Diolinux - O modo Linux e Open Source de ver o Mundo

Responsive Ad Slot

Confira as novidades do novo Call of Duty

Nenhum comentário

sexta-feira, 31 de agosto de 2012


A edição de colecionador do game 'Call of Duty: Black Ops II' virá com 'drone' (Foto: Divulgação)
A edição de colecionador do game 'Call of Duty: Black Ops II' virá com 'drone' 


A Activision divulgou os itens que acompanharão o game "Call of Duty: Black Ops II" na edição de colecionador do título que será lançado no dia 13 de novembro dos Estados Unidos. Um helicóptero "drone" controlado por controle remoto, chamado de MQ-27 Dragonfire Drone.
Além do helicóptero, o pacote "Care Package" traz a trilha sonora, livro com artes, moedas comemorativas, mapas para o modo on-line, temas do game para os consoles e acesso para novos conteúdos por download - tudo em uma caixa especial. Ela será vendida por US$ 180.
Há a versão "Hardened", mais simples, que traz o game e os extras em uma caixa metálica que traz alguns dos itens da versão "Care". O preço deste pacote é de US$ 80. O game normal nos Estados Unidos é vendido por US$ 60.
No Brasil, "Call of Duty: Black Ops II" já está sendo vendido em sistema de pré-venda por R$ 200 e, de acordo com a distribuidora NeoPlay, ele chega ao país no dia 13 de novembro, mesmo dia do que nos EUA. A compra antecipada dá o mapa Nuketown 2025 para download.
A história do jogo acontece entre dois períodos diferentes, na década de 1980 e em 2025, ano que robôs estão nas ruas para proteger a população, segundo a desenvolvedora do game da Activision, a Treyarch. Mas uma ameaça terrorista conseguiu controlar estas máquinas e atacar os Estados Unidos. Após um ataque em massa, o país está em guerra e as grandes cidades são evacuadas. O game terá armas futuristas, com balas que atravessam paredes e haverá um modo para controlar um esquadrão inteiro.


Fique por dentro de tudo o que acontece no Diolinux...


Intel cria mecanismo para bloquear ultrabooks roubados

Um comentário

Quem tiver seu ultrabook equipado com tecnologia da Intel roubado poderá enviar uma “pílula venenosa” ao aparelho, remotamente, e travar o produto completamente. A nova tecnologia, batizada de Antiroubo, foi apresentada pela fabricante de chips nesta quinta-feira (30), em Berlim, durante a feira de eletrônicos IFA. O ultrabook é uma nova categoria de notebooks criada pela Intel.
“Se roubarem ou você perder o aparelho, você acessa um site e lança a pílula. Na próxima vez que a pessoa que o está usando o notebook se conectar à internet, o aparelho será completamente fechado e os dados serão bloqueados”, explicou Hans-Jürgen Werner, diretor de marketing da Intel.
Ultrabooks da Intel têm 'pílula venenosa' que permite apagar dados remotamente em caso de roubo (Foto: Amanda Demetrio/G1)Ultrabooks da Intel têm 'pílula venenosa' que permite apagar dados remotamente em caso de roubo
Questionado, o executivo disse que não sabia a previsão de chegada do serviço ao Brasil. Na Europa, a companhia já conta com quatro parceiros para colocar a tecnologia em prática.
Outra novidade de tecnologia que chegará aos ultrabooks será a Proteção de Identidade, que colocará uma camada extra de segurança na comunicação que o notebook faz com os provedores de serviço (o PayPal e o eBay, por exemplo). Assim, haverá uma nova autenticação entre os dados enviados aos serviços favoritos do usuário.
Werner explica que é uma “nova chave” colocada na comunicação, mas o usuário não terá que fazer nenhum ajuste. “Ninguém vê acontecendo, o usuário não precisa se preocupar”, contou o executivo.
Também na Europa, a Intel já tem parceria com PayPal, eBay e MasterCard para fornecer o serviço nos sites das empresas.
Em sua apresentação, Wener falou sobre o que um notebook precisa ter para se encaixar na categoria “ultrabook”. “As pessoas querem ter tudo: precisa ser barato, estiloso, seguro. Elas querem tudo e eu também quero tudo como consumidor”, disse.
Segundo ele, um aparelho não pode demorar mais de sete segundos para ligar. “Ele precisa ficar dormindo profundamente para economizar bateria, mas tem que ligar rápido e já ter as informações atualizadas do usuário”, conta. Em termos de bateria, o modelo tem que durar pelo menos cinco horas longe de seu carregador, diz Werner.
O executivo contou que a Intel já criou, com seus parceiros, mais de 110 ultrabooks e agora pretende adicionar as telas sensíveis ao toque a esse cenário. “Teremos outros 20 novos designs com tela sensível ao toque até o Natal”, disse.


Fique por dentro de tudo o que acontece no Diolinux...

              Twitter Diolinux@blogdiolinux   Facebook  blogdiolinux  Twitter Diolinux@dionatanvs   Google Plus Circule do Google +

Novos comerciais do Nexus 7

Nenhum comentário
Nexus 7

Se você já viu algum dos comerciais do Google, sabe o que esperar deste aqui. Nessa quarta-feira, 29, a gigante de buscas soltou o segundo vídeo publicitário do tablet Nexus 7, seguindo a fórmula de outras divulgações.

Na peça, uma mãe e sua filha aproveitam o tablet no cotidiano. Ele é visto como bom para leitura, receitas e desenhos. A garotinha também usa o aparelho para falar com sua avó por meio dos Hangouts, e faz perguntas ao dispositivo para mostrar que ele pode ser aliado da educação.

O tom é bem parecido com o do primeiro comercial do tablet, que entrou no ar em julho. Naquele, os protagonistas são um menino e seu pai.


Assista os vídeos abaixo:






Fique por dentro de tudo o que acontece no Diolinux...

              Twitter Diolinux@blogdiolinux   Facebook  blogdiolinux  Twitter Diolinux@dionatanvs   Google Plus Circule do Google +

Nexus na pagina inicial do Google

Nenhum comentário


google nexus 7 Google promove Nexus 7 na página inicial

Para quem não sabe o Nexus 7 é um tablet do Google fabricado pela Asus que foi anunciado no dia 27 de junho desse ano e custando US$ 199. 

No dia 28 desse mês, Google voltou hoje a usar sua página inicial para promover uma publicidade ao tablet Nexus 7. O buscador já havia utilizado o espaço para divulgar, anteriormente, o lançamento do G1 e Nexus One há alguns anos.

Lançado durante a conferência para desenvolvedoores do Google I/O 2012, o tablet Nexus 7, que vem equipado com uma tela de 7 polegadas, foi desenvolvido em parceria com a Asus e traz o Android 4.1 Jelly Bean em sua experiência mais pura.

Há poucos dias, o Google expandiu a venda do dispositivo de US$ 199 para mais países, incluindo 
a França, Alemanha e Itália. Aparentemente, o problema de “falta de estoque” foi solucionado.




Fique por dentro de tudo o que acontece no Diolinux...

              Twitter Diolinux@blogdiolinux   Facebook  blogdiolinux  Twitter Diolinux@dionatanvs   Google Plus Circule do Google +

Novos recursos do Google +

Nenhum comentário
Google anunciou nesta quarta-feira, 29, uma série de recursos para transformar o Google+ em uma plataforma de negócios. São três novidades, que ficarão disponíveis a usuários do Google Apps gratuitamente até 2013, quando se definirá se elas entrarão de vez na rede.


Google+

Agora é possível compartilhar posts apenas com os integrantes da empresa. É quase a mesma coisa que fazem os Círculos, com a diferença de que nada do que for direcionado ao meio corporativo poderá ser repassado a outros usuários.

Em julho, o Google anunciou que o Hangouts seria integrado ao Gmail, e também é possível abrir documentos do Docs em uma videoconferência e editá-lo comunitariamente. Pois o produto passou a estar disponível no Calendário, permitindo que os internautas comecem uma reunião com até dez pessoas por ali.

Por fim, os administradores de espaços corporativos no Google+ ganharam mais poderes. Eles podem determinar, por exemplo, que todos os posts internos sejam privados, assim como os Hangouts.

A companhia promete mais novidades dentro dos próximos meses, como um aplicativo do G+ para empresas que rodará em dispositivos móveis.

Fique por dentro de tudo o que acontece no Diolinux...


Google e Apple: Nova briga por patentes

Nenhum comentário
Na biografia de Steve Jobs, escrita por Walter Isaacson, o autor da obra conta que o confundador da Apple estava disposto a iniciar uma guerra contra o Android e, consequentemente, contra o Google. Para ele, a ideia do sistema operacional da gigante de buscas foi roubada da Apple e, por isso, a plataforma é muito parecida com o iOS.

Apesar da aversão de Jobs ao Android, a Apple nunca entrou em guerra contra o Google. Pelo menos, não diretamente. O julgamento contra a Samsung parecia algo isolado, mas há quem acredite que depois do veredicto de que alguns recursos do Android violaram patentes da Apple, forçando o Google a ajustar seu software, o confronto entre as duas companhias pode aumentar.

Segundo o jornal New York Times, outro ponto que pode intensificar a batalha entre as concorrentes é o plano do Google de criar seu próprio hardware com a ajuda da Motorola Mobility, que foi adquirida pela empresa neste ano.



Apple X Google

“O desejo da Apple é colocar o Google em um lugar de destaque, mas como a empresa ainda não é capaz de competir de igual pra igual, a Apple está indo atrás de fabricantes reais”, afirmou Charles S. Golvin, analista de mobilidade da Forrester.

O especialista ainda acredita que o Google pode acabar na mira da Apple se não tomar cuidado. Segundo ele, o Android precisa voltar à pranchete e ser redesenhado com todo cuidado para não sofrer possíveis acusações. Golvin ainda afirma que vale uma análise bem de perto do iOS da Apple para que a equipe do Google elimine qualquer detalhe que pareça arriscado em termos de violação de patentes.

Por outro lado, Robert P. Mergers, diretor do centro de tecnologia da Universidade da Califórnia (Estados Unidos), considera que se a Apple for realmente atrás da gigante de buscas, ela pode acabar prejudicando seus próprios produtos. O iPhone possui barra de pesquisa do Google no seu navegador Safari e o Google oferece aplicativos populares à plataforma da concorrente como o Gmail, por exemplo. Ou seja, sem estes recursos o iPhone poderia se tornar menos atraente.

Mergers ainda acredita que seria muito difícil para a Apple provar que o Google estaria se beneficiando financeiramente com a violação de patentes, já que a companhia oferece o Android de graça às fabricantes de hardware. Para ele, as fabricantes sempre serão consideradas responsáveis por possíveis danos causados à Apple e não o Google. Portanto, a empresa deveria continuar com a mesma estratégia de mercado, oferecendo o software sem se arriscar no hardware.

E aí, o que você acha desta história? O resultado do julgamento ou uma possível tentativa do Google de lançar um smartphone próprio poderia desencadear uma guerra entre a Apple e o Google? Deixe sua opinião dos comentários abaixo.


Fonte

Fique por dentro de tudo o que acontece no Diolinux...


FIrefox 16 beta já está disponível

Nenhum comentário

quinta-feira, 30 de agosto de 2012


Novo Firefox 16
A Mozilla anunciou hoje a liberação para download recente versão de testes (Beta) do navegador Firefox para desktops e dispositivos Android.
Nos desktops, a grande novidade do Firefox 16 é o Developer Tool Bar, mais acessível, além de outras funcionalidades que facilitam a programação em diversas linguagens.
Já a atualização para Android traz uma melhor visualização para leitura de notícias e artigos com o Reader Mode, que também permite compartilhar a página lida por bluetooth, email e SMS.
Os links para download das versões beta do Firefox 16 são:


Fique por dentro de tudo o que acontece no Diolinux...


Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo