Diolinux - O modo Linux e Open Source de ver o Mundo

Responsive Ad Slot

Mostrando postagens com marcador extensões. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador extensões. Mostrar todas as postagens

Google mais rígida com as regras para extensões do Chrome

Nenhum comentário

terça-feira, 30 de julho de 2019

A poderosa Google, por meio do Projeto Strobe, vem revisando o acesso de desenvolvedores e suas extensões de terceiros a dados pessoais. No mês de Maio, medidas contra táticas de instalação fraudulentas foram anunciadas, e tais políticas entrariam em vigor em Outubro.

google-chrome-extensão-regras-segurança

Na terça, dia 23 de Julho, foram anunciadas duas novas políticas da Chrome Web Store. Os desenvolvedores que quiserem manter suas extensões na loja da Google, necessariamente terão que se enquadrar nas novas diretrizes até o final do ano. Por exemplo, no passado os desenvolvedores apenas eram incentivados a solicitar a menor quantidade de acesso de dados para suas extensões. Com a nova regra, todas as extensões de terceiros serão obrigadas a utilizar o mínimo desse acesso de dados. A medida visa combater extensões abusivas que capturam dados demasiados com outras finalidades. Outro aspecto é que extensões de terceiros ao utilizarem dados com foco em comunicações pessoais e conteúdo fornecido pelo usuário, devem publicar políticas de privacidade. Anteriormente apenas os complementos do Chrome que manipulam esses tipos de dados cumpria tal regra.

“É claro que as extensões devem continuar a ser transparentes na forma como lidam com os dados do usuário, divulgando a coleta, o uso e o compartilhamento desses dados.”, diz a postagem sobre as novas políticas. 

Informações com a data para regularização das extensões de terceiros também foram estipuladas.

“Depois de 15 de outubro de 2019, os itens que violarem essas atualizações da política de dados do usuário serão removidos ou rejeitados do Web Store e deverão se tornar compatíveis para serem restabelecidos. Continuaremos a tomar medidas sobre violações da Política de dados do usuário em sua forma atual”.

A Google também forneceu algumas diretrizes aos desenvolvedores que auditam suas extensões em seu navegador. Para mais detalhes acesse o comunicado oficial no blog do Chromium

Se você pretende desenvolver alguma extensão para o Google Chrome, talvez seja interessante a leitura de alguns requisitos exigidos pela empresa, segue o link.

Participe de nossa comunidade e fique por dentro das novidades.

Até o próximo post, SISTEMATICAMENTE! 😎

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.

Personalize o visual do Ubuntu com a extensão Dash to Panel

Nenhum comentário

sexta-feira, 26 de julho de 2019

Muitos usuários não conseguem se adaptar a lógica de funcionamento do Ubuntu ou Gnome-Shell, com sua barra lateral e outros pormenores. Os anos de utilização de ambientes gráficos que possuem um “estilo Windows/KDE Plasma” tornam ainda mais dificultoso algo “fora desse padrão”.

extension-extensão-gnome-shell-barra-tarefas-windows-kde-cinnamon-dash-to-panel-ubuntu-fedora

O Gnome-Shell não é conhecido por possuir um funcionamento que lembre um Windows da vida, pelo contrário, existe uma disparidade de conceitos. Obviamente, que não há mal nenhum nisso. No entanto, alguns usuários preferem algo que estão acostumados, e na maioria das vezes esse costume é vindouro da utilização do Windows. Curiosamente algumas pessoas preferem uma distribuição Linux que tenha um visual completamente diferente, enquanto, outras querem a comodidade de usar algo parecido. Se você está entre esse grupo e deseja utilizar mesmo assim o Gnome-Shell, a dica de hoje é valiosíssima.

Dash to Panel, modificando o comportamento padrão do Ubuntu/Gnome-Shell


A famosa barra de tarefas pode estar presente no Ubuntu, basta adicionar essa extensão. Com um visual mais tradicional, o sistema se torna extremamente familiar. Combinando com outros elementos, o ambiente se transforma praticamente em outro. Por exemplo, ao combinar com a extensão Arc-Menu, um menu iniciar estilo Windows 7, o GNOME sofre uma verdadeira metamorfose. 

extension-extensão-gnome-shell-barra-tarefas-windows-kde-cinnamon-dash-to-panel-ubuntu-fedora

Para instalar extensões no Gnome-Shell (interface do Ubuntu) é muito simples, temos esse tutorial demonstrando todo a passo-passo. Você pode pesquisar diretamente na Loja do Ubuntu por “Dash to Panel”, ou até mesmo no Fedora ou outro sistema operacional que utilize o Gnome-Shell, e tenha a Gnome Software instalada.

extension-extensão-gnome-shell-barra-tarefas-windows-kde-cinnamon-dash-to-panel-ubuntu-fedora-install-gnome-software-loja

A extensão pode ser configurada diretamente na Loja, no botão “Configurações de extensão”, conforme a imagem acima. Outra possibilidade é ir à categoria “Complementos” na página inicial da loja, em seguida na aba “Extensões de shell” e clicar em “Configurações de extensão”. 

extension-extensão-gnome-shell-barra-tarefas-windows-kde-cinnamon-dash-to-panel-ubuntu-fedora-install-gnome-software-loja

Ao identificar a extensão que quer configurar, clique no símbolo de engrenagem e uma caixa de diálogo com muitas opções aparecerão.

extension-extensão-gnome-shell-barra-tarefas-windows-kde-cinnamon-dash-to-panel-ubuntu-fedora-install-gnome-software-loja

Existe outro software, que inclusive utilizo, chamado GNOME Tweaks (Ajustes). Caso tenha interesse, essa postagem aborda essa ótima ferramenta. O gerenciamento das extensões pode ser feito por meio dele também.

Ao abrir as configurações da extensão Dash to Panel, diversas opções poderão ser customizadas, como: cor do panel, transparência, tamanho dos elementos, indicadores, comportamento, modos de visualização e muito mais.

extension-extensão-gnome-shell-barra-tarefas-windows-kde-cinnamon-dash-to-panel-ubuntu-fedora-install-gnome-software-loja

Algo interessante é poder exportar e importar configurações, poupando muito tempo a cada nova formatação. Essa opção encontra-se na aba “Sobre”, aliás, caso queira utilizar a minha configuração, baixe por este link o arquivo e importe.

extension-extensão-gnome-shell-barra-tarefas-windows-kde-cinnamon-dash-to-panel-ubuntu-fedora-install-gnome-software-loja

Lembrando que ao ativar a Dash to Panel, automaticamente a Dock do Ubuntu será desativada. Mas não se preocupe, caso desative a extensão a Dock do Ubuntu é reativada novamente. Veja mais funcionalidades diretamente do Github do projeto.

Espero que a dica seja útil para você, gosto muito dessa extensão e sempre mesclo entre seu comportamento e o padrão do Ubuntu.

Faça parte de nosso fórum Diolinux Plus, o pessoal gosta muito de personalizar o sistema, quem sabe você acabe descobrindo coisas novas.

Até o próximo post, SISTEMATICAMENTE! 😎
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


"Arrastar e Soltar" apps para pastas, pode estar chegando ao Gnome-Shell

Nenhum comentário

terça-feira, 2 de julho de 2019

O Gnome-Shell não é conhecido por embarcar incontáveis recursos em seu ambiente, essa fama fica com o Plasma do KDE, muitas vezes sua simplicidade demasiada pode não agradar todo tipo de usuário. Seu menu de aplicativos é composto por uma grade de apps, e alguns estão em pastas, porém, o usuário não tem a liberdade de criar novas pastas ou adicionar apps as existentes (ao menos não por padrão).

apps-pasta-folder-gnome-shell-extensão-linux-ubuntu

Parece bobagem dar foco a algo tão “trivial”. Afinal, são apenas pastas na grade de aplicativos. Por mais absurdo que isso pareça, o recurso é esperado há muito tempo. Será que agora vai? Aparentemente graças ao desenvolvedor brasileiro do GNOME, Georges Stavracas, o recurso “Arrastar e Soltar” de apps para pastas já existentes em outras interface, está chegando ao Gnome-Shell. Até o momento o que podemos ver no gitlab do Gnome são algumas funcionalidades planejadas, e outras “funcionando razoavelmente bem”. Veja logo abaixo uma demonstração, do canal baby WOGUE do recurso.


Arrastar e soltar apps em pastas


  • Mover aplicativos da grade para pastas (implementado);
  • Mover aplicativos de pastas para a grade de ícones (implementado);
  • Crie uma nova pasta ao passar o mouse no ícone de um aplicativo (em desenvolvimento).

Animações adicionadas


  • Escala nos ícones movidos para pastas (implementado);
  • Escala e ícone de posição ao passar o mouse (em desenvolvimento).

Infelizmente não é possível criar as pastas nativamente, apenas mover os apps. Provavelmente o recurso chegará ao Gnome-Shell 3.34 de forma oficial. 

Extensão para os “apressadinhos” (utilizo há tempos) 


O recurso ainda não chegou oficialmente ao Gnome-Shell, na real ele “até existe”, mas está bem “escondidinho” e nativamente ainda é bem complicado utilizá-lo. Como no Gnome-Shell as extensões podem “quebrar aquele galho” e caso você queira utilizar essa função, pode instalar a extensão Appfoldes management extension.

apps-pasta-folder-gnome-shell-extensão-linux-ubuntu-apppfoldes-management-extension

Com ela você poderá criar pastas, adicionar e remover aplicativos de forma bem prática (como deveria ser por padrão 😉😉😉). Não sabe como adicionar extensões ao seu Gnome-Shell? Essa postagem é perfeita para você, um ótimo passo-a-passo.

Aprendi a gostar do GNOME, mas confesso que algumas opções seriam válidas. Compreendo a filosofia de minimalismo do projeto, no entanto, algumas coisas deveriam ser reavaliadas. Felizmente o Georges Stavracas vem fazendo um ótimo trabalho dentro da comunidade, e o GNOME aparenta estar mais aberto.

Participe de nossa comunidade, e fique por dentro de todas as novidades através do fórum Diolinux Plus.

Até o próximo post, SISTEMATICAMENTE!

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Extensão da Google oculta comentários tóxicos da internet

Nenhum comentário

quinta-feira, 21 de março de 2019

Na internet é comum vermos os famosos haters, que significa: “um ser mal amado, invejoso, que não tem mais nada de bom para fazer, que persegue e tece comentários tóxicos não agregando em nada” (😓😞😒), digamos que não seja esse o significado literal, mas creio que você entendeu a lógica da coisa, isso se é possível entender uma mente “tão evoluída”. Nos tempos atuais ficou cômodo apontar os defeitos, ou simplesmente distribuir ódio gratuitamente e convenhamos, atrás de uma tela todo hater é “machão”, mas Cara a Cara, é um singelo e delicado poodle. (😁😁😁)

google-chrome-tune-extensão-hater-comentário

Visando uma experiência de navegação mais saudável, a Google está desenvolvendo uma extensão para seu navegador Google Chrome, que permite ocultar certos tipos de comentários, com filtros moderados ou a invisibilidade completa deste tipo de conteúdo.

Também existe o modo oposto, que dá foco a esse tipo de mensagem, entretanto não é algo recomendável, aliás os haters são especialistas em destruir, e abster-se de tais coisas é o melhor a se fazer. 

O foco da extensão são nos 4 sites mais utilizados no mundo: Youtube, Twitter, Facebook e Reddit e o Disqus, a mesma plataforma centralizada de discussões que utilizamos nos comentários do blog Diolinux. Não ficou claro se a Google pretende estender essa funcionalidade à outros sites, ou até mesmo, possibilitar a integração de tal extensão com outros browsers (creio que seja algo exclusivo do Chrome, porém isso é apenas uma especulação).

Chamado de “Tune”, a extensão ainda é experimental e conta apenas com suporte ao idioma Inglês, ao instalar em um navegador em língua portuguesa, o mesmo identifica todos os comentários como ofensivos, ocultando-os.

google-chrome-tune-extensão-hater-ocultar-comentário-toxico-youtube-facebook-twitter-reddit-disqus

Uma iniciativa da Google Jigsaw, uma unidade da Alphabet que foca na tecnologia para um mundo melhor, o Tune é parte de uma pesquisa de inteligência artificial, que utiliza-se da API Perspective, que aprende com conversas humanas e depois de analisá-las, chega a um resultado melhor, com isso a inteligência artificial consegue criar filtros e estipular quais são os comentários impróprios, com base em seu aprendizado. 

Outro ponto interessante, é que o Tune não armazena nenhum dado do usuário. Com seus modos de “proteção”, pode acabar se tornando um ótimo aliado para o uso de tais redes sociais por crianças, ou quem não quer perder tempo com comentários tóxicos.

Particularmente vejo com bons olhos iniciativas como essas, porém uma discussão que pode entrar em tópico é referente a liberdade de expressão de quem faz tais comentários, no entanto, perceba que os comentários permanecerão, a extensão apenas possibilita a não visualização deles, e se o tópico é liberdade, convenhamos que os usuários também têm o direito (à liberdade) de abster-se dos haters ou comentários inapropriados.

A internet é algo relativamente novo, e parece que a humanidade ainda não aprendeu a lidar com o mundo virtual, ética e respeito nem sempre permeiam os mares da web. 

E você o que achou disso tudo? Usaria a extensão quando a mesma estivesse pronta?

Continue a discussão sobre essa nova extensão do Google no nosso fórum Diolinux Plus, até a próxima postagem, e compartilhe o blog Diolinux, SISTEMATICAMENTE! 😎

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Economize internet com a extensão Bandwidth Hero

Nenhum comentário

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2019

Nem todas as regiões do Brasil possuem conexão de internet com alta velocidade, e às vezes é comum a adesão em alguma banda larga 4G LTE, e nestes casos economizar o limite de tráfego de banda de internet é algo super importante, pois caso o limite da franquia seja alcançada, a internet pode diminuir drasticamente sua velocidade, ou até mesmo ficar temporariamente indisponível.

extensão-bandwidth-hero-economizar-internet-firefox-google-chrome

É aí que o Bandwidth Hero (“Herói da Banda Larga”) entra em ação, com essa extensão de código aberto e disponível para Google Chrome e Firefox, o fluxo dos dados podem diminuir, economizando sua franquia de internet

Seu funcionamento é bem simples, comprimindo as imagens dos sites que são acessados pelo usuário nos formatos WebP e JPEG. Ao navegar na web o Bandwidth Hero endereça as imagens dos sites visitados para seu servidor proxy, que compacta cada uma e envia em baixa resolução diretamente para você, essa técnica visa diminuir a qualidade da imagem e evitar o máximo do uso da sua banda larga, uma maneira interessante para quem sofre com essas limitações de internet.

funcionamento-extensão-bandwidth-hero-economizar-internet-firefox-google-chrome

Comprimindo as imagens em até 50 - 70% de seus tamanhos originais, no entanto, em alguns casos sua compressão é tão agressiva que imagens podem ficar em preto e branco, entre outras coisas, mas com as diversas configurações da extensão você pode resolver tais problemas facilmente, apenas desabilitando alguns recursos.

Outro ponto a ser observado é que o proxy não garante seu anonimato, ele faz o download de imagens em nome do usuário, passando os cookies e o endereço IP para o host de origem. 

Configurando o Bandwidth Hero no seu navegador


O serviço de proxy do Bandwidth Hero faz uso do Node.js, então vamos instalá-lo em nosso sistema (Ubuntu, Linux Mint e derivados):

sudo apt install nodejs

sudo apt install build-essential

Você pode utilizar a interface gráfica, caso não queira usar o terminal, basta fazer todo procedimento via Synaptic, pesquise e instale os pacotes: “node.js” e “build-essential”, aprenda a utilizar o Gerenciador de pacotes Synaptic, com esse vídeo super especial.

instalar-node.js-ubuntu-synaptic

Por se tratar de uma aplicação em Node.js, devemos hospedá-lo para correto funcionamento do servidor proxy, no entanto acalme-se, iremos usar o serviço gratuito Heroku (mesmo possuindo planos pagos, utilizaremos o free).

Efetue seu cadastro normalmente no serviço, e na opção “Primary development language”, selecione “Node.js”. Um link de confirmação será enviado para seu email.

hospedar-node.js-heroku-app

Configure sua senha de acesso ao Heroku, e acesse o serviço.

senha-heroku-cadastro-free-app-node

Adicione a extensão, conforme seu navegador:

Google Chrome

 Baixe a extensão para Google Chrome

Mozilla Firefox

 Baixe a extensão para Mozilla Firefox

Em seu navegador na parte superior direita irá aparecer o ícone do Bandwith Hero, clique nele, um pequeno pop-up surgirá, clique na opção “Compressions settings”, logo após em “Configure data compression service”, abrindo assim a janela de configuração.

config-extensão-bandwidth-hero-economizar-internet-firefox-google-chrome

Clique na opção “Heroku”, aparecerá um botão de nome “Deploy to Heroku”, clique nele e ao ser redirecionado para página do Heroku, efetue o login.

extensão-bandwidth-hero-economizar-internet-firefox-google-chrome

Configure seu app Node.js, preenchendo todos os campos, em “App name” tente uma combinação até ter um nome disponível, em “Choose a region” escolha “United States”, logo abaixo crie um LOGIN e PASSWORD para aplicação, ao finalizar clique em “Deploy app” e aguarde a conclusão do processo (pode demorar uns minutinhos).

extensão-bandwidth-hero-economizar-internet-firefox-google-chrome

Ao finalizar a compilação do app, aparecerá dois botões no final da página, clique em “View”, um pop-up solicitando LOGIN e PASSWORD aparecerá, digite ambos que acabou de criar.

deploy-app-heroku-nodejs

Uma nova página se abrirá, copie a URL.

url-node.js-heroku-app

Cole a URL no campo “Data Compression Service” na página de configuração do Bandwidth Hero, aquela que abrimos anteriormente após instalar a extensão.

extensão-bandwidth-hero-economizar-internet-firefox-google-chrome

Por fim veja a mágica acontecer, e a quantidade de MBs que serão “salvos” na sua franquia de internet. Por exemplo, aqui no blog Diolinux passamos a utilizar o formato Webp (indicado para imagens na web), e mesmo assim o Bandwidth Hero, comprimiu e conseguiu economizar 78% no resultado final .

resultado-compressão-imagens-extensão-bandwidth-hero-economizar-internet-firefox-google-chrome

Com essa extensão muitos poderão se beneficiar e prolongar sua franquia, seja ela 4G, ou como já fiz há alguns anos atrás, uma internet 3G por meio de um adaptador USB (Época que não tinha internet cabeada, recorrendo a boa e velha gambiarra com o 3G do meu celular  😂😂😂).

Gostou da dica? Deixe nos comentários se já conhecia essa solução.

Te espero como sempre, aqui no blog Diolinux, SISTEMATICAMENTE! 😎

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Gerencie as pastas na Dash do GNOME Shell facilmente com a extensão AppFolders Manager

Nenhum comentário

terça-feira, 31 de outubro de 2017

Esta é uma das características do GNOME Shell que deveria receber um upgrade em versões futuras, pelo menos na minha opinião. Os aplicativos dispostos no Menu/Dash do GNOME Shell lembram muito a visualização comum de sistemas de Smartphones, como o Android, contudo, o funcionamento é contra intuitivo. Eu já vi várias pessoas tentando arrastar um ícone de App sobre o outro para tentar criar pastas agrupadas de aplicativos, coisa que não funciona no GNOME Shell.

Gnome Shell AppFolder Manager





Apesar de não trazer a funcionalidade ideal, de simplesmente arrastar e soltar, esta extensão ajuda a solucionar o problema, permitindo que você organize os seus Apps de uma forma mais simples, bastando clicar com o botão direito sobre os ícones e categorias, para criar categorias próprias, excluir as existentes, adicionar novos apps a estas pastas, etc.

Configurações de categorias no GNOME Shell

Para passar a utilizar o recurso, basta adicionar a extensão Appfolders Manager, basta ter o GNOME Tweak Tool instalado para ter mais opções de configuração, assim que você ativar a extensão através do site, automaticamente ela já entra em funcionamento.

Aproveite para organizar os seus aplicativos, quem sabe no futuro não vamos precisar desse tipo de coisa.

Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Minhas 7 extensões favoritas para o GNOME Shell

Nenhum comentário

segunda-feira, 17 de julho de 2017

É como diz o ditado: "GNOME sem extensões é igual a Branca de Neve sem os 7 anões", simplesmente não é a mesma coisa. Brincadeiras à parte, de fato as extensões do GNOME são praticamente essenciais para melhorar a produtividade da interface, é claro que a necessidade de uma ou outra extensão vai variar de acordo com o seu gosto pessoal e principalmente, vai variar de acordo com a forma com que você gosta de interagir com a interface. Hoje eu vou te mostrar as minhas 7 extensões preferidas.

Top 7 GNOME Shell Extensions




Você pode entender as extensões do GNOME Shell da mesma forma que você entende as extensões do seu navegador. Elas servem para estender as funções nativas do ambiente gráfico, mudar o seu comportamento, adicionar recursos e até remover em alguns casos.

As extensões do GNOME não são exclusivas de uma distribuição Linux em específico, elas funcionam em todas as que usam a interface, então essas dicas vão servir para você, independente do sistema.

Confira também:



* Vale a pena conferir os dois vídeos, assim você vai aprender muito mais sobre a customização do GNOME.

Como adicionar extensões no GNOME Shell


O projeto GNOME possui um site: extensions.gnome.orgonde você pode baixar todas as extensões para o seu sistema. Para instalar uma extensão à partir do site, basta deslizar o interruptor de ON/OFF que existe em cada uma delas e aceitar a instalação.

Instalando extensões no GNOME

Depois de instaladas as extensões, você pode manusear elas através de uma aplicação chamada "GNOME Tweak Tool", que serve para muitas outras coisas também quando o assunto é "customização do GNOME Shell".

Normalmente as distros trazem essa ferramenta já instalada por padrão, em português a ferramenta recebe o nome de "Ferramenta de ajustes", porém, caso não esteja instalado, você encontra ela facilmente na central de aplicativos, o GNOME Software.

Gnome Tweak Tool

Uma vez instalado você encontra o "GNOME Tweak Tool" no menu do sistema, dentro dela há uma sessão onde você pode ativar, desativar e remover extensões.

Agora vamos a lista com as minhas 7 extensões favoritas!


Eu preparei um vídeo bacana para você conhecer as extensões que eu mais gosto, cada uma tem suas particularidades e funcionalidades, confira e não esqueça de conhecer o canal, caso ainda não conheça, o botão de se inscrever está logo abaixo:



Dica: Para acessar o site e baixar a extensão para o seu GNOME Shell basta clicar no nome delas.


Essa extensão cria um pequeno ícone da barra superior do GNOME Shell que te permite acessar de forma mais rápida  pastas específicas do sistema, o que garante uma maior produtividade no seu dia a dia, evitando a necessidade de abrir o Nautilus (gestor de arquivos) para isso.

Places Status Indicator




Acho esta essencial. Eu simplesmente não consigo usar uma área de notificações ou tray escondida da forma padrão do GNOME. Essa extensão coloca a área de notificações e indicadores no local tradicional.

Topicons Plus




A barra de favoritos do GNOME, também conhecida como Dash, não é nada mais do que contraprodutiva em sua forma original, eu preciso de uma dock mais funcional, que esteja ali mesmo quando eu não quero ver as atividades. Esta é uma das extensões mais baixadas e melhor avaliadas do site de extensões do GNOME, então acredito que muitos compartilham da minha opinião.

Dash to Dock Gnome Shell



Esta é uma extensão realmente simples, ela coloca um ícone de lixeira na barra superior do GNOME Shell, facilitando o acesso a exclusão e recuperação de arquivos.

GNOME Trash



Essa talvez não seja para todo mundo, mas todos que precisam lidar com mais de uma saída ou entrada de áudio acabam tendo um certo trabalho no GNOME, sem essa extensão você precisa ir até o app de configuração e  mudar as entradas por lá, com a extensão fica bem mais prático.

Sound Device Chooser Gnome



Essa é outra herança do Unity do meu GNOME, com esta extensão você consegue abrir os dispositivos removíveis de forma muito acessível sem precisar ir até o gerenciador de arquivos.

Removable Drive Menu


A extensão Pixel Saver é extremamente útil para quem tem uma tela pequena, eu por exemplo acho essencial para usar no meu Lenovo Yoga de 12 polegadas, em telas assim, qualquer pixel a mais é uma grande vantagem. O Pixel Saver elimina a barra de título das janelas no GNOME Shell em algumas aplicações onde ela é desnecessária, como no Firefox.

Pixel Saver
Repare na quantidade de espaço vertical que ganhamos


------
Estas são as extensões para o GNOME Shell que eu mais gosto, mas o artigo não acaba por aqui, agora é a sua vez! Deixe nos comentários a sua opinião sobre a minha lista e acrescente as que você mais gosta e não fazem parte dela, até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Desenvolvedores revelam quais extensões devem acompanhar Ubuntu com GNOME

Nenhum comentário

terça-feira, 13 de junho de 2017

Mais uma notícia bacana para quem está acompanhando o desenvolvimento do novo Ubuntu conosco, como a versão 17.10 que sai em Outubro será a primeira a trazer o GNOME Shell como interface padrão, existem ainda algumas dúvidas sobre como será "o GNOME do Ubuntu", agora temos mais alguns indicativos.

Ubuntu Gnome Extensions




O site de Insights do Ubuntu liberou o resultado da enquete onde a comunidade de usuários votou sobre as extensões que gostariam que viessem no sistema por padrão. A enquete foi feita em parceria com o site "OMG!Ubuntu" e relevou algumas das preferências gerais dos usuários.

Com mais de 18 mil respostas, os desenvolvedores comentaram que agora sabem, além das preferências dos usuários, algumas tendências de comportamento da interface e que estão trabalhando com os desenvolvedores do GNOME Shell para que futuramente certas funcionalidades sejam incorporadas ao Shell nativo.

Extensões GNOME no Ubuntu

Acima você vê o resultado da enquete com as principais extensões votadas, interprete o gráfico da seguinte forma: Os usuários deveriam marcar de 1 a 5 o quanto a extensão seria útil para o Ubuntu, sendo que 1 seria pouco útil, e 5, muito útil.

Extensões como o "Dash to Dock" mostraram-se muito requeridas, os desenvolvedores comentaram que a grande popularidade dessa extensão também mostra o quanto os usuários gostam de uma barra que mostre os aplicativos ao lado, semelhante ao Unity.

Outro dado que foi obtido através da enquete determina de que lado da janela os botões de controle (minimizar, maximizar, fechar) devem ficar, por uma diferença não tão grande (53,8% a 46,2%), venceu o lado direito.

Os desenvolvedores comentaram que agora, com todos esses dados, eles poderão discutir juntamente com a equipe de design do GNOME quais serão as modificações a implementadas, o que nos sugere também um possível novo tema para o GNOME Shell no Ubuntu, o que faria muito sentido para dar uma personalidade específica para o ambiente no sistema da Canonical, assim como outras distros que usam GNOME Shell costumam fazer, pode ser uma boa oportunidade para mudar o visual dos ícones do sistema, que já estão há muito defasados, ainda que eu não ache eles necessariamente "feios".

Fazia um certo tempo que eu não via a Canonical ouvir de forma tão direta os seus usuários, não posso achar isso ruim, pois me pareceu que nos últimos anos essa abertura fora muito menor, vamos ver como o futuro que se aproxima para a distro se desenvolve. Continue acompanhando o blog para saber as novidades.

Se você gosta de enquetes, eu gostaria de te convidar a responder esta aqui, queremos conhecer melhor o nosso público e fizemos algumas perguntas que depois farão parte de um vídeo no canal, onde vamos apresentar os dados comparados com os que colhemos no ano passado.

Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Pipelight é descontinuado e desenvolvedor recomenda remoção do computador

Nenhum comentário

sexta-feira, 5 de maio de 2017

O projeto Pipelight está sendo descontinuado, segundo as informações do criador, Michael Müller, por falta de tempo e necessidade, ele vai encerrar as suas atividades. 

Pipelight é descontinuado


Segundo o anúncio no site oficial, o Pipelight não vai simplesmente ficar indisponível, como todo bom software open source, ele ainda disponibiliza o seu código fonte no site Bitbucket, entretanto, não haverão mais atualizações de segurança para ele, o desenvolvedor recomenda que, se possível, os usuários removam ele do computador.

O projeto Pipelight teve início em 2013 com a ideia de trazer suporte para serviços de Streaming, como a Netflix (na época) para o Linux, já que estes serviços utilizavam os plugins NPAPI Silverlight para disponibilizar o conteúdo, com o tempo, o Pipelight além de dar suporte para o Silverlight no Linux, deu suporte também para o Adobe Flash de Windows e para o UnityWeb Player, também de Windows, todos rodando sob implementações do Wine Staging.

Em 2015, a Google encerrou o suporte para plugins NPAPI no Chrome (o navegador Chromium também, juntamente com os derivados do projeto encerram o suporte), o que acabou forçando as empresas a criarem novas formas de disponibilizar conteúdo que ficassem independentes de plugins, fazendo com que o principal uso do Pipelight fosse direcionado ao Firefox. Em alguns meses o Firefox também irá deixar de suportar este tipo de plugin, então o Pipelight ficará obsoleto e dependeria de muitas "gambiarras" para funcionar.

Diante deste cenário, onde, segundo Müller, "há mais código do que tempo para fazer", e também há menor necessidade, visto que a maior parte destes serviços já funciona no Linux diretamente do navegador, sem ser necessário adicionar funções, o Pipelight perde o seu sentido de existir, e por isso, está sendo descontinuado.
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Como sincronizar extensões do Gnome Shell entre vários computadores

Nenhum comentário

terça-feira, 2 de maio de 2017

Se você está utilizando o Gnome Shell, é quase certo que também faça usa de extensões para personalizar e melhorar a sua experiência de uso, dependendo de quanto você personalize o seu sistema, é bem provável também que a quantidade de extensões seja grande, então hoje você vai aprender a sincronizá-las, para não ter que ficar instalando uma por uma em uma nova instalação ou em outro computador.

Gnome Shell Extensions Sync




Assim como os navegadores possuem a função "Sync", existe uma forma de fazer o mesmo com as extensões do Gnome Shell. Faremos isso através do  Google Chrome e da extensão do Gnome que existe para ele, a mesma extensão de integração existe no Firefox, mas nele não temos a opção de sincronizar, pelo menos por enquanto.

Use o Google Chrome e baixe esta extensão, caso a integração não funcione corretamente, pode ser necessário instalar o pacote: chrome-gnome-shell

Com sorte não será necessário, sistemas que já vem com Gnome Shell "de fábrica" costumam trazer o pacote, no caso do Ubuntu, caso ele não esteja funcionando, basta rodar o comando:
sudo apt install chrome-gnome-shell
A extensão do Gnome para o seu Chrome também permite um fácil acesso, como se fosse um atalho, para o site extensions.gnome.org, entretanto, há mais coisas escondidas nele.

Integração com Gnome Shell Chrome

Clicando com o botão direito sobre o ícone da extensão no seu Chrome, você encontrará a opção "Opções", clique nela.

Opções do Gnome Shell Extension

Marque a opção de sincroniza e clique em "salvar", e é basicamente isso. Se quiser saber quais serão as extensões sincronizadas e se estão ativas ou não, clique no link "Sincronização" que fica logo acima.

Para que as extensões sincronizadas tenham efeito em um outro computador, você deve se logar com a sua conta Google no Chrome do seu sistema operacional novo com Gnome, assim como você faria para sincronizar as demais extensões do seu Chrome e as configurações do navegador.

Atente-se ao detalhe de que as extensões do Gnome não são sempre compatíveis entre as versões do Gnome Shell, então, dependendo das versões que você for utilizar, sincronizar as extensões entre elas não irá funcionar corretamente. Mas tomando que você vá utilizar o mesmo sistema em todas as estações, não deverão ocorrer problemas.

Teoricamente esta função de sincronia deve funcionar entre distribuições Linux diferentes também que utilizem o Gnome Shell, observando a questão da versão do Gnome que eu comentei agora pouco.

Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




KDE Plasma deverá receber integração com Google Chrome

Nenhum comentário

quinta-feira, 27 de abril de 2017

Um dos desenvolvedores da distribuição KaOS, uma distro independente que usa a interface KDE Plasma como padrão, anunciou uma integração do Plasma com o Chrome para um futuro próximo.

KDE Plasma - Integração com o Google Chrome


O Plasma deverá receber em breve uma integração com o Google Chrome que vai um pouco além da integração que o Gnome Shell tem, ainda que ela seja ativada de forma semelhante. O Gnome Shell tem uma extensão para o Chrome e para o Firefox que permite que você instale complementos à partir do site extensions.gnome.org, na versão do Google Chrome você pode inclusive sincronizar as extensões, assim como faz com qualquer outro App.

KDE Plasma com integração com o Chrome

A integração do Plasma com o Chrome será ainda mais profunda aparentemente, o complemento permitirá uma legítima interação nativa do navegador mais utilizado do mundo com o ambiente desktop do projeto KDE. Não temos muito mais além de imagens como está logo acima, mas tudo indica que a integração abrange o famoso KDE Connect, controle de mídia sendo reproduzida no Google Chrome através de plasmoids, notificações de downloads, pesquisa por conteúdos e abas do navegador através do KRunner, entre outros ainda não detalhados.

Usuários do KDE Plasma certamente ficarão satisfeitos, não é? :)

Até o momento eu pude colher a informação de que o pacote plasma-browser-extension, que seria o responsável por essa integração, está ainda sob construção e será liberado no GitHub em breve, ou seja, ainda não está disponível para o público, porém, mediante a aprovação, ele poderá ser integrado ao Desktop KDE Plasma padrão nas próximas versões.

Até a próxima!

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Extensão Diolinux para o Google Chrome e Firefox

Nenhum comentário

segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Receba notificações do Diolinux diretamente no seu browser

Sabemos que nesses dias corridos muitas vezes é complicado acompanhar sempre as notícias e novidades do mundo Linux, até porque são muitas e acontecem todo o santo dia.

Extensão Diolinux para o nosso Canal no Youtube


Pensando nisso criamos uma simples extensão para o Google Chrome e para o Firefox para facilitar a sua vida na hora de acompanhar o lançamento de novos vídeos no nosso canal.

Diolinux YouTube Notificator

Essa extensão que tem um nome bom o suficiente para fazer parte das organizações tabajara ( se você sabe o que é você é velho meu amigo!) vai lhe notificar toda a vez que postarmos um novo vídeo no canal, assim como vai permitir uma fácil navegação por todos os vídeos postados assim como pesquisar por ele diretamente da extensão.

Curtiu a ideia? Então instale agora mesmo no seu browser e espalhe a novidade!


Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

Nautilus PDF Tools

Nenhum comentário

quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Instalar este utilitário para manusear PDFs no Ubuntu

Hoje temos uma dica muito bacana para quem costuma trabalhar com arquivos em PDF, é uma pequena extensão chamada Nautilus PDF Tools que permitirá que você manipule esses arquivos de uma maneira muito prática através no menu de contexto do Nautilus, que é o gerenciador de arquivos padrão do Ubuntu.

PDF Tools para Nautilus

Para instalar no Ubuntu abra o terminal e cole os seguintes comandos:
sudo add-apt-repository ppa:atareao/nautilus-extensions 
sudo apt-get update 
sudo apt-get install nautilus-pdftools
Até a próxima!
Compartilhe para mostrar aos seus amigos



Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

O Menu do Elementary OS no Gnome-Shell

Nenhum comentário

segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Veja como instalar um menu cheio de funções no seu Gnome Shell

Você gostou do visual do Elementary OS, aquele mesmo que foi lançado semana passada, com um menu muito bem organizado e fácil de usar? E que usar uma menu semelhante no seu Gnome Shell?

Menu Elementary no Gnome Shell

Na verdade, este menu chama-se Dexi Applications Menu e é um extensão que pode ser instalada facilmente no seu Gnome Shell através do site oficial de extensões para Gnome.

Ele se parece muito mesmo com o menu do Elementary mas tem até mais recursos que o mesmo, como opções de favoritos e botões de energia.

Aproveite e até a próxima!

Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo