Diolinux - O modo Linux e Open Source de ver o Mundo

Responsive Ad Slot

Mostrando postagens com marcador lutris. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador lutris. Mostrar todas as postagens

Epic Games Store agora roda no Lutris, e projeto ganha convite do Tim Sweeney

Nenhum comentário

sexta-feira, 19 de abril de 2019

Quando falamos em jogos e Linux na mesma frase, isso causa um certo “rebu” nos comentários onde quer que seja, pode ser em redes sociais, blogs, sites e até no “boteco da esquina do Seu Linus”, mas parece que as coisas estão mudando e a famigerada frase “Linux não tem jogos” está cada vez mais com os “dias contados”. A próxima a ajudar isso pode ser a Epic Games.


Epic Games Store agora roda no Lutris, e projeto ganha convite do Tim Sweeney






Quando ela lançou a sua loja para vendas de jogos, fizemos um artigo abordando de forma mais completa e você pode conferir aqui, de forma resumida podemos pegar a declaração feita na época, que foi:

“Em breve lançaremos a Epic Games Store e vamos começar uma longa jornada para avançar na causa de todos os desenvolvedores. A loja será lançada com um conjunto de jogos, com uma curadoria manual para PC e Mac, depois será aberta de forma mais ampla para outros jogos e para o Android e outras plataformas abertas ao longo de 2019.”

Falando em plataformas abertas de jogos, o pessoal do Lutris estava desenvolvendo um script para a instalação da Epic Games Store, mas desde o lançamento da loja, o mesmo não funcionava de forma correta e assim ocasionando o famoso “pisca-pisca”, com,glitches na interface, quase impossibilitando a utilização, mas parece que isso terminou, ao menos por hora.

Em um anúncio do seu Twitter, o pessoal do Lutris anunciou que agora a loja da Epic Games estava funcionando sem mais esse “pisca-pisca” e que todos poderiam rodar os jogos de lá, tirando óbvio o Fortnite por causa do Easy Anti-Cheat que barra o Wine/Proton.

No tweet em questão, eles marcaram o “manda-chuva” da Epic GamesTim Sweeney, que já declarou algumas vezes que apoia o projeto Open Source, e para surpresa de muitos, ele respondeu ao tweet com um “Great work!” e logo em seguida, para mais surpresa ainda, ele recomenda que o pessoal do Lutris entre para o programa Epic MegaGrants, que de forma bem resumida, é um financiamento da Epic Games para projetos que utilizam a Unreal Engine 4 ou ferramentas de código aberto que aprimoram os recursos do mesmo para beneficiar a comunidade de gráficos 3D e jogos. 

A tread do Tweet você pode conferir abaixo:

Para muitos pode passar despercebido ou até mesmo nem ser muito importante, mas esse comentário vindo do “manda-chuva” da Epic pode sinalizar que eles estão de olho no “Mundo do Pinguim” e que em breve podem virem para ele, como aconteceu com a Stem em 2013 lançando o seu cliente para Linux. Então, para mim, é bem animador esse tipo de coisa e porque não pensar no Fortnite rodando no Linux nativamente em breve?

Este artigo não acaba aqui, continue trocando uma ideia lá  no nosso  fórum

Espero você até a próxima, um forte abraço.

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Gamehub, una várias plataformas em uma única biblioteca!

Nenhum comentário

segunda-feira, 11 de março de 2019

Os “gamers Linux” já estão familiarizados com as plataformas de jogos como Steam, itch.io e softwares que possibilitam a jogatina de games não nativos, a exemplos o PlayOnLinux e o Lutris, sem falar dos inúmeros emuladores. Pois bem, a aplicação GameHub tem uma proposta semelhante a do famoso Lutris, agregar seus diferentes jogos em um só lugar.

gamehub-steam-gog-humblebundle-retroarch-games-linux-ubuntu

Desenvolvido em GTK 3 e Vala, o GameHub pretende organizar a sua biblioteca de jogos, deixando todos (ou maior parte) em um único programa, como dito acima, o software lembra bastante o Lutris, com ele você poderá agregar games de diversas plataformas como: Steam, GoG, Humblebundle, emuladores pelo Retroarch e jogos via Wine e Proton.

gamehub-steam-gog-humblebundle-retroarch-games-linux-ubuntu

Opções de instalação do GameHub em seu sistema


Existem diversas maneiras de se obter o programa, tanto via deb, Snap, Flatpak e AppImage. Em meus testes particulares o arquivo baixado em “.deb” não se saiu muito bem, ocorrendo inúmeros erros, na qual alguns pesquisei e achei a solução e outros nem cheguei a procurar, pois pensei “Não vou indicar algo que dê tanto problema assim”, então descartei essa opção. 

Outro que não obtive sucesso foi sua versão em AppImage, que apresentou os mesmos problemas do “.deb”, já os com formatos Snap e Flatpak, não tive tantos bugs.

Tenha em mente que o GameHub é um software em desenvolvimento, e bugs são esperados..

Então fique a vontade para testar a versão em DEB, na página do Github da aplicação, existe todo passo a passo para instalar o PPA, outra possibilidade é baixar o AppImage, DEB ou Flatpak, porém focarei no Snap e Flatpak. E qual o melhor formato? Essa dúvida cruel respondemos em outro post, confira.

Instalando o GameHub via Snap


Caso não tenha o Snap configurado em sua distro, aprenda como proceder neste post que fizemos com todo carinho, se está utilizando o Ubuntu 18.04 em diante, o mesmo já vem habilitado.

Você pode instalar o GameHub via terminal com o comando:

sudo snap install gamehub-fenriswolf --edge

Removendo o GameHub via terminal:

sudo snap remove gamehub-fenriswolf

Se preferir fazer via interface, abra a loja do Ubuntu, pesquise por “gamehub-fenriswolf” e instale o software.

gamehub-steam-gog-humblebundle-retroarch-games-linux-ubuntu-snap-loja

Por ser um software em desenvolvimento erros podem ocorrer, por exemplo quando testei o mesmo alguns meses atrás, sua versão em snap não exibia o ícone no menu do sistema, e ao executá-lo via terminal, o app não iniciava.

Instalando o GameHub via Flatpak



Assim coma a opção em Snap, o GameHub em Flatpak pode ser instalado tanto via terminal ou pela loja, a escolha fica ao seu cargo.

Primeiro temos que baixar o arquivo “.flatpak”, porém tem uma ressalva, sempre verifique a versão e nome do arquivo, e adapte o comando. 

Por exemplo, a versão que efetuei os testes era a “0.13.1-31.dev” de nome “GameHub-bionic-0.13.1-31-dev-ac109bf.flatpak”, logo supondo que existe uma nova versão do app, você acrescentaria tais informações no comando depois de “wget https://github.com/tkashkin/GameHub/releases/download/”.

wget https://github.com/tkashkin/GameHub/releases/download/0.13.1-31-dev/GameHub-bionic-0.13.1-31-dev-ac109bf.flatpak

O download será feito no diretório que você abrir o terminal, por default é na sua home.

Agora instale o programa (substitua pelo nome do pacote que você baixou):

flatpak install GameHub-bionic-0.13.1-31-dev-ac109bf.flatpak

Se desejar remover a aplicação:

flatpak remove com.github.tkashkin.gamehub/x86_64/master 

Para instalar o GameHub, através da loja, baixe o programa por este link (as outras versões em DEB e AppImage, também encontra-se no link).

Dê dois cliques sobre o flatpak e instale via loja, se por algum motivo não consiga desta maneira, tente com o comando anterior.

gamehub-steam-gog-humblebundle-retroarch-games-linux-ubuntu

Seus jogos num único lugar!


Alternativas são sempre bem vindas, contudo no tempo que testei o GameHub, notei que nem sempre seu modo de configurar é tão intuitivo como no Lutris, a seção de emuladores é confusa, a usabilidade deve ser lapidada e sua proposta de unificar as plataformas não é empregada da melhor forma, erros ao logar com minha conta Steam também ocorreram, outro ponto são os inúmeros bugs ao tentar instalar ou executar o software, em seu estado atual, creio que seja válido seu teste para apoiar o projeto ou curiosidade, entretanto alternativas como o POL ou Lutris, estão mais maduras e confiáveis.

E você obteve boas experiências com o GameHub? Houve alguma dificuldade na instalação ou configuração do software? Deixe nos comentários sua opinião, e diga se prefere o Lutris, PlayOnLinux ou qualquer outra alternativa.

Te espero no próximo post, SISTEMATICAMENTE! 😎

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo