android-ios-desktop-alternate-outlook-mailspring-geary-mozilla-thunderbird-evolution-snapcraft-snap

O BlueMail é um cliente de e-mail multiplataforma, disponível para Windows, Linux, iOS e Android. Com um visual moderno e elegante, a aplicação é minimalista e direta ao ponto. Talvez por conta de sua simplicidade alguns usuários mais avançados não ficarão satisfeitos com o programa. A meu ver o programa parece uma mescla entre diversos clientes atuais, com semelhanças e características que lembram o Mailspring, Geary e o próprio cliente de e-mail do Windows 10.

cliente-email-linux-ubuntu-windows-android-ios-desktop-alternate-outlook-mailspring-geary-mozilla-thunderbird-evolution-snapcraft-snap

Configurar uma conta é extremamente intuitivo, e mesmo que algumas partes de sua interface não esteja completamente traduzida para o português, não existe dificuldade. Iniciando o programa pela primeira vez, uma tela solicitando um e-mail aparecerá. Não é necessário um pré-cadastro ou algo do tipo, basta logar com sua conta (no meu caso, utilizei o Gmail).

cliente-email-linux-ubuntu-windows-android-ios-desktop-alternate-outlook-mailspring-geary-mozilla-thunderbird-evolution-snapcraft-snap

O Cliente suporta uma gama interessante de serviços, a qualquer momento você poderá adicionar outras contas. 

cliente-email-linux-ubuntu-windows-android-ios-desktop-alternate-outlook-mailspring-geary-mozilla-thunderbird-evolution-snapcraft-snap

Se você gosta de interfaces mais escuras, o BlueMail nativamente possui uma variante do “modo dark”. Sei que essa característica atrai muitos usuários, afinal, estou entre os mesmos (😂️😂️😂️).

cliente-email-linux-ubuntu-windows-android-ios-desktop-alternate-outlook-mailspring-geary-mozilla-thunderbird-evolution-snapcraft-snap-modo-tema-escuro-dark

Possuindo uma organização concisa, alguns elementos, como painéis e listas de e-mails podem ser ocultados. Cada conta de e-mail pode ser visualizada separadamente ou unificada ao ser apresentada em tela. Mesmo não possuindo inúmeros recursos, foram os “pequenos detalhes” que me chamaram a atenção. Ao pesquisar pelos e-mails recebidos, você poderá mudar uma simples chave seletora e passar a filtrar apenas pessoas. Clicando nos três pontinhos, próximo a essa chave, mais opções aparecerão.

cliente-email-linux-ubuntu-windows-android-ios-desktop-alternate-outlook-mailspring-geary-mozilla-thunderbird-evolution-snapcraft-snap

Como mencionei anteriormente, existem partes na interface em inglês. Isso não chega a ser um empecilho, mas é um detalhe que não poderia passar despercebido, obviamente que essa questão pode influenciar na usabilidade, dependendo do perfil da pessoa. Neste aspecto o programa deixa a desejar, comparado a alternativas como o Mozilla Thundebird ou até mesmo o Outlook. Todavia, ao que tudo indica o público do BlueMail não é o usuário avançado.

Personalização não é o ponto forte do programa, entretanto funcionalidades interessantes estão presentes. Falo especificamente da “Assinatura”, um recurso que pessoas julgam ser importante. Existe mais, porém incentivo você a ter suas próprias conclusões sobre o BlueMail.

cliente-email-linux-ubuntu-windows-android-ios-desktop-alternate-outlook-mailspring-geary-mozilla-thunderbird-evolution-snapcraft-snap

Instalando o BlueMail


No início dessa postagem adicionei os links conforme cada versão do BlueMail, vale ressaltar que no Windows o programa pode ser encontrado diretamente em sua loja, assim como no Ubuntu.

cliente-email-linux-ubuntu-windows-android-ios-desktop-alternate-outlook-mailspring-geary-mozilla-thunderbird-evolution-snapcraft-snap

Por ser distribuído em Snap, o BlueMail poderá ser instalado facilmente na maioria das distribuições Linux. Contudo, o Snap deve ser configurado previamente em seu sistema, no Ubuntu esse passo não é necessário. Acesse essa matéria e habilite o suporte ao Snap em sua distribuição. Lembrando que dependendo de sua distro, o processo só poderá ser feito via terminal, pois nem toda loja possui o suporte aos pacotes em Snap.

Após ter configurado, e se preferir instalar via terminal, proceda desta maneira:

sudo snap install bluemail

Caso queira remover o app:

sudo snap remove bluemail 

Particularmente vivo mesclando entre clientes de e-mails e via web, atualmente estou utilizando direto do navegador, mas confesso que depois do último lançamento do Geary, venho testando novamente diversas aplicações. Sei que as interfaces web evoluíram de tal maneira que para muitos, aplicativos nesse estilo são redundantes. Todavia, ter opções é algo bom e creio que vários usuários gostam de conhecer alternativas e novidades.

Reforçando, vale o teste, porém se você está acostumado com as infindas opções do Thunderbird, o BlueMail não será de seu agrado. Outro detalhe que vale mencionar, foi a ausência de um ícone na tray (bandeja) do sistema. Não sei se o problema é relacionado ao Snap atual, só sei que nas capturas de telas na Snapcraft o ícone da tray está presente e em meu Ubuntu 18.04 não.


Você acessa seus e-mails via navegador ou faz uso de outro app? Deixe nos comentários a sua experiência com o BlueMail e possíveis dicas aos leitores do blog.

Participe de nosso fórum Diolinux Plus. Assim você sempre fica por dentro das novidades.

Até o próximo post, te espero aqui no blog Diolinux, SISTEMATICAMENTE! 😎
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.

Botnet Emotet retorna, infectando computadores através de e-mails

Nenhum comentário

sexta-feira, 20 de setembro de 2019

Segurança é um tópico importantíssimo em vários aspectos de nossas vidas, no meio tecnológico não seria diferente. Emotet é um conhecido botnet que se aproveita dos erros humanos para causar estragos e chantagear suas vítimas. Agora ele ataca novamente.

malware-virus-trojan-botnet-emotet-praga-virtual-segurança-windows

Totalizando mais de 200 mil senhas de e-mails roubadas, o Emotet usa uma estratégia já conhecida. Utilize sempre senhas fortes e evite as famigeradas “123456”, “senha”, “654321”, e coisas do tipo. Justamente essa é a maneira inicial em que o Emotet se vale, utilizando contas com uma segurança tão debilitada.

A informação do retorno do malware foi divulgada no perfil do Twitter de Marcus Hutchins, conhecido na web como “MalwareTech”, um pesquisador britânico, de cybersecurity, que esteve envolvido no famoso caso de ataques do ransomware WannaCry.


Segundo a empresa de cibersegurança Malwaresbytes, após conseguir a senha do e-mail da vítima, o malware se infiltra nas conversas, rouba o conteúdo da caixa de entrada, se passando por uma dessas pessoas na lista e envia uma mensagem infectada. A vítima acessa pensando ser a pessoa em questão, junto ao email existe uma mensagem indicando que os usuários só poderão ler o conteúdo, após aceitarem o novo contrato de licença do Microsoft Word. 

malware-virus-trojan-botnet-emotet-praga-virtual-segurança-windows

O usuário baixa o anexo infectado, abre o arquivo e infecta seu computador com inúmeros malwares, com os mais perversos fins, instalando o Emotet em segundo plano via terminal.

malware-virus-trojan-botnet-emotet-praga-virtual-segurança-windows

Daí em diante a ameaça é propagada por toda rede, roubando as credenciais dos programas instalados e gerando mais spam na lista de contato do usuário. Então, mesmo que sua senha seja forte, o malware pode enviar um e-mail infectado através de outro computador. 

Vários relatos estão ocorrendo em toda internet, numa lista de países que parece não acabar tão cedo. Alemanha, Reino Unido, Polônia, Itália, EUA, entre outros já foram alvos da praga virtual. Até mesmo o Brasil entrou na lista, não importa se são empresas, entidades governamentais ou pessoas comuns, todos são possíveis alvos de ataque.

O pesquisador de cybersecurity / cyber segurança, Brad Dunca, sinalizou ao site BleepingComputer (que visa responder questões técnicas e auxiliar usuários) que alguns computadores dos EUA foram infectados com o cavalo de tróia “Trickbot”, tornando-se um verdadeiro “celeiro de pragas virtuais”. Lembrando que cada vez que um dispositivo é alvo do Emotet, ele passa a compor uma gigantesca rede de ataques (uma verdadeira bola de neve).



A Cisco também fez um artigo bem interessante abordando o assunto e dando mais detalhes e números, recomendo a leitura. Para isso acesse este link.

Previna-se de ataques, com simples dicas


Para evitar que seu computador se torne um verdadeiro escravo, seja usado para ataques de DDoS, enviar spam, ter senhas e histórico de navegação na web roubados e muito mais. Siga estes conselhos:


  • Utilize senhas fortes, com palavras em maiúsculo e minúsculo, como caracteres especiais (por exemplo, !@#$%&*), etc;
  • Evite senhas óbvias, como nomes de pessoas ou datas;
  • Não utilize a mesma senha em mais de um serviço;
  • Caso exista a opção de autenticação multifatorial em seu provedor de email, ative essa opção; 
  • Não abra qualquer anexo, que não saiba a procedência;
  • Confirme previamente com o remetente daquele anexo;
  • Desconfie se do nada aquela pessoa te mandou um email, sem aparente motivo (ainda mais com um anexo suspeito);
  • Fique sempre alerta e procure pesquisar mais sobre o tema “segurança na web” e tome os devidos cuidados.

Lembrando que o Emotet pode utilizar meios diferenciados de ataque, essa é para quem acha que Linux é aprova de tudo, cuidado redobrado.

Faça parte de nosso fórum Diolinux Plus, e segurança em primeiro lugar, SISTEMATICAMENTE! 😎

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Estes são os meus gerenciadores de E-mail preferidos para Linux

Nenhum comentário

quinta-feira, 29 de agosto de 2019

Conforme a tecnologia de e-mails evoluiu, a necessidade de uma pessoa comum usar um programa para gerenciar seus e-mails se tornou menor, serviços populares como o Gmail tomaram conta do mercado, enquanto que ainda existe uma parte da população que prefere ler seus e-mails através de um software instalado em seus computadores. O artigo de hoje é focado justamente nas pessoas com essa preferência ou necessidade.

linux-mail-apps






Ler os seus E-mails através de um aplicativo no seu PC pode ter algumas vantagens, especialmente em se tratando de organização, leitura offline e até aplicação de filtros de SPAM personalizados, contudo, geralmente essas aplicações acabam aparecendo em soluções empresariais que não possuem ótimas interfaces Web, como um RoundCube "da vida", por exemplo.

Eu já precisei usar muito esse tipo de ferramenta por conta de trabalho, e até já fiz implementações em empresas de uma delas. Hoje vou compartilhar com você as minhas favoritas, fique à vontade para acrescentar informações e as suas preferidas.

Thunderbird


Thunderbird


Para mim é muito difícil pensar em "gerenciador de E-mail" sem lembrar do Thunderbird, foi ele, inclusive, que eu implementei em algumas empresas há alguns anos. Um software originário da Mozilla, que até hoje faz parte de grande parte das distros Linux como padrão. Ele tem uma interface amigável, pode ser configurado com clientes de chat, aceita feed RSS para que você também possa ler as suas notícias, e é completamente grátis.

Você encontra ele na loja de aplicativos da sua distro preferida certamente, isso se ele já não vier pré-instalado.

Mailspring


Mailspring


Já neste caso, lembro do Mailspring sempre que penso em cases de sucesso de aplicações em Electron. O software já foi premiado algumas vezes como um dos mais inovadores do segmento nos últimos anos, tem um visual que agrada bastante, com suporte a temas, e se encaixa perfeitamente em vários sistemas operacionais diferentes, assim como o Thunderbird.

A versão oficial do Mailspring está disponível para Ubuntu via Snap, então você encontra na loja de aplicativos, no entanto, há versões alternativas  em .deb e .rpm diretamente no site oficial. Fizemos um artigo completo sobre Mailspring para que você possa conhecê-lo em maiores detalhes.

Geary


Geary Linux Mail


Atrelado mais diretamente ao projeto GNOME, assim como o cliente Evolution, o Geary ganhou maior fama depois de se tornar o cliente de E-mails padrão do elementary OS, e de fato, existe um trabalho primoroso aqui, onde uma interface clean é o ponto mais forte da aplicação, sem dúvidas.

O Geary se integra com as contas online do GNOME, então ele fica bem integrado com o seu desktop, caso você decida usá-lo dessa forma.

E os seus favoritos?


Estes são os meus três clientes de E-mail favoritos, todos tem as funções essenciais que se espera de um bom software deste segmento, é possível configurar tanto contas de E-mails populares atualmente, como Gmail e Outlook, como também usar os dados do seu próprio servidor de E-mails.

Gostaria também de mencionar alguns outros softwares que eu achei interessantes, mas que colocaria a um "nível abaixo", por assim dizer, mas que no entanto, podem ser alternativas viáveis, caso você não goste de nenhum dos supracitados.

Temos o KMail, do projeto KDE, o próprio Evolution, do projeto GNOME, temos o ElectronMail, focado em ser um utilitário para o ProtonMail.

Você tem alguma dica legal de gestor de E-mail e gostaria de compartilhar com a nossa comunidade? Deixe aqui nos comentários do artigo e participe também da nossa comunidade no fórum oficial, é só clicar aqui e se inscrever, é rápido e grátis.

Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Mozilla Thunderbird na loja do Windows 10 [Update!]

Nenhum comentário

quarta-feira, 5 de junho de 2019

Mesmo com um cliente de email pré-instalado no Windows 10, diversos usuários preferem alternativas. Com um visual atraente e utilização simplificada, o app de email do Windows 10 atende a muitas pessoas. Porém, ainda lhe faltam alguns recursos mais avançados. Nessas horas opções como, Outlook, Mailspring e o próprio Mozilla Thunderbird desempenham um ótimo papel.

mozilla-thunderbird-windows-s-10-store-loja-ms-microsoft-ports

A cada dia os sistemas operativos estão mais práticos oferecendo lojas para instalação de seus apps. No macOS, Linux e Windows são assim. Entretanto, mesmo a Microsoft sendo uma gigante e seu sistema operacional um campẽao entre os desktops, sua loja carece de apps. Isso obriga o usuário do sistema sair internet afora em busca de aplicativos, ou manter em algum pendrive seus programas. Confesso que acho interessante a Windows Store, mas por não conter a maioria dos softwares que meus clientes usam, acabo nem utilizando a loja da MS (uma pena).

O Mozilla Thunderbird é um exemplo, na real “era”. Pois, agora o cliente de email da Mozilla encontra-se na loja do Windows 10. Isso possibilita usuários do modo “Windows 10 S” utilizarem o cliente “do passarinho azul”. Por ter uma política de segurança diferenciada de sua versão comum, o Windows 10 é impossibilitado de instalar programas de outras fontes que não sejam a sua loja. Além de dar mais uma alternativa aos usuários do Windows 10 S, o Thunderbird na loja traz maior conforto aos utilizadores da plataforma.

Versão “não oficial”


Vale destacar que a versão contida na Windows Store não é disponibilizada diretamente pela Mozilla pelo contrário, um grupo denominado Store Ports fez todo o processo. Mesmo não sendo uma versão adicionada na loja por sua própria desenvolvedora o grupo disponibiliza todo o código do Thunderbird, adicionado na loja, em seu Github. O software tem seu instalador convertido para adequar-se às diretrizes da Microsoft, passando por verificações de autenticidade, segurança e qualidade. Todo esse processo é garantido pela licença da empresa, MPL (Mozilla Public License) 1.1, caso queira testar essa versão contida na loja, acesse o link ou procure na loja do Windows (não preciso dizer que a versão é para Windows, né? 😂😂😂). [O Thunderbird foi retirado da loja da Microsoft. Se o mesmo retornará, não sabemos]. Então, baixe diretamente do site da Mozilla.

mozilla-thunderbird-windows-s-10-store-loja-ms-microsoft-portsmozilla-thunderbird-windows-s-10-store-loja-ms-microsoft-ports-cliente-email

É interessante ver essas iniciativas, lembrei do Flathub quando me deparei com a notícia. Agora cabe saber se o desenvolvedor irá manter a versão da loja da MS atualizada, e em quanto tempo esses updates ocorrerão, em comparativo a versão distribuída oficialmente. [Como informado logo acima, a versão "não oficial" foi retirada da loja. Não sabemos se momentaneamente ou permanentemente].

Você utiliza a loja do Windows para efetuar a instalação de seus softwares? Que tal participar de nosso fórum Diolinux Plus, ao contrário do que muitos pensam, o fórum é sobre tecnologia em geral. Não importa se você usa macOS, Android, Windows, BSD ou o que for. Venha fortalecer a comunidade e usufruir de ambos os mundos.

Até o próximo post, sejam complacentes com a opinião alheia. Não se esqueçam de compartilhar o blog Diolinux, SISTEMATICAMENTE! 😎
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Hackers invadem e acessam e-mails do Outlook

Nenhum comentário

terça-feira, 16 de abril de 2019

Nesta sexta-feira (12), a Microsoft enviou alguns e-mails para usuários do Outlook, informando que o serviço sofreu um ataque hacker, contendo dados como: endereços de e-mails, nomes de pastas e linhas de assuntos de mensagens foram acessadas por tais invasores (ou invasor, até o momento a MS desconhece se o ato foi obra de um grupo ou apenas um criminoso).

outlook-ms-microsoft-hacker-email-invadido

No dia 14, domingo, o site Motherboard revelou que a Microsoft enviou outra notificação para cerca de 6% das contas do Outlook.com que foram afetadas. Possivelmente o conteúdo dos e-mails também foram vistos, e a MS depois de minimizar a situação na primeira notificação, só admitiu o real problema, depois da apresentação de evidências desta violação.

Estima-se que os criminosos tiveram acesso não-autorizado a essas contas de e-mails entre 1º de Janeiro de 2018 à Março de 2019.

O porta voz da Microsoft, em um comunicado ao site The Verge, afirmou que essa “alegação de 6 meses é imprecisa”, referindo-se ao tempo dessas contas nas mãos dos cibercriminosos. A Microsoft esclareceu que a maior parte das contas afetadas foram notificadas e instruídas de como proceder.

Algumas vítimas tiveram senhas redefinidas no iCloud ligadas a iPhones roubados. Tudo indica que esse era o real motivo da invasão.

Como isso ocorreu?


Os hackers ou hacker, em primeiro caso, invadiu uma conta do suporte ao cliente da MS, como essa conta tinha altos poderes administrativos, o segundo movimento foi obter acesso a informações relacionadas às contas de e-mails dos clientes.

Minimização dos fatos e admissão do ocorrido


Inicialmente a Microsoft negou o caso, após confirmação por meio de evidências a mesma minimizou alegando que o conteúdo de seus e-mails não poderiam ser visualizados por invasores. Com novas evidências trazidas pelo site Motherboard, a MS tomou medidas cabíveis e notificou pela segunda vez os usuários que foram afetados pelo ocorrido.

Apenas contas de usuários comuns foram afetadas, as corporativas não sofreram por contar com um nível a mais de segurança.

Em um e-mail para os usuários afetados, a MS fez a seguinte observação que:

"Lamenta qualquer inconveniente causado por este problema" e deve ter "a certeza de que a Microsoft leva muito a sério a proteção de dados e envolveu suas equipes internas de segurança e privacidade na investigação e resolução do" problema ", bem como o fortalecimento adicional de sistemas e processos para prevenir tal recorrência".

A Microsoft informou que desativou imediatamente a conta de suporte afetada, ao tomar conhecimento do problema. Uma auditoria de contas de atendimento ao cliente serão realizadas, para garantir que casos como esse não se repitam.

União Europeia e as possíveis consequências


Sem informar o número de pessoas afetadas, é bem plausível que alguns destes usuários estavam na União Europeia, e que embora a violação dos dados seja um problema para a Microsoft, essa violação de dados está dentro do escopo do Regulamento Geral de Proteção de Dados da UE. É provável que uma investigação da UE contra a Microsoft esteja em andamento, averiguando se a “gigante de Redmond” fez o possível para impedir o ataque.

A Microsoft recomenda que você altere suas senhas, e mesmo que não esteja entre os afetados, essa ação é de extrema importância.

Outro ponto que quero salientar, é para além de uma senha forte, com caracteres especiais, números etc. Que ela não seja uma única senha, e um procedimento como o de ativar a verificação de 2 passos (duas etapas), deve sempre estar ativo.

Compreendo que empresas tendem a minimizar o ocorrido, seja para não causar uma “histeria coletiva” ou não “queimar sua imagem”, porém 3 meses é um tempo relativamente significativo, então averigue sua conta (caso possua Outlook/Hotmail) e troque todas suas senhas.

A era da modernidade tem dessas (😁😁😁) deixe suas opiniões em nosso fórum Diolinux Plus, e continue a discussão sobre o tema.

Te espero aqui no blog Diolinux, até o próximo post, SISTEMATICAMENTE! 😎
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Mailspring um cliente de e-mail bonito e moderno

Nenhum comentário

terça-feira, 12 de março de 2019

Seja para trabalhos acadêmicos, profissionais ou até mesmo uso pessoal, ter um e-mail faz parte da nossa rotina, e a cada novo serviço ou aplicação que vamos utilizar, nos é solicitado uma conta de e-mail, e organizar todas as nossas “cartas eletrônicas”, nem sempre é uma tarefa fácil.

mailspring-cliente-email-snap-deb-linux-ubuntu-windows-macos

Mailspring é um software multiplataforma “misto”, possuindo sua interface gráfica escrita em TypeScript com Electron e React, e seu mecanismo de sincronização em C++, atualmente apenas sua GUI é de código aberto, entretanto em seu Github é declarado que num futuro, seu mecanismo de sincronização também será open source, portanto trata-se de um software até o momento proprietário. 

Caso note a interface familiar, isso ocorre pois o app é um fork do Nylas N1, outro gerenciador de emails, mantido por um de seus antigos desenvolvedores, na qual garante que o Mailspring é mais rápido, consome metade da RAM e CPU, pois sua base é em C++, ao contrário do Nylas N1, que compunha de um mecanismo de sincronização em JavaScritpt, também dispõe de um compositor totalmente renovado e diversos novos recursos.

Formatos de distribuição do Mailspring


Acesse o site oficial do Mailspring e efetue o download da versão referente ao seu sistema, no caso do Linux existem 3 formatos de pacotes disponíveis, em DEB, RPM e Snap.

mailspring-cliente-email-snap-deb-linux-ubuntu-windows-macos

Para distros baseadas no Fedora e OpenSuse você pode utilizar a opção em RPM, se for Debian, Ubuntu e Linux Mint, em DEB, entretanto recomendo fortemente a opção em Snap, por possuir como diferencial o auto-update, nos outros casos você terá que baixar e instalar novamente a cada nova versão do programa.

Outro aspecto interessante é poder selecionar os canais de software do Snap, e testar a aplicação em diferentes estados de desenvolvimento, experimentando possíveis novas funcionalidades.

Caso não tenha configurado o Snap em seu sistema, veja como proceder como o seguinte post, lembrando que no Ubuntu o Snap já vem habilitado por padrão, porém no Mint não.

Instalando o Mailspring Snap via terminal


Para amantes do terminal, depois de ter configurado o Snap em sua distro, utilize o seguinte comando:

sudo snap install mailspring

Como informei anteriormente, com o Snap você pode testar as outras versões do Mailspring, basta adicionar uma das seguintes flags: “--candidate”, “--beta”, “--edge”, por exemplo suponhamos que você queira testar a versão beta do app, no entanto esteja ciente que versões em desenvolvimento podem conter bugs.

sudo snap install mailspring --beta 

Para desinstalar via terminal é muito fácil.

sudo snap install mailspring

Instalando o Mailspring Snap via loja no Ubuntu

Na loja do Ubuntu você pode encontrar o Mailspring pesquisando por seu nome e instalando facilmente com apenas uns cliques.

mailspring-cliente-email-loja-snap-deb-linux-ubuntu

Mailspring um belíssimo cliente de email


Logo após instalar o programa, você verá uma janela de login, para utilização do Mailspring é necessário cadastrar-se no serviço, mas calma que não será preciso pagar, ao menos que você queira os benefícios da conta “PRO”.

Crie sua conta normalmente, logue-se no cliente e uma janela solicitando a conexão de uma conta de email aparecerá.

mailspring-cliente-email-snap-deb-configuração-linux-ubuntu-windows-macos

Para contas do Gmail, o programa disponibiliza uma URL, para integração com os serviços do Google, siga todo o passo-a-passo proposto pelo app, caso tenha eventuais dúvidas, confira o vídeo demonstrando um pouco das funcionalidades do Mailspring e sua instalação em DEB.


É bem simples e fácil configurar o Mailspring, antigamente sua interface era toda em inglês, em seu estado atual além da interface inteiramente traduzida em nosso língua, conta com corretor ortográfico, assinaturas personalizadas de email, temas para sua GUI, modos de visualização, integração com a tray do sistema e muito mais.

interface-cliente-email-mailspring-tema

E você utiliza algum cliente email? Confesso que em tempos e tempos mudo de aplicação, alternando entre o Thunderbird, Mailspring e o “Gmail Web”, e já me aventurei com o Geary, Evolution entre outros.

Comente logo abaixo sua forma favorita de gerenciar seus emails, ou se atualmente utiliza via navegador. 

Te espero no próximo post, aqui no blog Diolinux, SISTEMATICAMENTE! 😎
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Conheça as novidades do novo Mozilla Thunderbird

Nenhum comentário

terça-feira, 5 de março de 2019

Famoso cliente de email, Mozilla Thunderbird, chega em sua mais nova versão, com muitas correções de bugs e novas implementações.

novo-cliente-email-thunderbird

No mundo corporativo a utilização de softwares de gestão de email é algo comum, e soluções como Outlook ou até mesmo o Mozilla Thunderbird, são adotadas para tal tipo de uso. Evidentemente, tais aplicativos não são restritos a empresas, muitos usam programas dessa natureza para cunho pessoal.

Lançado no dia 25 de Fevereiro, a versão 60.5.2 do Thunderbird, traz em sua maioria correções de bugs voltado ao Windows, como por exemplo uma falha ao enviar emails para um destinatário (via interface MAPI), ou um problema na verificação de certificados S/MIME ao receber emails do Outlook.

Alguns bugs conhecidos se mantiveram nesta versão, como a impossibilidade do uso integrado do bate-papo do Twitter, que após uma alteração de API, teve seu funcionamento comprometido, outro foi o erro que afeta perfis armazenados em compartilhamentos de rede do Windows. O suporte a UTF-8 para MAPISendMail foi implementado nesta versão.

Para saber todas novidades desta release, veja a nota oficial no site da Mozilla.

Thunderbird no Linux


Até o momento a nova versão 60.5.2 está disponível apenas no site oficial (caso utilize Ubuntu e derivados), no PPA oficial do Mozilla Thunderbird o mesmo encontra-se na versão 60.5.1, em Snap está na versão 60.3.0, em Flatpak na 52.9.1 e nos repositórios do Ubuntu 18.04 na versão 60.5.1, caso queira testar a 60.5.2, você pode efetuar o download direto do site, extrair o pacote “tar.bz2” e executar diretamente do binário, dando 2 cliques sobre ele.

site-novo-cliente-email-thunderbird

Creio ser questão de tempo para a nova versão ser adicionada em algum dos formatos de pacotes, anteriormente mencionados, e como a maioria das correções foram destinadas à usuários Windows, caso não esteja utilizando o sistema da Microsoft, vale a espera.

Usa o Thunderbird? Gosto muito desse cliente de email.

Deixe nos comentários suas experiências com o Thunderbird, e se usa alguma outra solução.

Te espero no próximo post, SISTEMATICAMENTE! 😎

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Novo Design do App Gmail está chegando

Nenhum comentário

quarta-feira, 30 de janeiro de 2019

Prático e cheio de funcionalidades, o app do Gmail é uma aplicação moderna e de fácil entendimento, mas a Google está planejando uma remodelação em seu visual. Em 2014 houve a estreia de seu Material Design e agora a Google está atualizando suas aplicações e serviços aos poucos para o Material Theme, chegando a vez do seu app de e-mails.

app-gmail-redsin-material-theme

O Gmail já havia ganhando uma versão “Material Theme” e receberá um redesign nos mesmos moldes com alterações em cores e ícones. Por exemplo o botão redondo vermelho para compor um novo e-mail é substituído por um branco, também redondo e com um “+” colorido, seguindo o padrão de outras aplicações da família Google e sua própria versão web.

app-gmail-redsin-material-theme-antes-depois

Outras mudanças, como a retirada da barra vermelha superior, opção de visualizar ou não os avatares dos contatos, tornam a experiência do aplicativo mais “clean”. Sua versão web possui funções que o Gmail para smartphones não possui, quem sabe novidades venham para o aplicativo.

app-gmail-redsin-material-theme-demonstrativo

A forma de visualizar as mensagens e anexos foram alteradas tornando tudo mais rápido, incluindo no procedimento de alternar entre contas, dando uma dinâmica maior em tais processos. 

A novidade deve chegar nas próximas semanas para os sistemas Android e iOS, primeiro para alguns usuários e depois será disponibilizada para todos.

E você curtiu o novo visual do app do Gmail? Eu gosto mais de algo “dark”, um modo assim seria interessante, não acha? Deixe nos comentários sua opinião.

Até o próximo post, SISTEMATICAMENTE! 😎

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Navegador Vilvadi inaugura serviço de e-mail

Nenhum comentário

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

O Vivadi Browser agora também tem um serviço de e-mail personalizado para os usuários, se você está procurando um novo serviço, ele pode ser uma boa alternativa.

Vivaldi Mail Service




Os desenvolvedores do Vivaldi Browser, que nós já tivemos o prazer de gravar uma entrevista em vídeo, estão disponibilizando para o público um serviço de e-mail muito interessante. Com um visual limpo e de fácil entendimento ele pode ser o que você  está procurando em termos de serviços de e-mail.

Vivaldi Mail


Eu não sei quais são as limitações dele em termos de armazenamento ou espaço, essas informações não foram reveladas, mas se você ficou curioso para ver a ferramenta em funcionamento, basta criar uma conta aqui.

Confira também o nosso review do navegador Vivaldi:



Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




WMail - Um gerenciador de e-mails para Gmail e Inbox para Linux

Nenhum comentário

sexta-feira, 30 de setembro de 2016

Se você está procurando uma forma eficiente de ler os seus e-mails do Gmail ou do Inbox da Google em um lugar só vai ficar muito fácil com o WMail.

WMail Linux




O WMail, como o nome sugere, é um aplicativo Web que permite a leitura de e-mails dos serviços da Google de uma forma muito organizada, ele é ideal para quem tem muitas contas de e-mail de Gmail ou Inbox e fica tendo que abrir várias abas no browser para visualizar todas, pode ser um programa muito interessante para agilizar a sua produtividade.

Como baixar o WMail para o seu computador


O WMail possui versões para Linux, Windows e Mac, e para você baixar basta clicar no botão abaixo e escolher a opção adequada para o seu sistema.
Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.





Cliente de E-mail para Linux Geary recebe atualização, veja como instalar no Ubuntu

Nenhum comentário

segunda-feira, 16 de maio de 2016

O Geary é um gerenciador de e-mail muito bonito, é uma alternativa ao Thunderbird para quem precisa de algo mais simples, porém ele havia sido "aposentado" em Fevereiro, tanto que o pessoal do elementary OS que usava ele como padrão começou a desenvolver o seu próprio. Agora ele está de volta e você pode voltar a utilizá-lo.

Geary Mail Ubuntu 16.04 LTS Xenial Xerus


Desde que exista alguém interessado e continuar com o projeto, software de código aberto dificilmente morre e é justamente este o caso do Geary. A empresa que o mantinha decidiu abandonar o projeto e um novo desenvolvedor tomou o seu lugar, agora é possível instalá-lo novamente com algumas melhorias no seu Ubuntu ou derivado, para outras distribuições consulte os repositórios da mesma.

Você encontra o novo perfil do Geary no Launchpad aqui.

Como instalar o Geary Mail no Ubuntu 16.04 LTS Xenial?


É muito simples, você só precisa adicionar este repositório: ppa:geary-team/releases

Para fazer isso, abra o menu do Ubuntu, digite "Programas e atualizações" e na aba "Outros Programas" adicione o repositório.

Adicionando PPA Geary Mail

Depois disso, ao clicar em "Fechar" será pedido para recarregar a lista de softwares, caso não aconteça, use o programa "Atualizador de Programas" que você encontra no menu para isso.

Agora você conseguirá instalar a aplicação através da Ubuntu Software, basta clicar no botão abaixo:

Para quem preferir fazer a instalação pelo terminal...


Obviamente também é possível fazer a instalação via terminal, basta usar os seguintes comandos:
sudo add-apt-repository ppa:geary-team/releases -y 
sudo apt-get update && sudo apt-get install geary
Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Geary Mail foi aposentado,conheça agora o Pantheon Mail, o seu substituto oficial

Nenhum comentário

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Os desenvolvedores do elementary OS estão desenvolvendo um fork do Geary, o gerenciador de e-mails que acompanhou o sistema até o lançamento atual.

Pantheon Mail




A diferença básica do Geary para o Pantheon Mail será a integração com o sistema operacional, o elementary OS 0.4 Loki será baseado no Ubuntu 16.04 LTS e deverá ter uma aprimoramento em seu acabamento visual ainda mais refinado do que a versão atual.

Geary era mantido pelo grupo Yorba que deixou de dar suporte para ele e o abandonou a quase um ano, agora seu fork faz parte do ecossistema de aplicativos do elementary OS. Você pode ficar por dentro do desenvolvimento do Pantheon Mail através de sua página no Launchpad.

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Dekko - Conheça o novo cliente de e-mail do Ubuntu

Nenhum comentário

quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

Com a adoção do Unity 8 no Ubuntu como interface padrão muitas coisas deverão mudar, incluindo alguns programas que são padrão do sistema há muitos anos. Um deles é o cliente de e-mail, a Canonical vem desenvolvendo uma aplicação própria que integra-se perfeitamente com o sistema chamada Dekko.

Dekko - cliente de e-mail do Ubuntu

O Cliente de e-mail tem as mesmas capacidades de comunicação com protocolos que o Thunderbird tem atualmente, porém é um software menos completo, em contrapartida ele possui um visual completamente convergente que adapta-se ao dispositivo em que está rodando, como podemos ver no vídeo abaixo uma demonstração do Ubuntu Touch ligado a um teclado e mouse, juntamente com um monitor, para demonstrar as possibilidades na convergência.


No vídeo é o mostrado o funcionamento do Dekko, confira:


As informações vem diretamente da página do desenvolvedores do Dekko no Google Plus, o vídeo foi feito por Daniel Wood, que também é resposável pelo desenvolvimento da aplicação.
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Nylas N1 - Um novo cliente de e-mail open source para Linux

Nenhum comentário

segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

Quem está procurando uma alternativa para o Outlook, Thunderbird ou um similar pode encontrar o que procura no Nylas N1.

Nylas N1 cliente de e-mail open source

Para quem procura uma alternativa para cliente de e-mails aqui vai uma boa dica. O Nylas N1 é um projeto open source que junta o melhor de um cliente de e-mail tradicional com os famoso webmails. 

Como você pode ver na imagem abaixo, a aparência dele é semelhante ao design empregado em versões mais antigas do Mac OSX.

Nylas N1

Quando você utiliza um webmail (como o Gmail na imagem acima) a interface adapta o serviço online à interface no Nylas, o que garante as funcionalidades que o webmail já tem, além de dar um visual mais moderno a ele. Ele tem suporte aos seguintes clientes de e-mail e protocolos:

Nylas N1


Você encontra o Nylas N1 disponível para download gratuito diretamente em seu site oficial em versões .DEB (Debian, Ubuntu e derivados) e .RPM (openSUSE, Fedora e derivados), basta clicar no botão abaixo para acessar a página de download.
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Lightning: Integre uma agenda e um calendário no Thunderbird

Nenhum comentário

segunda-feira, 7 de abril de 2014

Veja como deixar o o Thunderbird ainda mais completo com uma agenda e um calendário

Uma das coisas que faz alguns usuários pensarem duas vezes ao tentarem migrar de um gerenciador de e-mails como o Outlook da Microsoft para uma alternativa aberta e gratuita como o Thunderbird é a falta de alguns recursos, dentre eles talvez o mais notável é que o Outlook mais do que um gerenciador de e-mail é uma agenda eletrônica também, com calendário para que você possar marcar os seus compromissos.

Thunderbird com agenda e calendário


O que poucos sabem é que  Thunderbird, desenvolvido pela Mozilla, tem recursos semelhentes aos do Mozilla Firefox permitindo a instalação de extensões.

Lightning, os recursos que faltavam

Para termos uma agenda e um calendário completo dentro do nosso Thunderbird precisamos apenas adicionar uma extensão chamada Lightning, essa extensão inclui essas novas funcionalidades ao programa.

Como fazer

Abra o seu Thunderbird e vá até o menu Ferramentas e clique em Complementos, na aba Adicionar no campo de busca procure por Lightning ou por Calendar.

Thunderbird-add-on

Uma vez que você tenha encontrado a extensão basta clicar em Instalar, aguardar a instalação e reiniciar o Thunderbird.

Agora no canto superior direito do programa haverão dois ícones, um representando o calendário e o outro a agenda.

Extensões para o Thunderbird

Cada um deles deve abrir em uma nova aba para facilitar a sua vida, agora é só aproveitar.

Calendário e Agenda no Thunderbird

Até a próxima não esqueça de compartilhar! =)

Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

Geary E-mail recebe atualização - instale agora

Nenhum comentário

terça-feira, 12 de novembro de 2013

Instale a nova versão do gerenciador de E-mails Geary

O Geary Mail é um software de gerenciamento de contas de E-mail que suporta todos os principais serviços do mercado, ele é o gerenciador de e-mails padrão do Elementary OS e pode ser instalado facilmente no Ubuntu e seus derivados como o Linux Mint.

Geary Mail

Dentro os bugs corrigidos desta versão estão os erros de começão SMTP e melhorias nas traduções, dentre outros.

Para instalar a ultima versão do Geary Mail use o seu terminal:

sudo add-apt-repository ppa:yorba/ppa
sudo apt-get update
sudo apt-get install geary
Até a próxima!

Compartilhe para mostrar aos seus amigos



Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo