Diolinux - O modo Linux e Open Source de ver o Mundo

Responsive Ad Slot

Wire - Uma aplicativo de chat para Linux com chamadas de vídeo e criptografia ponta-a-ponta

Nenhum comentário

quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Quem busca mesclar as funcionalidades do Telegram e do Skype em uma só aplicação pode gostar de conhecer o Wire, ele é um aplicativo de chat com versão para todos os sistemas operacionais, tanto móveis, quanto para desktop e ainda possui uma versão Web, possuindo várias características interessantes, saiba mais:

WireApp Linux




O Wire é um aplicativo de comunicação muito interessante, ainda que não seja tão popular quanto os concorrentes. Alguns dos desenvolvedores dele são responsáveis pela funcionamento do áudio das primeiras versões do Skype, ele possui foco em privacidade e tem vários recursos que você vai achar interessante.

Recursos


Ele tem vários, mas podemos comentar aqui alguns dos mais interessantes:

- Criptografia ponta-a-ponta;
- Código aberto (Github);
- Chamadas de Voz e Vídeo;
- Chamadas em grupo (até 10 pessoas);
- Mensagens em áudio e vídeo com filtros de áudio para modificar a voz;
- Suporte para GIFs e desenhos sobre as imagens;
- Compartilhamento de arquivos via Google Drive, Dropbox e outros;
- Reprodução de arquivos e músicas do YouTube, Spotify, Vimeo SoundCloud sem a necessidade de sair do App.
- Visualização de links dos sites com miniaturas quanto disponível.

Wire Linux

Como você pode ver, ele tem vários recursos interessantes, pode ser uma boa solução para você que está em busca de alternativas, você pode baixar ele para o seu Smartphone ou Tablet e também para o seu computador incluindo Linux, Mac e Windows no botão abaixo.
Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Lançado o Ubuntu 16.10 Yakkety Yak com o novo Unity 8 como alternativa

Nenhum comentário
A versão final do Ubuntu 16.10 está disponível para download, o Yakkety Yak chega com várias pequenas mudanças em relação ao Ubuntu 16.04 LTS que saiu em Abril passado, mas sem dúvidas o grande destaque é a nova versão do Unity que chega como uma opção para os usuários.

Ubuntu 16.10



O novo Ubuntu foi lançado hoje e você já pode baixar a versão 16.10 que está em desenvolvimento há cerca de seis meses. 

Mudanças


Houveram algumas mudanças no Unity 7, agora a versão entregada é o 7.5, o Compiz também recebeu alguns ajustes, melhorando a estabilidade. A nova função de low graphics também vai permitir que o Unity 7 rode em computadores mais modestos com maior facilidade.

O Nautilus também foi atualizado, por conta disso alguns recursos que já estavam presentes nas distros que usam o Gnome Shell vão estar presentes nesta nova versão do Ubuntu, claro, com os devidos patches que a Canonical costuma aplicar para melhorar a integração com o desktop do Ubuntu. Além disso, temos também uma nova versão do Kernel, o 4.8.

A ISO do novo Ubuntu também está maior do que a de Abril, cerca de 100 MB a mais, isso acontece por dois motivos, a inclusão do Unity 8 como alternativa de desktop e também a inclusão de mais pacotes de idioma, assim na hora de fazer a instalação não será necessário esperar tanto para ter um sistema na língua desejada enquanto os pacotes de idiomas seriam baixados.

Nautilus Ubuntu 16.10
Imagem: OMG!Ubuntu
Quem desejar utilizar o Unity 8 com o Mir poderá fazê-lo sem problemas através da própria tela de login, porém, ainda há limitações e o novo Unity ainda não é o padrão por motivos óbvios, faltam muitos detalhes ainda para torná-lo 100% utilizável no PC, assim como é hoje e dia nos Smartphones, mas com ele presente você pode ajudar os desenvolvedores a trazer ele para o desktop mais rápido, reportando bugs e dando sugestões.

Além disso, todas as aplicações padrões do Ubuntu foram atualizadas também, assim como os drivers de vídeo disponíveis diretamente na instalação. Inclusive, aqui cabe uma observação, até onde eu sei o Unity 8 não funciona ainda com drivers proprietários.

Download


Agora que você já sabe o básico do Ubuntu 16.10 Yakkety Yak, está na hora de fazer o download para começar a fazer os testes. Você pode baixar tanto ISO quanto por torrent diretamente no site oficial.
Em breve teremos também a review do canal do Diolinux no YouTube sobre esta versão do Ubuntu.

Até a próxima!

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Dicas para dominar o terminal Linux

Nenhum comentário
Muitas pessoas encaram o Terminal Linux como um fator de dificuldade para utilizar o sistema, porém, nós temos que observá-lo pela ótica pela qual ele foi projetado, ou seja, ele é uma ferramenta poderosa para administração do sistema, dominando o terminal você conseguirá dizer para o computador exatamente o que você quer que ele faça.

Dominando o Terminal Linux





Muitas pessoas tem medo ou aversão ao Terminal, porém, atualmente no Linux ele é uma ferramenta opcional, no melhor estilo "usa quem quiser", basta usar uma distribuição que tenha ferramentas para isso, entretanto, dominar o terminal é algo essencial para você tomar as rédias do seu computador, e não somente no Linux, mas até mesmo no Windows e no Mac, o fato de você conseguir "conversar" na língua do Terminal permite que você faça tudo o que você quiser com o seu computador, o que é algo fantástico, sem sombra de dúvidas!

Eu sei que como o terminal não é uma ferramenta intuitiva, as vezes pode ser complicado utilizá-lo em primeira instância, mas eu lhe asseguro que não é nada demais  e para te ajudar a criar fluência no terminal (o quão fluente você é no terminal?) o Tiago Salem, engenheiro da Canonical e do Ubuntu Phone, e eu, fizemos um vídeo para te passar algumas dicas muito legais, assim você não vai ter mais medo do terminal, confira:



Como você viu no vídeo, nós temos uma promoção incrível rolando para você virar um ninja do terminal, mas o tem é curto, vai até o meio-dia do dia 13 de Outubro, no momento deste post você tem menos de 20 minutos para participar.
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Arquitetura ARM não é a preferida de Linus Torvalds

Nenhum comentário

terça-feira, 11 de outubro de 2016

Linus Torvalds, criador do Kernel Linux, declarou em uma entrevista a sua preferência por arquitetura de processadores, apesar dos ARM serem muito populares hoje em dia graças aos dispositivos móveis, eles não são a preferência de Torvalds.

ARM e Linus Torvalds




Recentemente Linus Torvalds respondeu algumas perguntas em uma conferência da Linaro Connect, uma delas foi questionando qual era a sua arquitetura de processadores favorita, sem balbuciar ele respondeu: x86.

Após a resposta, Linus foi indagado do por quê da escolha, ainda mais por conta da popularidade atual da arquitetura ARM, utilizada em inúmeros Smartphones que rodam Android, que por sua vez rodam o Kernel Linux.

Torvalds comentou que o a longa história de vida do x86 certamente ajuda ele a ter uma posição privilegiada em seu conceito. Segundo o criador do Linux, toda essa história faz com que haja pouca fragmentação de software e hardware e "as coisas simplesmente funcionam".

Para Linus, a infraestrutura em torno do CPU importa mais do que ele mesmo:

“O que importa é toda a infraestrutura em torno do conjunto de instruções, e a x86 possui toda essa infraestrutura...em muitos níveis diferentes. Está fez um caminho que nenhuma outra arquitetura conseguiu fazer até o momento”, afirmou Torvalds.

Isso explica um pouco da fragmentação do Android, onde cada especificação é ligeiramente diferente da outra, obrigando os desenvolvedores a criarem versões do Kernel específicas para cada dispositivo, segundo Linus, a variedade e tão grande que é este pode o principal motivo de não haver uma versão do Android que rode em todos os aparelhos sem distinção.

Fonte.
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Como alterar Metadados de arquivos de áudio e vídeo no Linux usando o VLC

Nenhum comentário
Nesta semana um amigo me pediu uma forma simples de alterar metadados de um vídeo que ele tinha no Ubuntu, uma vez que ele conseguia mexer nas informações do arquivo utilizando o próprio Windows Explorer. Pois é, o Nautilus não tem essa função nativamente, mas acho que a maneira mais simples de todas é utilizar o VLC, até porque serve para qualquer plataforma, não somente Linux, independente de distribuição.

VLC Metadata




O VLC é um programa incrível e cheio de funções, algumas delas estão tão rebuscadas que as pessoas nem imaginam, uma delas é justamente alterar as funções de metadados dos arquivos em execução, incluindo uma função de identificar o "Audio Fingerprinting", que também muito interessante.

O VLC está disponível para todos os sistemas operacionais e certamente você vai encontrá-lo na Central de Programas do Ubuntu, ou de qualquer outra distro. Instale ele da forma que achar mais conveniente.

Uma vez estando com o VLC instalado, basta abrir o arquivo que você desejar através dele, uma vez que o arquivo estiver sendo reproduzido, você pode acessar o menu Ferramentas>> Informação sobra a Mídia, uma janela vai se abrir onde você pode fazer todas as edições que desejar:

VLC

Depois de alterar os dados como desejar, basta clicar em "Salvar Metadados" e pronto! Muito simples e multiplataforma, lembra que funciona tanto para vídeos, quanto para músicas.

Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Skype Alpha para Linux agora pode fazer chamadas de vídeos (com restrições)

Nenhum comentário
A Microsoft vem trabalhando numa nova versão do Skype, esta versão está atualmente em fase Alpha de desenvolvimento, o que significa que ele naturalmente possui bugs e nem todos os recursos estão plenamente funcionais, entretanto, ele já deve ser o suficiente para a maior parte dos usuários.

Skype Alpha




O Skype Alpha agora tem a capacidade de conversar por áudio e vídeo no Linux também, mas com uma limitação, isso só funciona entre os usuários do Skype Alpha para Linux, o que limita um pouco as coisas, mas indica que trabalhos estão sendo feitos para melhorar o produto.

Como eu comentei recentemente em outro post, a Microsoft estaria trabalhando numa nova solução para o Skype que seria multiplataforma chamada Skype for Life, e a versão para Linux seria o miolo deste projeto atualmente. Essa versão do Skype economizaria tempo de desenvolvimento pois funcionaria em vários dispositivos diferentes e independente do sistema operacional.

Quer testar o novo alpha do Skype para Linux? Veja mais detalhes sobre ele e como baixar neste post do blog.

Até a próxima!
_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Google lançara nova versão do Chrome que consumirá 50% a menos de RAM

Nenhum comentário

segunda-feira, 10 de outubro de 2016

Uma das principais reclamações dos usuários do Google Chrome em relação ao browser é o grande consumo de recursos do computador, especialmente de memória RAM, mas parece que a Google finalmente vai ouvir os consumidores e melhorar este aspecto no programa.

Chrome consumirá menos memória RAM




A Google está preparando uma atualização para o Chrome que reduzirá drasticamente o consumo de memória pelo navegador, a mudança chegará com a versão 55 do navegador, e curiosamente vem com a promessa de que haverá até 55% de redução no consumo de RAM, essa versão está prevista para chegar em Dezembro deste ano.

Essa grande mudança se deve ao fato de estar acontecendo uma grande mudança no motor que renderiza JavaScript, isso deve beneficiar especialmente as pessoas que tem computadores mais modestos e aos que gostam de usar várias abas abertas simultaneamente, a mudança também deve afetar a versão para dispositivos móveis do Chrome, assim o navegador será mais leve também para Smartphones de entrada.

_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Blog Diolinux © all rights reserved
made with by templateszoo