Shashlik: O projeto que vai trazer os Apps do Android para o Desktop Linux Dionatan Simioni segunda-feira, 7 de março de 2016

Rodar as aplicações do Android em uma distribuição Linux de desktop é um objetivo antigo, existem vários emuladores diferentes, um dos melhores é o Genymotion, mas não havíamos visto algo parecido com o Shashlik até o momento.

Apps do Android no Linux Desktop




Eu já recebi muitas vezes esta pergunta: "Se o Android é baseado no Linux, por que os programas do Android não rodam no PC?". Apesar do Android usar um Kernel Linux as aplicações necessitam de bibliotecas de execução diferentes e normalmente são projetadas para trabalhar de forma diferente também, interagindo com o hardware do aparelho, como sensores por exemplo, fora a arquitetura do processador, os windows managers, etc.

Shashlik


O projeto open source Shashlik ((churrasco em Russo) e um parênteses no parênteses, não faço ideia da relação de churrasco com Android, aliás, nem existe tradução para o português, mas para o inglês o Google Tradutor traduz para "barbecue", então...) pretende fazer isso acontecer. Ele ainda está em desenvolvimento mas já consegue fazer algumas proezas, dentro de suas limitações, é claro.

Basicamente o que ele faz é rodar o Android (não completamente, mas o necessário para rodar os Apps) em backgroud enquanto o ambiente Linux Desktop tradicional roda normalmente, é quase como se fosse um "Wine" mas muito mais integrado, a ideia dos desenvolvedores é fazer com que a necessidade de rodar quase que um sistema em paralelo no backgroud vá diminuindo com o tempo. 

Eu ainda não encontrei muita informação sobre ele na internet, vídeos, imagens ou coisas do tipo, porém, encontrei este demonstrativo em vídeo rodando no Netrunner OS com o App do Spotify, confira:



Eu não sei quais as condições da máquina em que foi rodado o teste acima mas podemos ver o quanto lento ele foi para iniciar, ou seja, melhoras precisam vir, pelo menos é o que esperamos, mas de qualquer forma é bom ver que já está funcionando.

Apesar de não ter encontrado no site do Shashlik uma relação direta com o Netrunner, algo me diz que são pessoas que estão envolvidas nos dois projetos, tanto que o download oficial do Shashlink possui apenas compatibilidade oficial com o Ubuntu e o Arch Linux, ambas bases do Netrunner OS, uma vez que o sistema lança duas versões e principalmente o fato de que o Shashlik parece funcionar, por enquanto pelo menos, apenas no ambiente KDE com o Plasma 5, também algo que o Netrunner carrega, mas até então são só evidências não comprovadas, nada demais...

Como testar o Shashlik


Como eu comentei, "o treco" ainda tem restrições para funcionamento, a primeira delas é, tenha o ambiente KDE Plasma 5, não adianta tentar com outro ambiente ou com o KDE 4 (acredite, eu tentei), por enquanto eu só "sento e choro", mas vou criar uma máquina virtual com o Kubuntu ou o Manjaro para testar novamente, se funcionar legal faço até um vídeo para vocês no canal.

Se você usa algum derivado do Ubuntu ou algum derivado do Arch fica mais fácil, existem pacotes prontos para ambas as distros, para os demais você pode compilar você mesmo se tiver interesse, basta clicar aqui para ir para a página de downloads do Shashlik.

Como instalar um aplicativo?


Antes de mais nada você via precisar do APK do App que você deseja instalar, então divirta-se, na internet tem vários sites que você pode baixar APK, como o APK Mirror por exemplo. Depois de ter instalado o Shashlik você vai poder instalar a aplicação pelo terminal ou pela interface gráfica do KDE Plasma 5. No Konsole (terminal) do Plasma você vai navegar até a pasta onde você baixou o APK que deseja testar e rodará o seguinte comando:
/opt/shashlik/bin/shashlik-install nome_do_app.apk
Onde  nome_do_app.apk deverá ser substituído pelo nome do App que você baixo, parece que já dá pra jogar Flappy Bird numa boa, olha só:

Demonstração do Shashlik

Um fato interessante sobre o Shashlik é a integração com o sistema operacional que ele proporciona, como você viu no vídeo, ele consegue extrair o ícone do APK e criar uma entrada no menu que proporciona uma execução sem complicação, semelhante a qualquer outro programa instalado convencionalmente, todo o processamento fica por trás da interface, o único "problema" até então é que instalar os Apps ainda pode ser um pouco confuso para iniciantes, por conta dos comandos e coisas do tipo, mas como ele está ainda em desenvolvimento é natural supor que no futuro haverá uma espécie de "instalador de APKs" que facilite as coisas, tal como é com o gdebi hoje em dia.

Para aumentar a compatibilidade de interfaces é interessante instalar este pacote:
sudo apt-get install kde-baseapps-bin

Bom para o Ubuntu Phone


Sei não... mas bem que a Canonical poderia injetar uma grana neste projeto né? Integrar o Shashlik ao Ubuntu poderia trazer o tão aclamado WhatsApp ao Ubuntu Phone, e de quebra uma gama enorme de aplicações, só uma ideia... 

O projeto tem código aberto e diferente de qualquer outro tipo de emulador Android que existe ele tenta simplesmente integrar as aplicações ao sistema dando as bibliotecas necessárias para rodar os Apps, e aparentemente, sem pesar muito.


_____________________________________________________________________________
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.




Dionatan Simioni
por Dionatan Simioni

Blogueiro, Youtuber, Escritor e Professor, usuário de Ubuntu e Android, apaixonado por games e tecnologia.

Siga-me @ Twitter | Facebook | Google Plus

comments powered by Disqus