Diolinux - O modo Linux e Open Source de ver o Mundo

Responsive Ad Slot

Mostrando postagens com marcador trusty. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador trusty. Mostrar todas as postagens

Canonical vai oferecer suporte estendido de segurança para o Ubuntu 14.04 LTS

Nenhum comentário

quinta-feira, 20 de setembro de 2018

Foi anunciado ontem, dia 19 de Setembro, pela Canonical em seu blog que o Ubuntu 14.04 LTS “Trusty Tahr” terá o pacote de manutenção de segurança estendido oferecido aos seus usuários, permitindo assim que a versão ainda seja utilizada, a medida promete impactar especialmente Corporações, Organizações, Administradores de Sistema e entre outros. O “fim da vida” (EOL) desta versão do Ubuntu acontece em Abril de 2019.


Canonical vai oferecer suporte estendido de segurança para o Ubuntu 14.04 LTS






O Ubuntu 14.04 LTS foi lançado em Abril de 2014 com o Codinome Trusty Tahr, trazendo várias melhorias na época para o Nautilus, Unity entre outros. Você pode conferir o vídeo que fizemos na época mostrando o sistema.

           

Com o fim do suporte bem próximo (2019) e com muitos usuários ainda usando o Ubuntu 14.04 LTS, a Canonical lançou o ESM (Extended Security Maintenance) que requer o investimento de  US$150/ano para desktops e US$750/ano para servidores, conforme a necessidade dos clientes.

Segundo a Canonical, esse suporte é voltado especificamente para os usuários que precisam ter essa versão instalada em seu parque de TI e recomenda para o usuários domésticos que utilizem as versões mais estáveis e recentes do Ubuntu (hoje se encontrado-se na versão 18.04 LTS). E ainda declararam:

As organizações usam o [Ubuntu] ESM para tratar as questões de segurança enquanto gerenciam os processos de atualizações para versões mais recentes do Ubuntu, com total suporte para as mesmas. A capacidade de planejar as atualizações dos aplicativos em um ambiente à prova de falhas continua a ser o principal motivo para a adoção do ESM por elas.”

Assim o Ubuntu 14.04 ESM vai oferecer updates com correções de segurança para o Kernel do Ubuntu e entre outros updates essenciais para o sistema.

O ESM é parte do programa Ubuntu Advantage, onde a organizações ou empresas por exemplo podem escolher os planos.

Interessante ver esse cuidado da Canonical com os usuários que ainda usam uma versão “antiga” do sistema dela, cuidado esse que ela começou com a versão 12.04 LTS do Ubuntu.

Mas diga aí nos comentários se você já usou o Ubuntu 14.04 e em qual distro Linux você está usando nos dias de hoje.

Um forte abraço e até a próxima.
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Ubuntu 14.04 LTS Trusty Tahr agora é compatível com pacotes Snap

Nenhum comentário

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

Apesar de não ser a LTS mais recente, o Ubuntu 14.04 ainda está em plena atividade e com suporte garantido até 2019. Como é um sistema com pacotes mais conservadores (antigos), algumas das novidades que já foram implementadas no Ubuntu 16.04 LTS só agora chegaram à versão que saiu em 2014.

Ubuntu 14.04 LTS Trusty Tahr Snap



Snap é o novo do novo formato de pacotes implementado pela Canonical, ele tem uma série de vantagens, especialmente para os desenvolvedores e quem distribui software para Linux, pela sua forma de trabalhar, nós já fizemos um grande artigo contando tudo sobre o Snap para você, confira aqui.


Para ativar os pacotes Snap no Ubuntu 14.04 LTS basta instalar o utilitário snapd:
sudo apt-get install snapd
Reinicie o sistema e você já será capaz de utilizar pacotes Snap no seu sistema, para ver como você habilitar o suporte a Snaps em outras distros, consulte este artigo.

Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Vulnerabilidades corrigidas no Kernel, atualize o seu Ubuntu

Nenhum comentário

quarta-feira, 11 de maio de 2016

A Canonical liberou uma atualização de Kernel para o Ubuntu 12.04 LTS, versão lançada em 2012 com suporte até 2017, assim como para o Ubuntu 14.04 LTS, lançado em 2014 e com suporte até 2019 e para o Ubuntu 15.10, com suporte até o meio deste ano, veja como atualizar e manter-se seguro.

Atualização do Ubuntu



Como toda boa distribuição Linux mantida por uma empresa ou comunidade engajada, o Ubuntu tem manutenção de suas versões por um longo período de tempo e os desenvolvedores estão sempre atentos para melhorias no projeto. Foi o que aconteceu no dia 9 de Maio, a Canonical liberou atualizações para duas das LTS ainda em ação e para uma versão intermediária que terá seu suporte encerrado no meio deste ano.

São correções de vulnerabilidade a nível de Kernel, por isso é importante que você mantenha o sistema atualizado, o Kernel é um dos pontos cruciais para segurança de um sistema, para saber mais sobre as vulnerabilidades em cada uma das versões atualizadas consulte os seguintes links:


A Canonical recomenda que você atualize o seu sistema através dos comandos:
sudo apt-get update
sudo apt-get dist-upgrade
As atualizações também podem ser obtidas através do aplicativo "Atualizador de Programas" que se encontra no menu do sistema.

Para continuar sempre protegido, mantenha o seu sistema sempre atualizado.

Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Como instalar o Cinnamon 3.0 no Ubuntu 16.04 LTS e 14.04 LTS

Nenhum comentário

terça-feira, 3 de maio de 2016

O ambiente gráfico principal do Linux Mint recebeu uma atualização recentemente e chegou à versão 3.0. Agora você vai aprender a instalar esta versão nas duas versões do Ubuntu atuais com maior tempo de suporte.

Cinnamon 3.0 no Ubuntu 16.04 LTS




O novo Cinnamon acompanhará o Linux Mint 18 muito provavelmente, porém, você já pode testá-lo no Ubuntu 16.04 LTS e Ubuntu 14.04 LTS (no Ubuntu 15.10 também, na verdade), pelo que eu testei, este tutorial não funciona no Linux Mint 17.3, ou seja, se restringe apenas a estas versões do Ubuntu supracitadas.

Mudança de interface gráfica pode ser considerado um procedimento avançado, não destinado para usuários iniciantes, por este motivo, para colocar uma linha a mais de dificuldade no tutorial, vou ensinar a fazer o procedimento usando o terminal, sei que isso já afasta os mais novatos e com pouca experiência e é justamente esta a intenção, se você for novo no Linux e tem a intenção de experimentar o ambiente Cinnamon eu recomendo testar diretamente no Linux Mint.

Como você que acompanha o blog sabe, normalmente os nossos tutoriais mostram como fazer as coisas via interface gráfica preferencialmente e quando possível via comandos, mas desta vez será diferente. Vamos lá?

Abra o seu terminal

Copie e cole o seguinte comando:
sudo add-apt-repository ppa:embrosyn/cinnamon
Atualize os seus repositórios:
sudo apt update 
E finalmente instale a nova versão do Cinnamon:
sudo apt install cinnamon 
Depois do processo ter terminado, vá até a tela de login e mude o ambiente gráfico.

Ubuntu com Cinnamon 3.0

Digite a sua senha e logue-se novamente, pronto! Você está no novo Cinnamon. Para verificar a versão você pode digitar no terminal:
cinnamon --version
Cinnamon 3.0 no Ubuntu

Outra forma de verificar a versão é através do aplicativo "Informações do sistema" que você encontra no menu:

Cinnamon no Ubuntu 16.04

O meu Cinnamon aparece assim pois eu configurei os temas, o tema padrão do Cinnamon é diferente, na opinião, muito mais feio.

Como remover a interface?

Caso você tenha tido alguns problemas ou simplesmente não quisper mais utilizar o Cinnamon, volte para a tela de login e selecione o Unity novamente, logue-se, abra o terminal novamente e remova o Cinnamon com estes comandos:
sudo apt remove cinnamon*
sudo apt remove nemo 
sudo apt install ppa-purge
sudo ppa-purge ppa:embrosyn/cinnamon
Pronto, com isso você remove todo o conteúdo do PPA, porém, pode restar pastas  ocultas de configuração do Cinnamon e do Nemo na sua home que você pode remover se quiser.

Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Atualizando o Kernel para a versão 3.16 pelo repositório oficial no Ubuntu 14.04.2

Nenhum comentário

terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Hoje você vai aprender a atualizar a versão do Kernel no seu Ubuntu 14.04.2 LTS para a versão 3.16, vamos lá?

Atualizando o Kernel do Ubuntu

Veja como deixar o seu Ubuntu LTS com o Kernel mais recente oficialmente suportado


A pouco tempo a Canonical disponibilizou a atualização do Ubuntu 14.04 LTS para a sua segunda grande atualização, você pode ler mais sobre o assunto neste post dedicado, porém não sei se a atualização vai demorar um pouco mais para sair ou o que, mas fato é que o Kernel 3.16 prometido para o Ubuntu 14.04.2 acabou não vindo com as atualizações do sistema, porém ele está no repositório oficial pronto para ser instalado.

Então você pode escolher esperar para ver a atualização vem automaticamente pelas atualizações do próprio sistema ou fazer a instalação manualmente através deste tutorial.

Atualizando o Kernel do Ubuntu 14.04.2 LTS para a versão 3.16


Se você usa drivers proprietários a primeira coisa que você tem a fazer para evitar problemas e desabilitá-los e passar a usar os drivers genéricos durante a atualização, então, abra o menu e digite "Drivers", abrindo a aplicativo de "Drivers adicionais" selecione o driver genérico e aplique:

Configure para usar o driver genérico

Depois de instalar o driver genérico reinicie o computador para logar com novo driver carregado, agora podemos fazer a atualização sem maiores problemas.

Agora vamos usar o Synaptic para instalar o novo Kernel, caso você não tenha este programa apenas pesquise pela Central de Programas do Ubuntu por ele, vai ser bem fácil encontrar.

Uma vez instalado o Synaptic, vamos abri-lo pelo menu, no campo de busca do Synaptic digite o seguinte nome: linux-image-generic

Synaptic

Dentre a lista de pacotes que ele lhe exibir pela sua pesquisa localize o:
 linux-image-generic-lts-utopic

Dê dois cliques neste pacote e a tela abaixo aparecerá pedindo para você marcar a instalação de mais dois pacotes, clique em "Marcar" 

Instalando o novo Kernel

Muito bem! Agora clique no botão "Aplicar" no Synaptic e aguarde a instalação, ao final tudo deve estar correto, basta reiniciar o computador para usar o novo Kernel.

Para confirmar que o novo Kernel está instalado corretamente você pode digitar no terminal o comando:

uname -r

E o resultado deverá ser como este:

Terminal

Agora que tudo está correto, caso você tenha removido o driver proprietário do seu sistema lá no início do tutorial é hora de colocá-lo de volta, torne a abrir o gerenciador de drivers como no Primeiro passo e instale o Driver que estava selecionado antes, reinicie o computador mais uma vez agora sim você está com tudo pronto para usar o seu PC com o Kernel mais recente suportado oficialmente pela Canonical.

Até a próxima!

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.

32 ou 64 bits, qual Ubuntu tem melhor desempenho?

5 comentários

segunda-feira, 12 de maio de 2014

Confira os benchmarks que mostram qual arquitetura do Ubuntu tem melhor desempenho


Essa é uma pergunta que permeia a mente de vários usuários do Ubuntu, qual é a melhor versão, qual arquitetura é mais recomendada.

Ubuntu 32 ou 64 bits, qual é o melhor?

Alguns usuários inda se perguntam qual seria a melhor versão do Ubuntu para seus computadores, como regra genérica podemos aplicar, computadores mais antigos e/ou que tenham apenas 2 GB de memória ou menos, para computadores mais novos e/ou que tenham mais de 3 GB de memória a versão de 64 bits é mais indicada, entre outros motivos por prometer entregar mais desempenho, mas quanto é realmente esse desempenho que a versão de 64 bits tem a mais?

Testes de Benchmark


Para acabar com o mito o pessoal da Phoronix fez mais um de seus testes onde podemos ver em um gráfico a diferença de desempenho entre o Ubuntu 32 e 64 bits:





Como podemos ver pelos gráficos o Ubuntu 14.04 LTS de 64 bits na maioria dos testes mostra um desempenho muito superior em realizar tarefas simples como renderização de vídeo e execução de games. Caso a sua dúvida seja quanto ao desempenho acho que agora ficou claro que a versão que você deve escolher é a de 64 bits.

Até a próxima!







Games rodam com maior velocidade em MacBook com Ubuntu

5 comentários

Ubuntu 14.04 entrega mais desempenho em alguns jogos no MacBook que o próprio Mac OSX


Cada dia mais o Linux vem se tornando uma plataforma mais viável para games, o que será que acontece quando usando a última versão do Ubuntu num hardware da Apple.

macbook-ubuntu-gaming


Segundo informações do site Geek.com o simples fato da instalação do Ubuntu 14.04 LTS em um Macbook aumentou o desempenho do mesmo em alguns jogos drasticamente.

Os jogos testados foram games gratuitos e open source, talvez isso tenha favorecido o Ubuntu mas mesmo assim a diferença foi muito grande.

Em games como o Open Arena, um game no estilo FPS que falamos neste artigo, no Mac OSX houve grande gargalo de desempenho, o game rodou com apenas 20 FPS no Macbook com Mac OSX, e quando o Ubuntu era o sistema operacional na mesma máquina o game atingiu 137 FPS numa resolução 1366 x 768.

Outros games como Xonotic tiverem um desempenho melhor no Ubuntu em configurações altas mas nada tão discrepante, na ordem de 20 FPS a mais.

Claro que existem muitos fatores que podem influenciar no desempenho dos jogos mas é muito curioso ver que a simples troca de sistema operacional pode aumentar consideravelmente o desempenho.

Remastersys ainda está vivo e funcionando!

Nenhum comentário

terça-feira, 29 de abril de 2014

Instale o Remasterys no Ubuntu 14.04 LTS

Para quem não conhece o Remastersys, ele é um excelente programa que nos permite criar uma remasterização do Ubuntu ou de uma derivado como o Linux Mint e o Elementary OS.


Ele foi descontinuado pelo seu desenvolvedor mas eu me dei ao trabalho de salvar os pacotes que compunham o software, tendo em vista que pretendo lançar uma nova versão do Diolinux OS, a nossa remasterização do Ubuntu.

Qual foi a minha surpresa de que ele ainda funciona muito bem no Ubuntu 14.04 e por isso resolvi compartilhar com vocês esses pacotes.

Como instalar o Remastersys no Ubuntu 14.04 LTS

O primeiro passo é baixar este arquivo, depois de baixando extraia ele para a sua pasta home, então abra o terminal e cole os seguintes comandos:

cd /home/$USER/remastersys
sudo dpkg -i *.deb
sudo apt-get install -f
Com isso você já poderá usar o Remasterys, e se você está pensando, "Legal e agora como eu faço para fazer uma remaster?"  não deixe de conferir a nossa série com 13 artigos explicando todo o processo de remasterização.

Até a próxima e bom proveito! 

Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

Lançado o Ubuntu 14.04 LTS - Confira as novidades e Baixe agora!

Nenhum comentário

quinta-feira, 17 de abril de 2014

Ubuntu Trusty Tahr 14.04 LTS acaba de ser lançado, vamos conhecer ele melhor?

Depois de 6 meses de árduo desenvolvimento finalmente a Canonical anunciou o novo Ubuntu em sua edição 14.04 de codinome Trusty Tahr, e hoje nós vamos conhecer um pouco melhor essa nova versão e também ver como baixá-la para o seu computador.

Ubuntu-14.04-download

A nova versão vem cheia de novidades e principalmente aprimoramentos para melhorar o desempenho do sistema.

Dentre as novidades estão:

O Mir e o Unity Next


O Mir não chegará nesta versão, se você não sabe direito o que é o Mir preparamos um artigo especial para explicar melhor confira, como o sistema é de suporte estendido, essa versão do Ubuntu terá suporte de 5 anos, a Canonical resolveu optar por aprimorar a interface gráfica e deixá-la ainda mais fluida e não arriscar em usar como padrão um servidor gráfico que ainda está sendo ajustado.

O Unity Next é a próxima versão do ambiente gráfico do Ubuntu, o também chamado Unity 8 deverá chegar mais tarde junto com o Mir, entretanto, no novo Ubuntu é possível instalar uma sessão Mir+Unity8 para testar essas novas funcionalidades.

Desempenho

Além dos pequenos ajustes visuais o que chama a atenção na nova versão do sistema é realmente o desempenho, durante o desenvolvimento do Trusty foram feitas várias comparações e benchmarks para averiguar as capacidades do novo sistema, que conta com um melhor suporte para drivers gráficos, Intel, Nvidia e AMD.


E os novos ícones?

Muitos usuários estão esperando ansiosamente pelos novos ícones que a Canonical mostrou no Google Plus, mas pode se acalmar porque eles não virão no Ubuntu 14.04, pelo menos não no lançamento eles devem aparecer como uma atualização no sistema futuramente ainda dentro deste ciclo, falamos sobre assunto no quadro "Diolinux Responde" no nosso canal no YouTube, você pode assistir este episódio clicando aqui.

Confira o nosso vídeo "Apresentando o Ubutnu 14.04 LTS" para conhecer todas as principais novidades do sistema.




Download do Ubuntu 14.04 LTS Trusty Tahr

A nova versão do Ubuntu está disponível em 32 e 64 bits:

Ubuntu 14.04 LTS - 32 bits - ISO
Ubuntu 14.04 LTS - 64 bits - ISO

Ubuntu 14.04 LTS - 32 bits - Torrent
Ubuntu 14.04 LTS - 64 bits - Torrent

Confira também o nosso Guia de Pós-Instalação do Ubuntu assim você pode deixar ele perfeito para o seu uso, mas não sem antes conferir as "5 Coisas que você precisa saber antes de instalar o Ubuntu".

Esperamos que você goste muito do Ubuntu assim como nós gostamos, atualmente estou usando ele em todos os meus computadores e não me arrependo!

Até a próxima!



Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

Guia de pós-instalação: Deixando o Ubuntu 14.04 LTS perfeito para o seu uso diário

2 comentários

Confira todas as dicas para deixar o seu Ubuntu 14.04 LTS pronto para todas as suas atividades


Depois de ter baixado o Ubuntu e instalado, agora é hora de deixar ele pronto para funcionar, mas antes de continuarmos gostaríamos de sugerir a leitura do artigo "5 Coisas que você precisa saber antes de instalar o Ubuntu", e igualmente também o artigo de lançamento do Ubuntu 14.04 LTS, nele você encontra um vídeo mostrando as principais novidades do sistema.

things-to-do-after-install-ubuntu-1404-lts-trusty-tahr


O Tipo de artigo "Coisas para fazer depois de instalar o Ubuntu" chega a ser algo tradicional após cada lançamento, muitos sites e blogs fazem isso, e o que o nosso tem de diferente? Você pode pensar...

Pelo que vi a maioria enche de comandos os novos usuários para deixar o sistema 100%, acho que isso não é algo que se faça quando se quer mostrar que  é possível fazer tudo no Linux via interface gráfica, além disso existem muitos trechos que ensinam a instalar várias coisas inúteis como "milhão de indicadores" entre outras coisas, neste tutorial você encontrar o tudo o que você precisa para ter um sistema operacional funcionando para todas as suas necessidades, com um paralelo entre modo gráfico e linha de comando, então chega de enrolar e vamos ao que interessa.

Atualização (Via Interface Gráfica)


Apesar do Ubuntu ter sido recém lançado é possível que já hajam atualizações no sistema, então, antes de fazer qualquer coisa vamos atualizar o sistema.
Procure no Menu no Ubuntu a aplicação "Atualizador de Programas" ou "Software Updater" se o sistema estiver em inglês ainda.


Procure por "Atualizador de Programas" na Dash

Com este programa você conseguirá atualizar o Ubuntu caso haja alguma atualização, basta aguardar o procura procurar as atualizações e clicar e "instalar", digite a sua senha de usuário e confirme, agora é só aguardar.


softwarer-updater

Janela Mostra atualizações Disponíveis no Ubuntu


Atualização ( Via Terminal)

Todo o processo acima pode ser feito via linha de comando também é claro, abra o seu terminal e cole os seguintes comandos:
sudo apt-get update 
sudo apt-get upgrade

Agora vamos instalar os Drivers Proprietários (Nvidia, ATI, etc)


Depois da atualização o próximo passo é instalar os drivers proprietários, placas de vídeo da Nvidia e da ATI (AMD) requerem drivers específicos para aumentar o desempenho do computador, por isso este é o segundo passo, depois que você instalá-los o seu PC deverá ficar ainda mais rápido.

Abra o menu do Ubuntu e digite "Drivers":


Clique em "Drivers adicionais", você chegará até a tela abaixo:

Instalação de Drivers Proprietários no Ubuntu


É possível chegar a este mesmo local através da Central de Programas do Ubuntu, clicando no menu Editar e depois em Fontes de Software e clicando na aba Drivers Adicionais.

Nesta janela vão aparecer os drivers proprietários que podem ser instalados no seu Ubuntu, tanto drivers de vídeo quanto de rede, como é o caso da imagem acima, podem ser facilmente instalados selecionando o driver desejado e clicando no botão Aplicar Alterações.
Agora você deve aguardar o download e a instalação do driver, fique tranquilo o Ubuntu fará isso por você e apesar do sistema não requisitar é interessante que depois de ter instalado você reinicie o computador para que o driver funciona corretamente.

Este passo é tão simples que não tem o menor motivo para você usar o terminal.

Ubuntu está em "ingrêis"? Vamos deixá-lo em português!


Se você instalou o Ubuntu sem conexão com a internet é bem provável que o sistema não esteja traduzido para o nosso idioma, então vamos dar um jeito nisso. Existem duas maneiras de fazermos isso:
1 - Abra a Central de Programas e procure pelo pacote: language-pack-gnome-pt e language-pack-pt-base



2 - Abra a aplicação Configurações do Sistema pelo menu do Ubuntu e procure a opção Suporte a Idiomas, clique em Instalar/Remover Idiomas, selecione o português do Brasil e aplique.
Apesar disso o próprio Ubuntu deve lhe avisar que falta baixar alguns pacotes para a tradução do sistema assim que você iniciar, para os que preferem instalar via terminal, basta usar o comando:
sudo apt-get install language-pack-gnome-pt language-pack-pt-base

Rodando todos os tipos de mídia no Ubuntu


Apesar do Ubuntu ser bem completo por conta de algumas convenções legais ele não traz todos os codecs necessários para você ver vídeos no YouTube, ouvir músicas em MP3 ou editar vídeos em alguns formatos, mas é muito simples instalar tudo isso no sistema.

Instalando Codecs Multimídia no Ubuntu


Na Central de Programas procure pelo pacote: ubuntu-restricted-extras
Este pacote instala a maioria dos codecs indispensáveis para o seu sistema, incluindo o flash para os seus navegadores de internet.

Procure e instale na Central de Programas também o pacote: libavcodec-extra
Este pacote lhe trará mais alguns codecs, para instalar o Java você pode usar a versão Open Source instalando também pela Central de Programas o pacote: openjdk-7-jre

Caso você tenha o hábito de acessar Internet Bankings pode ser necessário utilizar o Java da Oracle, e este requer um pouco mais de "malemolência" para instalar mas fique tranquilo não é tão complicado, para explicar melhor os detalhes preparamos este artigo:
Você pode fazer tudo isso pelo terminal com os comandos:
sudo add-apt-repository ppa:webupd8team/java
sudo apt-get update
sudo apt-get install oracle-java8-installer ubuntu-restricted-extras libavcodec-extra
Este passo deve demorar um pouco mas deixará o seu sistema pronto para tudo!

Instalando alguns programas populares 


O Ubuntu por si só vem com uma gama de aplicativos muito completa para você utilizar o sistema com tranquilidade mas existem sempre alguns programas que a maioria das pessoas utilizam.


Programas complementares

Skype

Para instalar o Skype você deve baixar o pacote .deb diretamente do site do Skype, ele funciona como um EXE do Windows, depois de baixar basta dar dois cliques e ele se abrirá com a Central de Programas do Ubuntu, clique em instalar, digite a sua senha e aguarde a instalação.
Dica: Baixe o pacote para o Ubuntu 12.04 Multiarch.

Se você usa o Ubuntu 64 bits para o ícone do programa aparecer na área de notificação é necessário instalar um pacote a mais, abra a Central de Programas e procure e instale o pacote: sni-qt:i386

Ou use o comando:
sudo apt-get install sni-qt:i386

Google Chrome

Da mesma forma que o Skype você deve baixar o pacote .deb diretamente do Site, mas atenção para a sua arquitetura, 32 ou 64 bits.
Uma vez baixado o deb, dê dois cliques sobre ele, mais uma vez ele se abrirá com a Central de Programas do Ubuntu, clique em instalar, digite a sua senha e aguarde.

Steam

Quem não gosta de um bom joguete não é? O Steam está na Central de Programas do Ubuntu, procure por Steam no campo de busca, clique em Instalar, digite a sua senha e aguarde a instalação.
Alternativamente você pode baixar o .deb diretamente do site do Steam e instalar como você vez com o Skype e o Google Chrome.

Alguns ajustes interessantes para se fazer no sistema


O novo Ubuntu trouxe algumas novas ferramentas para a configuração do sistema, pode ser interessante portanto, ativar e configurar alguns recursos, na área de trabalho dê um clique com o botão direito do mouse e clique em propriedades.

Configurações do Ubuntu

1 - Esta opção faz com que a barra lateral que agrupa os programas oculte-se automaticamente, ativando essa opção outras opções vão aparecer permitindo que você configure o local onde você quer que a barra seja sensível para aparecer e também o tempo que você precisa deixar o mouse na lateral para que ela apareça.

2 - Enable Workspaces ou "Habilitar espaços trabalho" cria um novo ícone na sua barra lateral que permite que você até 4 desktops diferentes para organizar melhor as suas janelas.

3 - Esta opção adiciona um novo ícone à barra lateral que permite mostrar a área de trabalho com apenas um clique.

4 - Está opção tira os menus globais da barra no topo e coloca em cada aplicação, eles aparecem assim que você passa o mouse sobre eles.

Bônus: Na aba Aparência você consegue, além de trocar os wallpapers, modificar o tamanhos dos ícones no lançador.

Privacidade

O Ubuntu traz as SmartScopes por padrão e também por padrão ele indexa os arquivos e programas que você acessou para poder mostrá-los posteriormente como sugestão na tela inicial da Dash, se você não deseja utilizar este recursos você pode desabilitá-los indo até o painel de configurações, clique na engrenagem no canto superior direito da tela e clique em Configurações do Sistema...,vá até a opção, Segurança e Privacidade.

Configurações de Privacidade no Ubuntu

Nesta aplicação existem várias abas a respeito deste assunto, mas está acima é uma das principais, se você quiser desligar a indexação de arquivos, programas e tudo mais apenas desligue no botão ON/OFF, caso queira que apenas algumas das opções sejam indexadas apenas marque as que você quer que o Ubuntu utilize, no botão Limpar dados de uso... você consegue apagar as informações armazenadas até então.


 Nesta aba você pode marcar para aparecer ou não os resultados online nas buscas do Unity, para desabilitar apenas clique no botão ON/OFF presente nesta sessão.

Finalizando

Com isso finalizamos o nosso "after guide" do Ubuntu 14.04 LTS sem empurrar para você um monte de links e direto ao ponto, mas não sem antes lhe da um presente, no dia 20 deste mês o Diolinux está completando 3 anos de trabalho e estamos realizando uma promoção muito legal com todos os leitores do blog e assinantes do canal.

Neste mês você tem a chance de ganhar uma camiseta estampada da nossa loja, a DioStore, a sua escolha, podendo até mesmo ser uma camiseta do Ubuntu, por que não? Você pode escolher qualquer uma delas ou mesmo mandar a sua própria estampa, para participar e conhecer melhor a promoção clique neste link aqui.

Até a próxima, um grande abraço!


Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:


Baixe o Beta 2 do Ubuntu 14.04 LTS

Nenhum comentário

sexta-feira, 28 de março de 2014

Beta final do Ubuntu Trusty Tahr disponível para download

Um novo Beta do Ubuntu foi liberado, essa é a versão beta final, ou seja, o próxima lançamento será a versão final do sistema, que deve sair lá pelo dia 17 do mês de Abril.



A nova verão saiu com algumas novidades que deixam o sistema mais rápido e estável além de fornecer mais opções de configuração, para conhecer as principais mudanças a cerca do sistema recomendo que você assista o vídeo "Apresentando o Ubuntu 14.04 LTS" que postamos no nosso canal, confira:



Download e Recomendações

Para baixar a nova versão do Ubuntu clique neste link , esse lançamento apesar de ser um beta está se mostrando muito estável e confiável para o trabalho, estou usando ele desde o Beta 1 sem maiores problemas, entretanto podem haver erros justamente por se tratar de um Beta, esses erros devem ser corrigidos com o passar do tempo.

Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

Ativando a função "Minimizar ao clicar" no Ubuntu 14.04 LTS

Nenhum comentário

sexta-feira, 21 de março de 2014

Ative essa nova funcionalidade do Ubuntu

Acho que este é o primeiro tutorial exclusivo do novo Ubuntu 14.04 LTS, o sistema deverá sair em poucos dias e poderemos ver as novidades em breve.

ubuntu-14-lts-logo


Como eu não gosto muito de esperar já estou utilizando essa versão mesmo que ela ainda não tenha sido lançada oficialmente, um dos novos recursos para Unity me agradou muito que é a função de minimizar ao clicar em um ícone da Dash.

O comportamento normal de um programa aberto no Ubuntu é poder ser minimizado apenas quando o usuário clica no botão de minimizar, entretanto, agora ainda que não veja por padrão existe a opção de Minimizar e Restaurar as janelas simplesmente clicando no ícone do programa na barra lateral.

Como fazer isso?

Muito simples, vamos precisar instalar o gerenciador de configurações do Compiz, para isso você pode procurar por "compizconfig" na central de programas do Ubuntu, ou usar o terminal e instalar com o comando:

sudo apt-get install compizconfig-settings-manager
Uma vez instalado o programa vamos abrir ele pelo menu digitando a palavra "compiz", abra o programa e procure a sessão "Ubuntu Unity Plugin", tome cuidado ao mexer no Compiz pois ele é uma parte muito sensível do sistema.


minimize-click-ubuntu-unity

Dentro do Plugin do Unity na aba "Launcher" procure a opção "Minimize Single Window Applications (Unsupported)" e marque a caixa correspondente como na imagem acima.

Pronto, o recurso já deve estar funcionando, como ele é um recurso ainda em desenvolvimento existe essa mensagem de aviso na caixa mas estou usando ele até agora sem problemas, caso você tenha algum, basta voltar até o compiz e desmarcar a opção.

*Essa função existe apenas no Ubuntu 14.04 LTS*

Até a próxima!

Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

Benchmarks com todas as interfaces gráficas no Ubuntu 14.04 LTS

Nenhum comentário

sexta-feira, 14 de março de 2014

Qual será o ambiente mais rápido na nova versão do Ubuntu?

Galera trouxe uma informação que achei muito interessante e achei que deveria compartilhar com os leitores do blog.

ubuntu-14-04-lts


A Phoronix fez mais um de seus testes de Benchmarks e testou todas as interfaces gráficas mais famosas no Ubuntu 14.04 LTS, versão que ainda está em desenvolvimento e que deve ser liberada em poucas semanas.

Estou trazendo essa informação justamente porque me surpreendi com ela, antes de mostrar os resultados para vocês vamos ter a noção de qual hardware o Ubuntu estava rodando:

  • ASUS Zenbook Prime UX32VDA 
  •  Intel Core i7-3517U quad core da 1.9 / 3.0 Ghz 
  • Intel HD Graphics 4000, 
  • 4 GB de memoria RAM   
  • SSD de 128 Gb 
Ubuntu 14.04 Trusty com Kernel Linux 3.13, xf86-video-intel 2.99.910 e Mesa 10.1-rc3.
No Ubuntu 14.04 Trusty foram rodados Unity 7.1.2, XFCE 4.10, KDE 4.12.3, LXDE 0.6.1 (com Openbox 3.5.2) e GNOME Shell 3.10.4.

Foram testados dois games tradicionais do Linux, ambos FPS, Nexuiz e OpenArena.

ubuntu-14-04-benchmarks

Como podemos ver pela imagem acima, as interfaces gráfica, inclusive o Unity que ganhou uma fama errônea de ser "pesado" tem um desempenho praticamente idêntico, exceto o KDE que obteve um resultado insatisfatório se comparado com os outros.

Não sei o que me deixou mais surpreso, se foi ambientes tidos como pesados como Unity e Gnome obterem uma mesma performance quando comparados a ambientes mais leves ou se foi o KDE ficar tão atrás assim...

Tudo bem que todos estes pacotes ainda estão em desenvolvimento mas a diferença entre o popular KDE e os outros realmente me surpreendeu, e você o que achou, deixa a sua opinião e vamos discutir! =)

Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

Lançado Ubuntu 14.04 LTS Beta 1 - Baixe aqui!

Nenhum comentário

quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Nova versão beta do Ubuntu está pronta para você testar!

Falta pouco pessoal, em poucas semanas vamos ter uma nova versão LTS do Ubuntu entre nós mas hoje para os interessados em testar e reportar bugs a Canonical liberou o primeiro Beta do Ubuntu 14.04 Trusty Tahr, eu já baixei e instalei, visualmente temos pouca diferença mas o desempenho está muito melhor que na versão anterior.

Ubuntu-14-04-LTS

A nova versão do Ubuntu ainda deverá receber muitas atualizações e novidades, acompanhe a evolução desta versão do Ubuntu através desta tag especial.


Para baixar o Beta 1 do Ubuntu clique aqui.

Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

Nova opção no controle de volume no Ubuntu 14.04 LTS

Nenhum comentário

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Ubuntu 14.04 ganha nova opção de configuração

Umas das coisas mais úteis do controle de volume do Linux, do Ubuntu no caso, é a opção de aumentar o volume acima do 100% com um ganho extra, esse recurso "cai como uma luva" quando estamos vendo algum vídeo na internet ou executando algum tipo de mídia onde o som não é muito alto.

Ubuntu Trusty


Atualmente, no Ubuntu 13.10 o controle de volume é assim:

Controlador de som Ubuntu


Neste modelo atual ( e quase antigo) o controle volume não tem limitação, você pode aumentar ele em até 150% do valor original, sendo que isso é possível apenas através deste menu, através do indicador no painel superior é possível aumentar somente até o 100%.

Com a modificação você poderá configurar no menu se você quer habilitar ou não essa capacidade de aumentar o som acima do 100%, como mostra  imagem abaixo:

Nova configuração
Novo gerenciamento de áudio no Ubuntu com aviso de "possível distorção"
A ideia é que dessa forma você consiga já ter um volume com um ganho diretamente no applet indicador.

E aí, curtiu?

Quer continuar por dentro de tudo o que acontece por aqui?

Então curta nossa página no FACEBOOK, siga o blog no TWITTER  - Siga também nossos escritores 
@dionatanvs - +Dionatan Simioni - + Elian Medeiros 

Baixe o APP do Diolinux para o seu Smartphone

Se você tiver alguma dúvida procure um de nossos grupos de discussão no Facebook:

Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo